Menu
2019-04-16T15:19:48+00:00
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA. Trabalhou por 18 anos nas principais redações do país, como Agência Estado/Broadcast, Gazeta Mercantil e Valor Econômico. É coautor do ensaio “Plínio Marcos, a crônica dos que não têm voz" (Boitempo) e escreveu os romances “O Roteirista” (Rocco), “Abandonado” (Geração) e "Os Jogadores" (Planeta).
Bancos x corretoras

Santander lança site para plataforma de investimentos Pi

Lançamento foi compartilhado em rede social pelo presidente do banco, Sérgio Rial, mas o site de cadastro dos interessados em testar plataforma não faz referência ao banco

6 de dezembro de 2018
15:36 - atualizado às 15:19
Sergio Rial santander
Sérgio Rial, presidente do banco Santander, na sede do banco em São Paulo. - Imagem: Murillo Constantino/Quartetto

Com direito a divulgação em rede social do presidente Sérgio Rial, o Santander lançou nesta semana a Pi, sua plataforma de investimentos. O acesso por enquanto é restrito a quem se cadastrar no site www.sejaumpioneiro.com.br.

Quem acessar a página de lançamento e cadastro não vai encontrar nenhuma referência ao Santander. A marca nem sequer traz a tradicional cor vermelha do banco.

Eu fiz o meu cadastro na tarde de hoje, e recebi em seguida um e-mail que me orientou a aguardar pelo convite para a versão beta da Pi. O nome da plataforma é uma referência ao número matemático que representa a razão entre o perímetro e o diâmetro de uma circunferência.

Para os chamados "pioneiros", os primeiros a testar os serviços, a Pi vai oferecer apenas produtos de renda fixa de instituições financeiras. Entre eles, certificados de depósito bancário (CDB) e letras de crédito imobiliário (LCI) e do agronegócio (LCA).

Mas, com a evolução da plataforma, a Pi promete ampliar a prateleira para ter fundos de investimentos, tesouro direto e ações.

Bancos em campo

O Santander criou a Pi do zero e detém 100% do capital, mas a plataforma vai operar de forma independente, inclusive da corretora do banco. O projeto é comandado por Felipe Bottino, ex-diretor da Icatu Seguros.

O Santander foi o último dos três maiores bancos privados brasileiros a se posicionar nesse mercado.

O Itaú foi o pioneiro a abrir a prateleira do banco para produtos de terceiros na plataforma 360, voltada aos clientes do segmento Personnalité. E foi além ao adquirir uma participação de 49,9% no capital da XP Investimentos, pela qual pagou R$ 6,3 bilhões.

O Bradesco contra-atacou remodelando a corretora Ágora, que havia comprado em 2008, como plataforma de investimentos.

Na entrevista que concedeu para mim na estreia do Seu Dinheiro, Rial disse que não é tarde para o banco ingressar na disputa pelos investidores.

"Nunca é tarde. Tarde é não fazer. Esse é um mercado onde ainda tem muito para acontecer", ele me disse, na ocasião.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Advogada do investidor

Podcast Sardinhas: A tendência no exterior que poucos brasileiros seguem

Você perdeu dinheiro com a Vale e a catástrofe de Brumadinho? Então provavelmente não sabe o que é ESG. Paula Salamonde, diretora-executiva da MSCI no Brasil conta pra você no Podcast #Sardinhas desta semana. Gostou? Então dá o play e ouça de graça. Não tem Spotify? Acesse o link alternativo. Publicidade

A Bula do Mercado

Mercado aguarda decisão de BCs

Fed e Copom devem manter taxas de juros hoje, mas expectativa é por sinalização de cortes à frente

Ótima notícia por um péssimo motivo

Copom e Fed decidem juros. Se não tem corte, tem aceno, que é quase a mesma coisa

Decisões de política monetária centram atenção nos mercados. Reação pode ser positiva, mas o que motiva a atuação dos BCs não é nada animador

Seu Dinheiro na sua noite

Insiste em zero a zero e eu quero um a um

Você disse que não sabe se não. Mas também não tem certeza que sim. Se Djavan fosse um analista de mercado, representaria o sentimento dos investidores sobre o que vai acontecer com as taxas de juros no país. Para muita gente, não é mais uma questão de “se”, mas de “quando” a Selic vai cair. […]

Tá liberado!

Governo amplia setores autorizados a trabalhar aos domingos e feriados

A partir de hoje, 78 setores estão autorizados a funcionar nesses dias. Entre os novos segmentos está o comércio em geral

Agora vai?

Leilão de ativos da Avianca Brasil acontecerá no dia 10 de julho

Colegiado de desembargadores do Tribunal de Justiça de São Paulo liberou a decisão sobre a na manhã de ontem

Preenchendo a vaga

À espera de aprovação do nome de Montezano, BNDES nomeia presidente interino

Nome do atual diretor de finanças da instituição, José Flávio Ferreira Ramos, foi indicado para ocupar o posto provisoriamente

O rombo em forma de dados

Mansueto: dos 26 Estados mais DF, 14 gastam acima do limite de 60% com pessoal

Percentual abordado pelo secretário o Tesouro Nacional foi estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal

Olha eles aí outra vez

Deputados favoráveis à reforma da Previdência defendem volta da capitalização e de Estados

Sessão para debates sobre o relatório na comissão especial da reforma da Previdência na Câmara contou com várias defesas dos pontos retirados

negócio fechado

Embraer assina cooperação estratégica com a Elta para desenvolver P600 AEW

Com o acordo, as duas empresas criam um novo segmento de mercado, o de AEW; aeronave de última geração foi concebida para atuar em um novo segmento do mercado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements