Menu
2020-07-01T11:11:21-03:00
Estadão Conteúdo

PMI industrial sobe para 51,6 pontos em junho, diz IHS Markit

Foi o primeiro mês de crescimento desde fevereiro. Desde então, a pesquisa mostrava patamares baixos em função da crise desencadeada pelo coronavírus

1 de julho de 2020
11:11
indústria dados ibge
Imagem: Shutterstock

O Índice de Gerente de Compras (PMI, na sigla em inglês) Industrial deu um salto entre maio e junho, saindo de 38,3 pontos para 51,6 pontos, patamar que já indica alguma expansão da atividade (acima de 50 pontos), informou a IHS Markit nesta quarta-feira, 1º de julho.

Foi o primeiro mês de crescimento desde fevereiro. Desde então, a pesquisa mostrava patamares baixos em função da crise desencadeada pelo coronavírus.

Segundo a IHS Markit, o retorno à expansão dos volumes de produção e de novos pedidos foi o que sustentou o PMI em junho. "Contudo, o crescimento foi principalmente a nível interno - já que as vendas para exportação continuaram a cair - e os entrevistados continuaram a mencionar que os volumes de novos negócios permanecem, de um modo geral, extremamente baixos quando comparados com os observados antes do início da pandemia."

Então, com a operação abaixo da capacidade, as empresas também continuaram a cortar tanto os níveis de empregos quanto a atividade de compra, embora a taxas mais baixas do que no mês anterior, revela a nota da IHS Markit.

"As empresas indicaram uma necessidade de reduzir os custos nas suas fábricas, tanto os relativos à quantidade de compras quanto ao número de empregos, com o objetivo de aumentar a produtividade, ou utilizar estoques existentes na produção sempre que possível. Os estoques de insumos foram cortados pelo nono mês sucessivo em junho, ao passo que houve uma modesta queda nos produtos armazenados pelo décimo mês consecutivo."

Segundo a IHS Markit, a inflação dos insumos foi a mais acentuada em vinte e um meses devido ao câmbio depreciado e também ao encarecimento de produtos alimentícios. Dessa forma, as empresas repassaram, segundo a instituição, o aumento para os produtos, o que elevou essa taxa de inflação ao maior nível desde setembro de 2018.

Com o aumento da produção e de novos pedidos, assim como com projeções otimistas para a demanda e para as vendas nos próximos meses, o grau de otimismo dos empresários industriais atingiu o maior nível desde fevereiro.

"Temos que colocar os valores mais recentes no contexto do colapso da produção observado em abril e maio. O crescimento modesto é apenas uma pequena, embora positiva, forma de compensar as perdas recentes, e como resultado, as empresas - enfrentando um grande excesso de capacidade - continuam a cortar empregos e compras a um ritmo rápido", analisa o diretor de Economia da IHS Markit, Paul Smith.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

em busca de fidelização

Azul, Itaú e Visa lançam cartão em meio às incertezas com retomada

Empresas anunciaram cartão que dá desconto de 10% em passagens áreas e uma série de produtos

Retomada

Faturamento do setor de máquinas cresce 9,8% em setembro, diz Abimaq

O faturamento líquido total engloba as receitas obtidas com as vendas no mercado interno e no exterior já descontadas as despesas correntes do setor.

Negócio polêmico

Linx contesta convocação de assembleia da Totvs sobre protocolo de incorporação

Linx informa que não assinou documento com a Totvs e menciona artigo da Lei das S/A que determina que o protocolo do processo de incorporação precisa ter o aval de ambas as companhias

Deu pane no sistema

Ações da Microsoft despencam mesmo após bons resultados trimestrais

As ações negociadas em Nasdaq (MSFT) caíam 3,85% por volta das 14h46, cotadas a US$ 204,84.

Início de cobertura

BofA recomenda compra para as ações da Cury e vê potencial de valorização de 60%

Banco iniciou a cobertura dos papéis da incorporadora subsidiária da Cyrela, que fez IPO há cerca de um mês

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies