Menu
2020-07-09T18:57:37-03:00
Estadão Conteúdo
foco no nordeste

Desenvolvimento Regional autoriza R$ 30,7 milhões para saneamento em 17 Estados

Segundo a pasta, a maior fatia dos recursos foi destinada ao Nordeste (R$ 15,8 milhões), seguida pela região Norte (R$ 6,5 milhões)

9 de julho de 2020
18:57
Saneamento Básico
Imagem: Shutterstock

O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) autorizou o repasse de R$ 30,7 milhões para ações de saneamento básico em 17 Estados. Segundo a pasta, a maior fatia dos recursos foi destinada ao Nordeste (R$ 15,8 milhões), seguida pela região Norte (R$ 6,5 milhões).

Os recursos foram liberados para investimento em obras de abastecimento, esgotamento sanitário, manejo de águas pluviais e saneamento integrado, além de estudos e projetos para o setor, informou o ministério.

Segundo o MDR, desde janeiro, cerca de R$ 330 milhões foram repassados para execução em empreendimentos de saneamento básico pelo País. A carteira de obras e projetos no setor, coordenada pelo ministério, é de R$ 21,5 bilhões para financiamentos e de R$ 20,2 bilhões para o Orçamento Geral da União.

Responsáveis pela aplicação dos recursos, os Estados e municípios terão acesso aos pagamentos de acordo com a execução dos serviços. Dos valores autorizados nesta semana, R$ 6,5 milhões foram destinados a capital do Rio Grande do Norte, Natal, para obras de drenagem urbana sustentável na Arena das Dunas. Em Olinda (PE), o aporte será de R$ 5 milhões para obras de retificação e revestimento de trecho do canal Bultrins-Fragoso.

O terceiro maior volume de recursos autorizado vai obras em Parauapebas (PA), onde serão investidos R$ 4,81 milhões na elaboração de projetos de engenharia para implantação de sistemas de abastecimento de água e esgotamento sanitário na cidade.

Entre as regiões, o Sudeste receberá no total R$ 3,2 milhões, seguido pelo Centro-Oeste, com R$ 2,58 milhões, e o Sul, com R$ 2,56 milhões. Para o Estado de São Paulo, o repasse é de R$ 2,99 milhões para obras e intervenções nos municípios de Americana, Campinas, Hortolândia, Mogi Guaçu, Olímpia, São Bernardo do Campo, São José do Rio Preto e Tupã.

Em nota, o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, afirmou que o governo está mantendo o aporte em "obras importantes e que vão trazer melhores condições de vida à população brasileira". "Com esses recursos e a garantia de continuidade dos serviços, também conseguimos assegurar a oferta de empregos nesse momento de pandemia", disse.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Ninguém escapa

Cenário turbulento afeta até mesmo os IPOs da saúde, um dos setores preferidos dos investidores

Empresas com ofertas ambiciosas tiveram de reduzir suas estimativas de preços ou adiar datas para seguir com as operações

Disparada

No embalo do recorde do bitcoin, ações da Coinbase disparam mais de 70% na estreia na Nasdaq

O CEO da empresa, Brian Armstrong, comentou mais cedo sobre a abertura de capital da Coinbase ao portal CNBC

Fura-teto?

Criticado, governo vai rever PEC que livra obras do teto

O texto não caiu bem entre economistas, parlamentares e membros do próprio governo federal

Relembre a história

Crime e castigo: Bernie Madoff, responsável pela maior pirâmide financeira da história, morre na cadeia

Condenado a 150 anos de prisão, financista que fraudou US$ 20 bilhões e enganou milhares de investidores morreu em desgraça aos 82 anos. Conheça sua história e relembre seus crimes.

Atividade em queda

Indicador da FGV mostra contração da economia em março com agravamento da pandemia

A queda nas expectativas dos consumidores foi um dos destaques negativos entre os componentes do indicador

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies