Menu
2019-08-07T12:18:11-03:00
Não vai rolar...

Proposta de Moro é retirada de pacote anticrime

O chamado “plea bargain”, que é comum na justiça americana, foi considerado como um preceito inconstitucional, já que ia contra a ‘presunção de inocência’, prevista na atual legislação.

7 de agosto de 2019
12:10 - atualizado às 12:18
Sérgio Moro
Sérgio Moro - Imagem: Sérgio Castro/Estadão Conteúdo

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, sofreu mais uma derrota na discussão do pacote anticrime na Câmara dos Deputados. O grupo de trabalho que analisa a proposta rejeitou, por 8 votos a 3, a possibilidade de réus que confessarem seus crime receberem em troca uma pena menor, o chamado "plea bargain". Antes do recesso, os parlamentares já haviam recusados a aprovação da prisão após a 2ª instância.

A proposta de Moro criava no País um instrumento jurídico comum na justiça americana. A medida permitiria que o acusado declarasse culpado de um crime e não precise se submeter ao processo. Assim, o julgamento já pula para a fase final, onde o juiz, em troca da confissão, aplica uma pena mais branda que foi acordada entre as partes.

O acordo lembra um pouco a delação premiada, mas a grande diferença é que, na delação, o réu precisa identificar outros autores. Além disso, ele não abre mão do processo penal. No caso do plea bargain, vale apenas a confissão dos seus crimes e a ação é encerrada.

Ao negar a proposta, parte dos parlamentares afirmou que a medida desrespeitava o preceito constitucional da presunção de inocência, previsto na legislação atual. A proposta, contudo, pode voltar a ser apresentada em um projeto a parte de acordo com o relator do pacote, Capitão Augusto (PL-SP).

O grupo de trabalho, contudo, aprovou a não persecução penal que permite o encerramento da ação caso se o investigado tiver confessado. O caso, contudo, difere da proposta de Moro já que só serve para crimes não violentos, com pena máxima inferior a quatro anos de prisão.

A grande diferença entre o plea bargain e não percussão penal é que no caso da medida proposta por Moro há a necessidade de oferecimento de denúncia pelo Ministério Público e não limite de pena. Na proposta aprovada, que foi elaborada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes e incorporada por Moro no pacote anticrime, a punição é substituída ainda na fase de inquérito, sem abertura de ação.

Em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo, o relator do projeto no grupo, deputado Capitão Augusto (PL-SP), afirmou há uma "má vontade" dos parlamentares com as medidas do ex-juiz da Lava Jato. A proposta deve ser alterações em pelo menos dez pontos.

Paralelamente à discussão na Câmara, o Senado também analisa o pacote apresentado por Moro. O texto que está sendo discutido na íntegra pelos deputado, entre os senadores foi dividido em três partes. Antes do recesso parlamentar, a Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovou a criminalização do caixa dois.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

A bolsa sobe mais?

Será que a bolsa sobe mais, sobe mais um pouquinho hoje? Se depender do cenário externo, o caminho está livre (mas o dia só está começando). A conferir. O otimismo permanece aqui no Brasil. Já tem gestor falando em Ibovespa a 250 mil pontos em 2022. Se for isso mesmo, é mais que o dobro […]

olho no indicador

Disparada no preço da carne faz inflação acelerar para 0,51% em novembro

Maior demanda de carne na China e valorização do dólar fez o item disparar; avanço do IPCA é o maior para mês desde 2015

China decide isentar parte da soja e da carne de porco dos EUA de tarifas

Em comunicado, o ministério chinês não indicou os volumes desses produtos americanos que ficarão isentos de tarifação

impasse em brasília

Congresso trava R$ 23 bilhões de ministérios

Para garantir o recurso extra, parlamentares precisam aprovar uma lista de 24 projetos que estão no meio de um impasse entre deputados e senadores

De mala cheia

Brasil dobra para US$ 1 mil limite de compra no exterior

Limite valerá para todas as compras feitas em viagens ao exterior por meio aéreo ou marítimo. O pedido para aumento foi feito pelo próprio governo brasileiro

atenção acionista

Copel paga R$ 643 milhões em juros sobre capital próprio

Data do pagamento será definida em assembleia até abril de 2020. Recebem os benefícios acionistas com posição em 23 de dezembro

De olho neles

CPI pede indiciamento de Itaú e Safra por suposta fraude fiscal

Integrantes da CPI também pediram o indiciamento de 13 diretores e membros do conselho do Safra. Todos são acusados por suposta prática de crime contra a ordem tributária e organização criminosa

Follow on

Aliansce Sonae levanta R$ 1,19 bi em oferta de ações com papéis a R$ 43

As ações da administradora de shoppings começam ser negociadas na B3 no próximo dia 9, com liquidação no dia seguinte.

dinheiro na mão

Nascidos em setembro e outubro sem conta na Caixa podem sacar FGTS

Saques podem resultar em uma liberação de cerca de R$ 40 bilhões na economia até o fim do ano

Novos recordes à vista?

Gestores de fundos falam em Ibovespa em até 250 mil pontos em 2022

Desde o início do atual ciclo de alta, a bolsa brasileira praticamente triplicou de valor. Mas o movimento ainda pode estar longe do fim, segundo os gestores

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements