Menu
2019-04-20T16:59:55-03:00
Marina Gazzoni
Marina Gazzoni
Jornalista formada pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e com MBA em Informação Econômico-Financeira e Mercado de Capitais no Instituto Educacional BM&FBovespa e UBS Escola de Negócios. Foi editora de Economia do G1 e repórter de O Estado de S. Paulo e Folha de S. Paulo e do portal IG.
CARRO ELÉTRICO

O tuíte de Elon Musk que custou US$ 20 milhões e a presidência do conselho da Tesla

Musk afirmou que fecharia capital da Tesla nas redes sociais, mas informação não se confirmou. Acordo encerrou investigação por fraude na SEC.

30 de setembro de 2018
15:51 - atualizado às 16:59
Elon Musk, CEO da Tesla
Elon Musk, CEO da Tesla - Imagem: Wikimedia Commons

Quando eu vi o tuíte de Elon Musk no 7 dia de agosto anunciando que ele iria fechar o capital da Tesla (e já tinha dinheiro para isso), logo pensei: "isso vai dar m*". A decisão de tornar uma companhia aberta em uma empresa privada novamente é algo muito sério para ser divulgado pelo Twitter pessoal do seu fundador - e também CEO e presidente do conselho. Em geral, a informação sai via fato relevante protocolado no órgão regulador. O caso ficou mais grave ainda quando a empresa desmentiu a informação.

O tuíte de Musk fez as ações da Tesla dispararem. Os US$ 420 embutiam um prêmio aos acionistas - no pregão anterior a ação da Tesla fechou a US$ 341,99.  E foram o estopim na mais grave crise que o líder da colde carros elétricos enfrentou à frente da empresa. Musk foi investigado por fraude pela Securities and Exchange Commission (SEC), a CVM americana, e teve que fechar um acordo para encerrar o caso.

Custou caro: Musk foi obrigada a pagar uma multa de US$ 20 milhões e a renunciar do cargo de presidente do conselho da montadora. E mais - não pode concorrer ao cargo pelos próximos três anos. A Tesla também terá de pagar outros US$ 20 milhões em multa e nomear mais dois conselheiros independentes para a empresa - um deles provavelmente deverá ser nomeado o novo chairman.

Custou caro para o minoritário

O mercado não gostou da saída de Musk, considerado um visionário capaz de levar a Tesla a liderança no mercado automotivo no futuro. Mas o recado da SEC é que até os gênios precisam de limites quando colocam suas empresas na bolsa de valores.

A atuação da SEC foi na defesa dos minoritários da empresa. Afinal, muita gente perdeu dinheiro com essa irresponsabilidade de Musk.

Só na última sexta-feira (28), após a divulgação do comunicado da SEC, a ação da companhia derreteu 13,9%. A empresa vale hoje mais de 20% a menos do que valia antes de Musk falar o que não devia nas redes sociais.

As perdas podem ser ainda maiores diante da saída de Musk. Conhecido por ser uma pessoa difícil e centralizadora, sua presença deve fazer falta na empresa. Que sirva de lição para os outros executivos que aliam o cargo de CEO ao de influenciadores digitais.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Agenda de resultados

Em clima de Carnaval, Ambev divulga balanço anual nesta semana; veja o que esperar dos números

Cervejaria tem tudo para entregar resultados mais positivos em 2019, após sofrer com números fracos e a maior concorrência nos últimos anos

Acesso liberado

Os segredos da bolsa: ações para não ficar de ressaca na quarta-feira de cinzas

Enquanto a bolsa está fechada para o Carnaval, fique atento ao desempenho dos ADRs de companhias brasileiras nos EUA — eles darão uma pista importante sobre como será a reabertura das negociações por aqui, na quarta-feira

Clima tenso na política

Bolsonaro ainda não respondeu carta dos governadores, diz Doria

Mandatários estaduais acusam o presidente de dar declarações que ferem a democracia brasileira

Planejando o futuro

3 erros que você deve evitar ao planejar seus investimentos para aposentadoria

Fique de olho pois nesse longo caminho existem algumas ciladas que muita gente acaba caindo

Os movimentos do magnata

Warren Buffett vendeu mais de US$ 800 milhões em ações da Apple no último trimestre. Mas o que isso significa?

Conheça algumas razões para que esse volume de ações da Apple tenha saído das mãos de um dos maiores investidores do mundo

Oportunidade como poucas

‘Brasil tem potencial para ser líder em finanças verdes’, afirma presidente do UBS

Sylvia Coutinho afirma que o país pode conseguir atrair investimentos externos se souber aproveitar essa oportunidade

Produção de biogás

O ‘pré-sal caipira’: a energia que vem da criação de porcos

Dejetos dos suínos se tornaram matéria-prima para a produção de biogás

Climão no governo

Bolsonaro afirma que ‘implodiu’ Inmetro por ‘excesso de zelo’ em regra para táxis

Conflito acabou levando para a demissão da presidente do órgão, Angela Flores

IPOs no radar

Com impulso de médias empresas, bolsa pode movimentar R$ 200 bilhões

Marcas conhecidas e empresas regionais estão buscando assessoria financeira ou até já protocolaram pedido para o IPO

Epidemia mundial

Número de infectados por coronavírus no mundo passa de 78,5 mil

Do total, 77.027 foram diagnosticados somente na China

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements