🔴 NOVA META: RENDA EXTRA DE ATÉ R$ 2.000,00 POR DIA – VEJA COMO

Fernando Pivetti
Fernando Pivetti
Jornalista formado pela Universidade de São Paulo (USP). Foi repórter setorista de Banco Central no Poder360, em Brasília, redator no site EXAME e colaborou com o blog de investimentos Arena do Pavini.
Evento feito na bolsa de SP

Neoenergia é destaque em leilão de transmissão da Aneel ao levar os principais lotes ofertados

Empresa levou quatro lotes que, somados, possuem receita anual permitida acima dos R$ 500 milhões

Fernando Pivetti
Fernando Pivetti
20 de dezembro de 2018
17:14 - atualizado às 10:16
Neoenergia vai responder por aproximadamente R$ 6,1 bilhões dos investimentos viabilizados com o leilão - Imagem: Divulgação

A Neoenergia foi o destaque do leilão de transmissão realizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) nesta quinta-feira, 20, na sede da B3, em São Paulo. A companhia levou os principais lotes da disputa, incluindo o maior deles, o lote número 1, e também os lotes 2, 3 e 14. A receita anual permitida da companhia nesses quatro projetos supera os R$ 500 milhões.

Ao todo, foram 16 lotes ofertados pela agência, que apresentaram um deságio médio de 46%. A Receita Anual Permitida (RAP) de todos os projetos chega a R$ 1,153 bilhão, ante uma RAP máxima de R$ 2,139 bilhões.

Dos R$ 13 bilhões em investimentos viabilizados com o leilão, a Neoenergia vai responder por aproximadamente R$ 6,1 bilhões.

Empresas listadas também abocanharam fatias

Dentre as principais empresas de energia que levaram algum dos lotes ofertados, destaque para CPFL, que venceu os lotes 5 e 11, Energisa, com o lote 4 e Taesa, vencedora do lote 12. Na bolsa, o impacto da vitória das companhias foi tímido. Ordinárias da CPFL subiam 0,29% no fim do pregão, enquanto UNITs da Taesa ganhavam 0,67%.

Também participaram da disputa CTEEP, Engie, EDP e Alupar, que, no entanto, não obtiveram sucesso com suas propostas. As UNITs da Engie amargavam queda de quase 2%.

Confira os vencedores de cada lote:

  • Lote 1: Neoenergia (Receita Anual Permitida de R$ 194,1 milhões)
  • Lote 2: Neoenergia (Receita Anual Permitida de R$ 117 milhões)
  • Lote 3: Neoenergia (Receita Anual Permitida de R$ 69,1 milhões)
  • Lote 4: Energisa (Receita Anual Permitida de R$ 62,8 milhões)
  • Lote 5: CPFL Energia (Receita Anual Permitida de R$ 26,38 milhões)
  • Lote 6: Consórcio EMTEP (Receita Anual Permitida de R$ 11,5 milhões)
  • Lote 7: Zopone Energia (Receita Anual Permitida de R$ 20,69 milhões)
  • Lote 8: Consórcio IG Transmissão (Receita Anual Permitida de R$ 8,15 milhões)
  • Lote 9: Consórcio EMTEP (Receita Anual Permitida de R$ 11,5 milhões)
  • Lote 10: Consórcio Chimarrão (Receita Anual Permitida de R$ 219,5 milhões)
  • Lote 11: CPFL Energia (Receita Anual Permitida de R$ 33,8 milhões)
  • Lote 12: Taesa (Receita Anual Permitida de R$ 58,9 milhões)
  • Lote 13: Sterlite (Receita Anual Permitida de R$ 74,72 milhões)
  • Lote 14: Neoenergia (Receita Anual Permitida de R$ 120,92 milhões)
  • Lote 15: Consórcio EMTEP (Receita Anual Permitida de R$ 4,35 milhões)
  • Lote 16: Celeo (Receita Anual Permitida de R$ 120,12 milhões)

*Com Estadão Conteúdo.

Compartilhe

ATENÇÃO, ACIONISTA

CPFL Energia (CPFE3) vai pagar R$ 400 milhões em dividendos na próxima semana; veja quem tem direito aos proventos

7 de junho de 2022 - 17:34

Serão distribuídos R$ 0,347145549 por ação na terça-feira (14); o montante faz parte da primeira parcela dos proventos anunciados pela empresa em abril

CARTEIRA CHEIA

CPFL Energia (CPFE3) adiantará pagamento de mais de R$ 1 bilhão em dividendos para a próxima semana; veja quem tem direito à bolada

5 de maio de 2022 - 18:42

A companhia do setor de energia havia divididos os proventos em duas parcelas iguais, mas decidiu antecipar parte de uma delas

FESTA DOS PROVENTOS

Sextou com mais de R$ 7 bilhões em dividendos: CPFL Energia (CPFE3) puxa fila com R$ 3,7 bilhões; confira quais outras empresas anunciaram proventos

29 de abril de 2022 - 19:08

Outro destaque da noite foi a Cemig (CMIG4), que depositará mais de R$ 1 bilhão na conta dos cotistas

ACENDEU E APAGOU

Itaú BBA vê bons dividendos para CPFL (CPFE3), mas é cauteloso com outra gigante do setor; saiba qual ação foi cortada e por quê

13 de abril de 2022 - 13:44

Avaliações atraentes, proteção contra inflação e fluxo de caixa resiliente são alguns dos pontos que justificam a visão positiva do banco de investimentos para as utilities, mas nem todas as empresas desfrutarão desse cenário

Critérios ESG

EDP, Renner, Telefônica, CPFL e Natura lideram índice de sustentabilidade da B3

30 de janeiro de 2022 - 13:32

A bolsa anunciou em 2021 as novas regras para o ISE, de modo a atender aos requisitos dos investidores preocupados com as temáticas ESG

ACIONISTAS EM FESTA

Farra dos dividendos: CPFL, Weg, Rede D’Or, Movida e Odontoprev anunciam R$ 622,6 milhões em proventos; veja até quando dá para garantir a bolada

14 de dezembro de 2021 - 19:26

As empresas detalharam, em comunicados enviados à CVM, o valor por ação, data de corte e quando o dinheiro deverá cair na conta dos acionistas

PAPAI NOEL NA B3

CPFL Energia (CPFE3) pagará R$ 1,5 bilhão em dividendos antes do Natal; parte da grana ainda pode ser sua

2 de dezembro de 2021 - 18:51

Parte do valor corresponde à última fatia dos R$ 1,7 bilhões em proventos anunciados em agosto e divididos em três parcelas

Três vezes sem juros

CPFL Energia (CPFE3) parcela pagamento de R$ 1,7 bilhão em dividendos; primeira fatia cai na conta dos acionista ainda neste mês

18 de outubro de 2021 - 19:21

O pagamento das primeiras duas prestações está marcado para os dias 22 de outubro e 16 de novembro, enquanto a terceira e última fatia cairá na conta dos acionistas até 31 de dezembro

destaque do dia

Ações da CPFL (CPFE3) lideram altas do Ibovespa, após anúncio de dividendos e lucro em dobro

13 de agosto de 2021 - 16:05

Companhia com sede em Campinas (SP) registrou lucro líquido de R$ 1,12 bilhão e voltou a pagar proventos

Lance certo

CPFL Energia vence leilão de privatização da CEEE-T, do Rio Grande do Sul, com oferta de R$ 2,6 bilhões

16 de julho de 2021 - 16:56

A conclusão da aquisição ainda depende da conclusão dos trâmites legais, mas, segundo a empresa, deve acontecer a partir de outubro de 2021

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar