Menu
2018-10-04T14:08:51-03:00
Luis Ottoni
Luis Ottoni
Jornalista formado pela Universidade Mackenzie e pós-graduando em negócios pela Fundação Getúlio Vargas. Atuou nas editorias de economia nos portais G1, da Rede Globo, e iG.
Sob incertezas políticas

Venda de veículos cai em setembro mas sobe no ano

Segundo Anfavea, venda de veículos caiu 14,3% em setembro mas subiu 4,3% na comparação com o mesmo período do ano passado

4 de outubro de 2018
13:55 - atualizado às 14:08
Carros empilhados
Venda de veículos automotores cresceu 4,5% em setembro comparado ao mesmo mês do ano passado - Imagem: shutterstock

A venda total de veículos automotores caiu 14,3% em setembro mas subiu 4,3% na comparação com o mesmo período do ano passado, divulgou a Associação Nacional de Veículos Automotores (Anfavea) nesta quinta-feira, 4.

Ao todo, foram vendidos 213.339 veículos.

Para chegar aos resultados, a associação reuniu o número de emplacamentos dos veículos de todo o país.

'Efeito calendário'

A proximidade com as eleições e a incerteza política do país, consideradas efeito-calendário', afetaram nas vendas. No acumulado ano, de janeiro a setembro, a produção das montadoras cresceu 10,5% ante ao mesmo período de 2017.

As exportações de veículos brasileiros recuou 23,6% em setembro na comparação com agosto. Nesse caso, os mesmos efeitos que afetam a política doméstica tiveram impacto nos números, mas, de acordo com o presidente da Anfavea, Antônio Megale, a crise da argentina foi o que mais afetou.

Atualmente, a Argentina é o destino de até 80% das exportações de veículos brasileiros.  No mês passado, o país vizinho respondeu por apenas 50% desses números.

Tendências

A Anfavea também elevou a projeção de veículos em 13,7% comparado com 2017, para 2,546 milhões de unidades. Anteriormente, a associação previa expansão de 11,7%.

Na terça-feira, 2, a  Federação Nacional de Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) também divulgou uma queda de 15% no número de veículos em setembro.

 

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

preocupação

Ex-BCs dizem que atraso na vacinação preocupa por pressão fiscal

Carlos Viana disse não ver uma mudança estrutural no processo inflacionário no País, onde, assim como a atual direção do BC, vê como temporário os choques de preços

pandemia

Anvisa aprova segundo lote da vacina CoronaVac

Diferença da análise do segundo lote para o primeiro está no fato de que o envase e os processos de rotulagem e embalagem ocorrem no Instituto Butantan

tecnologia na bolsa

Méliuz, que subiu 230% desde IPO, precisa entregar visão mais clara, diz BTG

Empresa foi tema de um relatório otimista após entrevista do CEO da companhia; para banco, Méliuz impressiona pela equipe, cultura e modelo de negócios

energia renovável

Braskem fecha acordo de R$ 1 bilhão com Casa dos Ventos

É o quarto contrato de compra de energia renovável competitiva assinado pela companhia; operação deve contribuir para viabilizar a construção de um novo parque eólico

Proteção

Governo de SP coloca estado na fase vermelha da quarentena a partir do dia 25

Nos dias úteis, a fase vermelha valerá das 20h às 6h.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies