Menu
2020-11-04T18:50:36-03:00
Rafael Lara
Rafael Lara
Estudante de jornalismo na Faculdade Cásper Líbero de São Paulo. Trabalhou em empresas como: TV Gazeta, Suno Research e Portal iG.
Bilionário

Elon Musk diz que Tesla quase faliu antes do lançamento do “Modelo 3”

O bilionário também defendeu que os CEOs deveriam trabalhar sem receber salário e ganhar participações da empresa no futuro

4 de novembro de 2020
16:27 - atualizado às 18:50
Elon Musk SpaceX
O empresário Elon Musk - Imagem: Shutterstock

A montadora de carros elétricos Tesla, do bilionário Elon Musk, já teve em vários momentos a situação financeira questionada. Mas agora o próprio empresário resolveu admitir que sua companhia esteve à beira da falência.

Isso aconteceu quando a Tesla ainda não tinha descoberto como produzir em massa o carro elétrico "Modelo 3". A declaração foi feita por Musk em sua conta no Twitter.

Leia também:

Enquanto se envolvia em uma discussão sobre a arrecadação de fundos da Tesla, um seguidor questionou: "Quão perto a Tesla estava da falência ao trazer o Modelo 3 para produção em massa?".

O bilionário respondeu: "O mais próximo que chegamos foi cerca de um mês. O estirão do Modelo 3 foi extremamente estressante e doloroso por um longo tempo - de meados de 2017 a meados de 2019. Num inferno de Produção e logística.”

O inferno a que Musk se refere é o de levar um veículo elétrico para uma fabricação de alto volume. O bilionário e sua empresa nunca haviam falado publicamente sobre o quão perto estavam de falir.

No início do ano passado, quando a Tesla estava em fabricação de menos de 63 mil unidades do Modelo 3 por trimestre, Musk arrecadou bilhões ao promover um evento do "Dia da Autonomia" e em ligações com investidores institucionais.

Na época, Musk e seus executivos afirmavam em relatórios financeiros trimestrais que sua empresa seria capaz de financiar as necessidades de negócios com o fluxo de caixa existente.

Musk defende que CEO não deva receber salário

No mesmo dia, Musk defendeu em seu Twitter o seu estilo de remuneração de CEO.

Quando um fã comentou sobre o acordo de Musk em 2018 para ser CEO da Tesla, sem receber salário, mas com acúmulo de direitos para comprar ações da empresa mais tarde a preços fixos condicionado aos marcos que o bilionário atingisse, Musk disse que isso foi extremamente necessário para o desenvolvimento de sua outra empresa, a SpaceX.

“Sim, embora eu não esperasse que a ação subisse tanto tão cedo. O motivo das opções de ações é que elas são necessárias para ajudar a pagar para que a humanidade chegue a Marte em 10 a 20 anos”, twittou Musk.

Musk ganhou várias parcelas desse pacote de compensação num valor de mais de US$ 11 bilhões. Enquanto isso, a pandemia do novo coronavírus (Sars-Cov-2) se alastrava e a Tesla reduzia o pagamento de seus funcionários, dispensou os trabalhadores e mandou eles voltarem para construir carros em Fremont, Califórnia, antes do estado e o condado considerassem seguro fazê-lo.

*Com informações da CNBC

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Após vacinação e apoio fiscal

Economia dos EUA está “em ponto de inflexão” positivo, diz Powell, do Fed

Economia norte-americana está prestes a começar a crescer muito mais rapidamente, afirmou presidente do banco central norte-americano em entrevista

nos estados unidos

Remuneração de CEOs cresceu em meio à pandemia

Recuperação do mercado de ações impulsionou ganhos de executivos em 2020, que tiveram remuneração média de US$ 13,7 mi no período

Após estremecimentos

China quer parceria estratégia com Brasil, diz chanceler asiático

Chanceler chinês, Wang Yi, falou com o novo ministro das Relações Exteriores do Brasil, Carlos Alberto Franco França.

entrevista

Bittar reafirma que Guedes sabia de acordo para destinar verba a emendas

Apontado como um dos artífices da “maquiagem” no Orçamento, o senador Marcio Bittar diz que não chegou sozinho ao valor de R$ 29 bilhões em emendas

Apesar da pandemia

Saúde perde espaço em emendas parlamentares

Números mostram estratégia dos parlamentares para destinar recursos para obras e projetos de interesse eleitoral em seus redutos

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies