Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-08-13T20:16:15-03:00
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Diretor de redação do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA, trabalhou nas principais publicações de economia do país, como Valor Econômico, Agência Estado e Gazeta Mercantil. É autor dos romances O Roteirista, Abandonado e Os Jogadores
Balanço

B3 tem lucro 28,9% maior no 2º trimestre e aumenta investimento para dar conta do volume da bolsa

A dona da bolsa brasileira registrou lucro líquido recorrente de R$ 1,012 bilhão e pretende investir até R$ 425 milhões em sistemas e novos produtos para o mercado

13 de agosto de 2020
20:05 - atualizado às 20:16
Sede da B3, no centro de São Paulo, Ibovespa
Sede da B3, no centro de São Paulo - Imagem: shutterstock

O aumento no volume de negócios no mercado financeiro em meio à crise do coronavírus e a queda da taxa básica de juros (Selic) beneficia diretamente a B3, dona da bolsa brasileira.

A empresa registrou lucro líquido recorrente de R$ 1,012 bilhão no segundo trimestre, o que representa um aumento de 28,9% em relação ao mesmo período do ano passado.

A receita líquida da B3 aumentou 34,3% em relação aos meses de abril a junho de 2019 e atingiu R$ 1,9 bilhão.

O Ebitda, que representa o lucro antes do pagamento de juros, impostos, depreciação e amortização, aumentou 42%, para 1,4 bilhão — com uma margem de impressionantes 74,4%.

Mais investimentos

Para dar conta do aumento do volume de negócios na bolsa, a B3 anunciou um aumento no orçamento de investimentos neste ano para uma faixa entre R$ 395 milhões e R$425 milhões. A estimativa anterior variava de R$ 300 milhões até R$ 330 milhões.

A dona da bolsa também pretende investir em projetos recentemente aprovados com o objetivo de adicionar produtos e serviços aos participantes do mercado.

No segundo trimestre, o volume médio diário negociado no mercado de ações brasileiro foi de R$ 28,3 bilhões, um aumento de 91,9% ante o mesmo período de 2019.

O número de investidores mais que dobrou para mais de 2,5 milhões, um fenômeno relacionado diretamente com a queda da taxa básica de juros (Selic).

“Nos mercados de capitais e financeiro brasileiros, passamos por um momento inédito que combina volatilidade gerada pelas incertezas que acompanham a crise atual a um cenário de taxas de juros em patamares historicamente baixos”, escreveu o presidente da B3, Gilson Finkelsztain, no relatório que acompanha o balanço.

Essa combinação ajuda a impulsionar os números da B3 — e o desempenho das ações. No ano, os papéis da dona da bolsa (B3SA3) acumulam valorização de 44%, contra uma queda de 13% do Ibovespa no mesmo período.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

FECHAMENTO DO DIA

Investidores tentam equilibrar noticiário e Ibovespa emplaca mais um dia de alta; dólar tem queda firme com ômicron no radar

Com o avanço da PEC dos precatórios, a pandemia se torna um dos únicos gatilhos negativos a rondar o Ibovespa,

DOBRANDO A ESQUINA

Lucro das empresas com ações na bolsa deve cair 6,3% em 2022, diz BTG Pactual

Mesmo assim ainda é possível encontrar setores em que o cenário é positivo; saiba quem é quem

Bateu o martelo

IPO do Nubank sai no topo da faixa indicativa, a US$ 9; banco ultrapassa Itaú (ITUB4) e é a instituição financeira mais valiosa da América Latina

Com isso, os BDRs, que serão negociados por aqui a partir da próxima sexta-feira (10), saem valendo R$ 8,38

Juros nas alturas

Selic decola a 9,25%, maior patamar em quatro anos; BC assume tom duro e indica nova alta de 1,5 ponto em fevereiro

Com a nova alta de 1,5 ponto concretizada hoje, a Selic saiu do patamar de 2% em janeiro e fecha o ano em 9,25%

CRYPTO NEWS

Guia prático para ter sucesso investindo em bitcoin e outras criptomoedas

Veja dicas das quais sempre me lembro durante os momentos mais complexos. Sugestão: anote-os em um caderno e os releia antes de abrir o site da corretora e decidir fazer uma operação

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies