Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-11-20T18:39:20-03:00
Kaype Abreu
Kaype Abreu
Formado em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Colaborou com Estadão, Gazeta do Povo, entre outros.
mercado otimista

Ibovespa sobe 1% na semana, com avanço de vacinas e entrada estrangeira

Sexta-feira foi de maior aversão ao risco, com mercado local repercutindo mau humor externo e fala de Guedes, mas desempenho não foi o suficiente para apagar ganhos de uma semana marcada por anúncios sobre vacina

20 de novembro de 2020
18:16 - atualizado às 18:39
covid-19 correndo da vacinas
Imagem: Shutterstock

O Ibovespa terminou mais uma semana em alta, de 1,26%. Os mercados sustentaram o otimismo com base nos avanços na produção de vacinas contra a covid-19. O interesse por ativos de maior risco fez o dólar cair 0,95% nos últimos cinco dias, para R$ 5,38.

A busca por risco foi amenizada no pregão desta sexta-feira (20), com os investidores recupercutindo a indicação do secretário do Tesouro do dos Estados Unidos, Steven Mnuchin, de que deixará expirar diversos programas de emergência do Federal Reserve (banco central americano, o Fed).

Com o mau humor externo, o Ibovespa recuou 0,59% nesta sexta, marcando 106.042,48 pontos. O dólar subiu 1,3%, no primeiro pregão após o Ministro da Economia, Paulo Guedes, levantar a possibilidade de usar reservas para abater dívida pública.

Vacina pauta a semana

Apesar do dia de maior aversão ao risco, o que marcou a semana foi mesmo a possibilidade de uma cura para a covid-19 em breve.

Na segunda-feira (16), a farmacêutica americana Moderna atestou que seu imunizante tem 94,5% de eficácia. Dois dias depois a Pfizer informou uma eficácia de 95%.

Ambos os resultados são da terceira fase do desenvolvimento das vacinas e foram anunciados em meio a um avanço da covid-19 no hemisférios norte, após a baixa da doença nos últimos meses.

O sócio e líder de operações da mesa de renda variável da BlueTrade, Abner Maciel Gonçalves, disse ao Seu Dinheiro que o mercado está dividido entre a possibilidade de ter uma vacina efetiva no primeiro trimestre de 2021 e a chance de restrições mais fortes de circulação.

Volta do estrangeiro

Por ora, o pêndulo está mais para o lado do otimismo, a julgar pelo avanço de 12,7% do Ibovespa em novembro. A bolsa brasileira tem sido palco de um forte fluxo estrangeiro, com a entrada de R$ 25,7 bilhões no mês - maior nível da série de dados mensais, que vem desde o ano de 1995.

Os estrangeiros têm aproveitado algumas pechinchas - que ganharam esse status diante da baixa por conta da crise e agora a perspectiva da vacina. Petrobras e Vale se destacaram em alguns dias pelo grande volume financeiro movimentado.

As companhias aéreas, grandes perdedoras no mercado acionário no ano, avançaram de forma expressiva na bolsa durante a semana.

Veja as maiores altas do Ibovespa na semana:

CÓDIGOEMPRESAPREÇO (R$)VARIAÇÃO
AZUL4Azul PN34,6919,48%
GOLL4Gol PN22,1213,09%
CVCB3CVC ON16,0911,20%
VALE3Vale ON68,097,65%
BRAP4Bradespar PN50,937,34%

Veja as maiores baixas do Ibovespa na semana:

CÓDIGO EMPRESA PREÇO (R$) VARIAÇÃO
BRKM5Braskem PNA23,08-6,56%
GNDI3Intermédica ON70,09-5,92%
NTCO3Natura ON48,28-5,39%
MULT3Multiplan ON21,42-4,59%
KLBN11Klabin units23,35-4,50%

Fique de olho

Segundo especialistas, o movimento do exterior para a bolsa brasileira não tem garantia de continuidade - em especial porque o ambiente segue de deterioração fiscal e incerteza a respeito dos planos do governo com as contas públicas.

Além disso, há chances de novas medidas restritivas exigirem uma renovação do auxílio emergencial. O ministro Guedes disse no último dia 12 que poderia voltar a adotar a medida financeira. Algumas capitais brasileiras têm apresentado tendência de alta nos casos de covid-19.

Mais sensíveis ao risco fiscal, os juros futuros com vencimentos mais longos subiram hoje. Veja as taxas dos principais indicadores:

  • Janeiro/2021: de 1,93% para 1,92% (estável em uma semana)
  • Janeiro/2022: estável em 3,29% (estável em uma semana)
  • Janeiro/2023: de 4,98% para 5,00% (4,89% há uma semana)
  • Janeiro/2025: de 6,76% para 6,80% (6,71% há uma semana)

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

INVESTIMENTO X PAIXÃO

Vale a pena ser cartola? Saiba como funciona a SAF, que permite a investidores se tornarem donos de times de futebol

Depois de Cruzeiro e Botafogo, diversos clubes estudam a possibilidade de transformação em Sociedade Anônima do Futebol (SAF); veja se é um bom negócio

Alívio do leão

IRPF: Receita abre hoje consulta para lote residual de restituições

O lote contempla mais de 240 mil contribuintes que caíram na malha fina do leão nos últimos anos por inconsistências nas declarações do imposto de renda, mas que acertaram as pendências com o Fisco

Tartaruga x lebre

Warren Buffett está prestes a bater o retorno do fundo de empresas de tecnologia que brilhou na crise

As ações da Berkshire Hathaway, holding do bilionário, conseguiram lentamente se aproximar do retorno do ARK Innovation ETF, da badalada gestora Cathie Wood

Concurso 2446

Mega Sena acumula; confira os números sorteados e a previsão de prêmio para o próximo concurso

As dezenas sorteadas do concurso 2446 da Mega Sena foram 1-13-27-41-51-58. Próximo sorteio acontece no dia 25 de janeiro

Em busca de liquidez

WDC Livetech da Bahia (LVTC3) fará oferta para destravar negociações com ações para o pequeno investidor

Os papéis da WDC estrearam na B3 em julho do ano passado em oferta de ações restrita a investidores profissionais

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies