Menu
2019-10-08T15:26:16-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
olho no futuro

Presidente da Petrobras nega planos para privatizar a empresa

Roberto Castello Branco lembrou que empresa tem oferecido planos de demissão incentiva para os funcionários das áreas que estão sendo vendidas

8 de outubro de 2019
14:54 - atualizado às 15:26
Petrobras
Imagem: Shutterstock

Embora a empresa passe por um longo processo de desinvestimentos em diversas áreas, o presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, negou nesta terça-feira, 8, que a companhia será privatizada.

"Não existe nenhum plano de privatizar a Petrobras, isso é um fantasma", respondeu, em audiência pública na Comissão de Minas e Energia da Câmara dos Deputados.

O presidente da Petrobras lembrou ainda que a empresa tem oferecido planos de demissão incentiva para os funcionários das áreas que estão sendo vendidas. "Não vamos deixar ninguém para trás", completou Castello Branco.

No início da tarde desta terça-feira, 8, as ações ordinárias da estatal PETR3 eram negociadas a R$ 28,51, numa alta de 0,39%. Veja nossa cobertura de mercados. 

Outras privatizações

No último dia 3, o secretário especial de Desestatização, Desinvestimento e Mercados do Ministério da Economia, Salim Mattar, disse que o governo pretende realizar novas privatizações ainda em 2019, mas não adiantou quais empresas deixarão de ser controladas pela União nos próximos meses.

Mesmo já tendo batido a meta de US$ 20 bilhões em privatizações neste ano, Mattar admitiu que os processos de venda dessas empresas têm sido mais lentos do que ele esperava.

Segundo ele, existe grande alinhamento entre os ministros sobre privatizações, mas ainda se discute o 'timing' para cada processo. O secretário disse esperar celeridade a partir de agora, por exemplo, no projeto de saída do controle da Eletrobras.

Além disso, as "joias da coroa" como Petrobras, Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil também precisariam de aval do Congresso para ser privatizados. "Mas Petrobras, Caixa e BB não estão em nosso mandato para privatização", enfatizou Mattar.

*Com Estadão Conteúdo 

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

FECHAMENTO DA SEMANA

Juros futuros são grandes protagonistas da semana e ainda prometem mais emoção; dólar recua 1% e bolsa fica no vermelho

Com Copom duro e a sinalização de uma possível elevação nas taxas de juros nos EUA, os principais contratos de DI dispararam. Na semana, o dólar recuou com o forte fluxo estrangeiro e a bolsa seguiu o ritmo das commodities (mais uma vez)

Calendário completo

Banco Central: veja as datas das reuniões do Copom em 2022

O Copom é o órgão do BC responsável por definir, a cada 45 dias, a taxa básica de juros da economia brasileira

na agenda

BOVX11, ETF atrelado ao Ibovespa, chega ao mercado nesta segunda por R$ 13

Produto é o sétimo ETF lançado pela XP nos últimos sete meses, família de fundos que supera R$ 1,1 bilhão de patrimônio; fundo é considerado uma forma prática de diversificar carteira

matriz energética

ANP autoriza Petrobras a vender óleo fora de especificação para térmica operar

Comercialização será para as usinas Termelétricas Geramar, localizadas no município de Miranda do Norte, no Maranhão; Unidade faz parte do plano de contingência da matriz energética brasileira

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies