Menu
2019-06-14T09:53:37-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
fala maia

‘É preciso entender que o relator foi ao limite’, diz Rodrigo Maia

Presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse ao Estado que votar reforma no plenário depende da capacidade de mobilização dos líderes partidários

14 de junho de 2019
9:10 - atualizado às 9:53
Rodrigo Maia
Rodrigo Maia - Imagem: André Dusek/Estadão Conteúdo

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo, disse que o relator da proposta, Samuel Moreira (PSDB-SP), foi "ao limite" no seu parecer.

Na quinta-feira, 13, o relatório do projeto foi apresentado na comissão especial, depois de muita expectativa criada. Agora, os olhos de todos se voltam para a votação da reforma na comissão e no plenário da Câmara dos Deputados.

Conforme contou o Eduardo Campos por aqui, no cenário menos agradável, o texto só começa a ser debatido em plenário em agosto. De qualquer forma, Maia agora faz uma avaliação do que aconteceu ontem na comissão. Confira os principais trechos da entrevista.

Como o sr. avalia o parecer que foi apresentado à comissão?
Foi uma demonstração de capacidade de articulação do relator. Aprovar um texto não depende das suas convicções, mas da capacidade do relator de construir maioria. Acho que fez isso muito bem.

Qual o risco de desidratação a partir de agora? Falam em mexer ainda mais no texto, o que pode reduzir a economia em mais R$ 150 bilhões?
Não acredito. Espero que todos compreendam que o relator foi ao limite. Qualquer mudança será uma sinalização ruim e vai reduzir a possibilidade de o Brasil voltar a crescer, gerar empregos e reduzir os juros básicos para um patamar histórico, na faixa dos 5% ao ano (hoje, está em 6,5% a.a.).

É possível votar no plenário antes do recesso de julho?
Eu gostaria. Vai depender da capacidade de mobilização dos líderes partidários com os seus deputados para encerrar o debate até o dia 25. Agora é garantir o que está no texto e trabalhar para construir o acordo com os governadores para que Estados e municípios voltem à reforma.

*Com informações do jornal O Estado de S. Paulo.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

executivo de carreira

Vice-presidente do BB, Walter Malieni, morre aos 50 anos

Executivo de carreira do BB, com mais de 35 anos de casa, Malieni completaria 51 anos em novembro

números da covid

Covid-19: Brasil tem 2,96 milhões de casos e 99,5 mil mortes

Nas últimas 24 horas, foram registrados 1.079 óbitos, segundo o balanço diário do Ministério da Saúde divulgado hoje (7)

Reserva de R$ 1,3 bi para gastos

Iguatemi vai recomprar até 1,3 milhão de ações

Quantidade representa 1,5% dos papéis em circulação da companhia. Ações acumulam queda de mais de 30% no acumulado de 2020

seu dinheiro na sua noite

Uma conversa sobre investimentos para o meu pai

O primeiro salário que recebi na vida foi em julho de 1994, mês inaugural do Plano Real. Foi com esse dinheiro que saí pelas lojas do bairro do Gonzaga, em Santos, em busca de um presente para dar no Dia dos Pais. Desde então, esse sempre foi um problema para mim, porque meu pai não […]

Preferência

Oi fecha acordo de exclusividade com Vivo, Claro e Tim para venda de operação móvel, diz jornal

Após fim da exclusividade da Highline, que desistiu de fazer nova oferta, teles brasileiras passam à frente, com oferta de R$ 16,5 bilhões

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements