Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-02-28T12:52:04-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Sábias palavras

Warren Buffett já falou das duas doenças que afligem os investidores. Nenhuma é o novo coronavírus

Segundo Buffett, a disseminação do vírus não muda a perspectiva de longo prazo da economia. Mas o que os investidores estão buscando mesmo são as palavras de mais de 30 anos do bilionário

28 de fevereiro de 2020
12:52
Warren Buffet
Warren Buffett - Imagem: Shutterstock

O bilionário Warren Buffett sempre tem algo a dizer. O magnata dono do conglomerado do Berkshire Hathway, dono de uma fortuna avaliada em US$ 72 bilhões, já manifestou em entrevista à rede americana CNBC a opinião de que o surto do novo coronavírus não é razão para vender ações.

Segundo Buffett, a disseminação do vírus não muda a perspectiva de longo prazo da economia. Mas o que os investidores estão buscando mesmo são as palavras antigas do bilionário, ditas há mais de 30 anos a seus acionistas.

"O que nós sabemos, entretanto, é que surtos ocasionais dessas duas doenças super-contagiosas, medo e ganância, sempre acontecerão na comunidade de investidores", escreveu Buffett, em carta aos acionistas, no ano de 1986.

"O timing destas epidemias será imprevisível. E as aberrações do mercado produzidas por elas serão igualmente imprevisíveis, bem como a sua duração e o seu grau. Então, nunca tentamos antecipar a chegada e o fim de qualquer uma dessas doenças."

"Nosso objetivo é mais modesto: nós simplesmente tentamos ser medrosos quando os outros são gananciosos e gananciosos quando os outros são medrosos", continua a carta. O interesse de investidores americanos por este trecho tem sido explícito.

Segundo a ferramenta Google Trends, que possibilita averiguar a tendência de procura por um termo em determinado período de tempo, a frase atingiu o maior número de buscas em 12 meses — embora esteja ainda bem longe do nível de buscas alcançado em 2008, em meio à crise financeira.

De qualquer forma, os mercados globais têm sofrido os efeitos negativos da cautela disparada pelo surto, e os negócios locais não fogem à regra. Na quarta-feira, 26, o Ibovespa teve a maior perda desde o Joesley Day, em quea de 7%, e na quinta-feira, 27, caiu 2,6% — para o menor nível em quatro meses. O dólar, enquanto isso, já bateu a marca de R$ 4,50. Confira nossa cobertura completa de mercados.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

em busca de recursos

AES Brasil (AESB3) aprova oferta pública e pode captar até R$ 1,8 bilhão

De acordo com a AES Brasil, o objetivo da oferta é acelerar seu plano de crescimento, com foco na diversificação do portfólio por meio de fontes complementares à hídrica, além de potencializar a criação de valor para os acionistas

o melhor do seu dinheiro

Mercados na semana: mais imposto, indefinição sobre dívidas e desaceleração na China

O Ibovespa acumulou uma perda de 2,5% na semana que termina e o dólar à vista avançou 0,28%, para R$ 5,28.  Foram três os principais fatores que impactaram os mercados: o anúncio de aumento de impostos, a indefinição sobre os precatórios — dívidas do governo com sentença judicial definitiva — e uma possível desaceleração da […]

Podcast Mesa Pra Quatro

De corretor de investimentos a árbitro e comentarista de futebol: conheça a trajetória de Arnaldo Cézar Coelho

O ex-árbitro e ex-comentarista de futebol é o convidado do podcast Mesa Pra Quatro. Ele conta como sua mãe influenciou a investir em imóveis e fala sobre a sua trajetória no mercado financeiro, um lado que poucos conhecem – confira agora

nome limpo na praça

Boa Vista (BOAS3): Itaú BBA inicia cobertura com ‘compra’ e potencial de alta de 27%

Preço-alvo para 2022 foi estabelecido em R$ 15,50, apoiado na tese de crescimento da companhia e do mercado de serviço de informações de crédito

de olho na inovação

Bitcoin é ineficiente como moeda e bom apenas para especulação, diz ‘Papa’ do valuation

Damodaran disse que a importância que tem sido dada ao bitcoin é desproporcional em relação ao seu papel na economia e minimizou a adoção da criptomoeda por El Salvador

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies