Menu
2019-04-04T14:08:34-03:00
Luis Ottoni
Luis Ottoni
Jornalista formado pela Universidade Mackenzie e pós-graduando em negócios pela Fundação Getúlio Vargas. Atuou nas editorias de economia nos portais G1, da Rede Globo, e iG.
Mercados

Bradesco lançará plataforma de registro de títulos em parceria com a B3

Plataforma terá como foco inicial o registro de CDBs com valor acima de R$ 5 mil

2 de outubro de 2018
7:05 - atualizado às 14:08
Ações negociadas na bolsa de valores
foco inicial da plataforma, que terá parceria da B3, serão os registros de Certificados de Depósitos Bancários (CDBs)Imagem: Shutterstock

O Bradesco vai lançar em 2019 a sua própria plataforma de registro de títulos e valores mobiliários. A informação é da coluna "Broadcast", do "Estadão", desta terça-feira, 2.

O foco inicial da plataforma, que terá parceria da B3, serão os registros de Certificados de Depósitos Bancários (CDBs). O projeto já foi desenvolvido pelo braço de inovação do banco, o InovaBra, ainda segundo o jornal.

Nos bastidores, o Bradesco já vem registrando de forma paralela, na B3 e na futura plataforma, todos os CDBs oferecidos pela instituição maiores que R$ 5 mil desde janeiro deste ano. Mas a ideia é que, no futuro, todos os CDBs do banco, independente de valores, também sejam registados.

Em comunicado ao mercado, a B3 confirmou a informação, destacando que a iniciativa "será aberta para a participação de outras instituições financeiras e fintechs".

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Bilionário imunizado

Adivinha quem já foi vacinado? Bill Gates compartilha foto e diz como se sente após tomar 1ª dose

Fundador da Microsoft compartilhou foto do momento em que era vacinado e enalteceu o trabalho dos cientistas, voluntários e profissionais da saúde que trabalham no combate à pandemia

Início de cobertura

Após queda de 56%, XP revela o que espera das ações da dona da rede de restaurantes Frango Assado e Pizza Hut no Brasil

Os analistas da corretora iniciaram a cobertura das ações da IMC com recomendação neutra e preço-alvo de R$ 4,00, o que indica um potencial de alta de 8%

Private equity

Ações da gestora brasileira Pátria sobem 17% na estreia na Nasdaq após IPO de R$ 3,2 bilhões

A gestora brasileira estreou com um valor de mercado de mais de R$ 15 bilhões e mira mais crescimento, o que poderá envolver aquisições

Uma nova chance?

O que esperar da nova Lei de Falências, que entra em vigor hoje

A reforma na Lei de Falências deve facilitar a recuperação das empresas que ainda são viáveis e tornar mais célere e eficiente a liquidação daquelas que estão condenadas a desaparecer

Aposta na retomada

Goldman Sachs eleva o preço-alvo de ação de locadora de veículos e recomenda compra

Os analistas elevam o preço-alvo para as ações da Localiza (RENT3) de R$ 69,30 para R$ 73,20 e projetam lucro acima do consenso do mercado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies