Menu
2019-12-03T19:25:05-03:00

Petrobras venderá 10% da TAG em 2020 e Engie exercerá preferência, diz Bahr

A TAG foi adquirida em junho deste ano pela empresa de energia franco belga Engie e pelo fundo canadense Caisse de Dépôt et Placement du Québec (CDPQ), pelo valor de R$ 33,5 bilhões

3 de dezembro de 2019
19:25
Petrobras
Imagem: shutterstock

O presidente da Engie Brasil, Maurício Bahr, estima que a Petrobras vai sair totalmente da Transportadora Associada de Gás (TAG) no primeiro semestre de 2020, e já manifestou o interesse de exercer o seu direito de preferência da maior parte da participação de 10% da estatal que será vendida.

Ex-subsidiária da Petrobras, a TAG foi adquirida em junho deste ano pela empresa de energia franco belga Engie e pelo fundo canadense Caisse de Dépôt et Placement du Québec (CDPQ), pelo valor de R$ 33,5 bilhões. Segundo Bahr, a Engie tem direito a exercer entre 65% e 70% dos 10% que serão vendidos pela estatal brasileira.

Bahr informou que após seis meses de integração com a TAG, a Engie está na fase de retenção de funcionários, hoje cerca de 100 pessoas, sendo 50% funcionários da Petrobras. "Queremos ver quem são os funcionário desejosos de continuar na TAG e se desvincular da Petrobras para assumir um novo desafio na iniciativa privada", explicou.

De acordo com o executivo, o setor de transporte de gás deverá seguir na Engie o mesmo caminho do setor elétrico, que abriu as portas do Brasil para a empresa na década de 1990.

"A gente quer vivenciar nos próximos 20 anos o que vivenciamos há 20 anos no setor elétrico, quando setor se abriu e a gente começou a atender a clientes livres e abrir o mercado. Tínhamos três a quatro clientes em 1998 e agora temos 800 clientes. A gente imagina que vai acontecer no setor de gás exatamente isso, hoje temos um cliente, que é a Petrobras, e espero que daqui a 20 anos alguém dê uma entrevista confirmando isso", brincou.

Bahr explicou ainda que, para expandir o alcance da TAG, terá que contratar no mínimo "algumas centenas de funcionários" daqui a três anos, prazo em que a atual operadora do gasoduto, Transpetro, deixará suas funções.

"Com a entrada do gás do pré-sal e o aumento da oferta, o preço do gás vai cair e vai ter demanda maior, algumas atividades industriais vão migrar de um combustível para outro e o gás vai exercer papel importante na energia elétrica", aposta o executivo.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

em busca de recursos

Eneva emite R$ 650 milhões em debêntures

Os recursos obtidos pela empresa vão ser usados para investimento, pagamento futuro ou reembolso relacionados ao projeto Parque dos Gaviões

arrumando as contas

País paga dívida com ONU e banco do Brics

Não pagamento à ONU poderia fazer com que o Brasil, pela primeira vez, perdesse o direito a voto no órgão a partir de 1.º de janeiro

Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

Selic a 4,5%: como ficam seus investimentos?

O Banco Central derrubou a taxa básica de juros brasileira para 4,5% ao ano, a nova mínima histórica. Isso mexe com a rentabilidade de aplicações da renda fixa e favorece os investimentos em ações, imóveis e fundos imobiliários. O que você precisa saber hoje: Mercados • A taxa básica de juro brasileiro renovou sua mínima histórica […]

fim do impasse?

Câmara aprova MP que transfere Coaf para o BC; texto segue para Senado

Outra mudança foi a retirada, com a aprovação de um destaque, da atribuição do Coaf de produzir informação para combate ao financiamento do terrorismo

Dinheiro no bolso do acionista

CVC paga R$ 62 milhões em juros sobre capital próprio aos acionistas

Para o pagamento, que será realizado no dia 8 de janeiro, será considerada a posição acionário em 23 de dezembro de 2019, respeitando a negociação realizada no dia

novos ventos

Estrangeiros injetam R$ 161 bilhões em aquisições no Brasil

Depois de um 2018 permeado por incertezas provocadas pela corrida eleitoral, o ambiente voltou a ficar mais favorável para fechar operações de fusões e aquisições no Brasil

dinheiro no caixa

Notre Dame Intermédica define ação a R$ 57 em nova oferta e movimenta R$ 5 bilhões

Companhia faz a oferta para levantar recursos para novos investimentos, liquidar debêntures e para pagar a aquisição do grupo Clinipam

guerra comercial

Negociadores de comércios dos EUA e China ‘mantêm contato próximo’, diz Pequim

No domingo (15), vence o prazo para que os EUA adotem tarifas extras a mais US$ 156 bilhões em importações chinesas

em brasília

Senado aprova pacote anticrime de olho em possíveis vetos de Bolsonaro

Projeto foi desidratado em relação ao conteúdo original encaminhado pelo ex-juiz da Lava Jato; Moro já defendeu que os pontos retirados sejam novamente discutidos no Congresso

Recado ao mercado

O BC até pode cortar a Selic em 2020, mas deixou claro que o ciclo está perto do fim

O Copom deixou a porta aberta para mais um corte de 0,25 ponto na Selic em 2020. E, ao não se comprometer com o próximo passo, o BC passou a mensagem de que a onda de reduções nos juros está quase terminando

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements