IPCA + 7,5%: receba esta e outras ofertas ‘premium’ de renda fixa no WhatsApp; clique aqui

Cotações por TradingView
2023-01-23T19:16:26-03:00
Julia Wiltgen
Julia Wiltgen
Jornalista formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) com pós-graduação em Finanças Corporativas e Investment Banking pela Fundação Instituto de Administração (FIA). Trabalhou com produção de reportagem na TV Globo e foi editora de finanças pessoais de Exame.com, na Editora Abril.
O fim de um 'sonho'

O melhor cartão de crédito para juntar milhas perdeu a majestade: Itaucard Pão de Açúcar muda regras de pontuação e decepciona viajantes

Cartão queridinho dos viajantes obcecados por juntar milhas passa a fazer conversão de pontos com base no valor das compras em dólar, e não mais em real

23 de janeiro de 2023
19:30 - atualizado às 19:16
Avião
Cartão dava um ponto para cada real gasto, mas agora vai se basear no dólar para fazer a conversão. Imagem: Shutterstock

Os viajantes acumuladores de milhas receberam uma má notícia logo neste início de ano: o Itaucard Pão de Açúcar, considerado um dos melhores cartões de crédito para se juntar milhas do mercado, mudou suas regras de pontuação e agora perdeu a vantagem que tinha, neste quesito, em relação aos concorrentes.

Os cartões Itaucard Pão de Açúcar Platinum e Gold chegaram a figurar em primeiro e segundo lugares no ranking de melhores cartões de crédito para acumular milhas em 2023 elaborado pela plataforma e comparação de serviços financeiros e de telecomunicações Melhor Plano, divulgado recentemente.

Até recentemente, ambos tinham uma relação de troca de 1 ponto para cada R$ 1 gasto em compras nacionais ou internacionais, e conversão de 1 ponto por 1 milha no programa TudoAzul, da Azul. Já nos programas Smiles, da Gol, e Latam Pass, da Latam, cada ponto era convertido em 0,88 milha, no caso dos cartões Platinum, e 0,70 milha, no caso dos cartões Gold.

Um cartão de crédito como qualquer outro

Agora, o Itaucard Pão de Açúcar passou a adotar o dólar como referência para a conversão, assim como já fazem os demais cartões de crédito do mercado. A mudança entrará em vigor para compras e parcelas pagas a partir de 2 de fevereiro de 2023, quinta-feira da próxima semana.

Assim, nos cartões Pão de Açúcar Visa Gold e Mastercard Platinum (upgrade para quem tinha o Mastercard Gold), cada dólar gasto será convertido em 1,5 ponto, exceto no caso das compras nas lojas das redes Pão de Açúcar, Extra e Compre Bem, onde o equivalente a cada dólar gasto se transformará em 3 pontos.

Já no caso do cartão Pão de Açúcar Visa Platinum e do novo Mastercard Black dessa família, a conversão será de 2 pontos para cada dólar, sendo 5 pontos por dólar no caso das compras feitas nas redes Pão de Açúcar, Extra e Compre Bem.

Considerando que o dólar atualmente é cotado em cerca de R$ 5,20, nem mesmo na melhor relação de troca possível (cartões Platinum e Black em compras nas redes do Grupo Pão de Açúcar) será atingida a conversão equivalente a R$ 1 = 1 ponto.

Tipo de cartão Itaucard Pão de AçúcarComo eraComo ficou
Visa PlatinumR$ 1 = 1 pontoUS$ 1 = 5 pontos nas compras nas redes Pão de Açúcar, Extra e Compre Bem; US$ 1 = 2 pontos nas demais compras
Mastercard Black-US$ 1 = 5 pontos nas compras nas redes Pão de Açúcar, Extra e Compre Bem; US$ 1 = 2 pontos nas demais compras
Visa Gold e Mastercard Platinum (upgrade para quem tinha o Mastercard Gold)R$ 1 = 1 pontoUS$ 1 = 3 pontos nas compras nas redes Pão de Açúcar, Extra e Compre Bem; US$ 1 = 1,5 pontos nas demais compras

Houve, no entanto, uma mudança positiva. Agora, cada ponto é convertido em uma milha também nos programas de fidelidade Smiles e Latam Pass, e não mais apenas no TudoAzul.

Em tempo, os cartões Itaucard Pão de Açúcar não são isentos de anuidade. O Visa Gold e o Mastercard Platinum têm custo de R$ 405 por ano, enquanto o Visa Platinum e o Mastercard Black custam R$ 650 por ano.

Para o Itaú, cartão continua competitivo

O Itaú diz que as mudanças no Itaucard Pão de Açúcar privilegiam as transações realizadas na rede do grupo de varejo alimentício, o que inclui, além da conversão mais vantajosa nas compras, descontos de 20% em vinhos, cervejas especiais, queijos e produtos de marca própria.

"Da mesma forma, o cashback para compras feitas nas lojas do Pão de Açúcar será maior, chegando a R$ 30 a cada 1.000 pontos, no caso do cartão Visa Platinum", diz o banco, em nota. Esse também será o valor de cashback válido para o Mastercard Black. O cashback nos cartões Visa Gold e Mastercard Platinum será de R$ 25 a cada 1.000 pontos.

O Itaú ressalta ainda que a prática de basear a conversão no valor das compras em dólar é "amplamente adotada no mercado de cartões brasileiro" e que a relação de troca para as compras feitas nas lojas das redes do Grupo Pão de Açúcar continua bastante elevada.

“Queremos simplificar o entendimento dos clientes em relação aos benefícios, além reforçar os benefícios relacionados ao Pão de Açúcar, nosso parceiro e sócio neste produto. As mudanças facilitam a transferência de pontos para as companhias aéreas parceiras, sem a necessidade de fazer contas, e visam prestigiar os clientes que concentram suas compras no GPA - que terão uma pontuação bastante expressiva nessas transações, além dos descontos 20% em vinhos, cervejas especiais e produtos de marcas exclusivas. Em conjunto com os demais benefícios, o cartão permanece bastante competitivo, como um dos melhores do mercado”, explica Rodrigo Carneiro, diretor de Cartões do Itaú Unibanco, em nota.

O fim de uma era para os amantes de milhas

Os viajantes mais dedicados a acumular milhas para economizar - que chegam a ter diversos cartões de crédito para este fim - ficaram decepcionados com a mudança que, na visão deles, transformou o Itaucard Pão de Açúcar apenas em mais um cartão "comum". Veja algumas das reações recentes no Twitter:

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

DIA 31

Está confirmado: Lula vai para os EUA no dia 10 de fevereiro — veja o que ele vai discutir com Biden

31 de janeiro de 2023 - 20:06

Enquanto o encontro não chega, o petista tentou acalmar os ânimos dos investidores — que seguem desconfiados em relação à responsabilidade fiscal do novo governo

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ibovespa sobe em meio ao caos de um interminável janeiro; o que afeta a bolsa nos próximos dias?

31 de janeiro de 2023 - 18:57

Veja tudo o que movimentou os mercados nesta terça-feira, incluindo os principais destaques do noticiário corporativo

MELHORES DO MÊS

Renascimento cripto: bitcoin (BTC) volta a brilhar, sobe mais de 30% e é disparado o melhor investimento de janeiro; títulos do Tesouro ficam na lanterna

31 de janeiro de 2023 - 18:46

As medalhas de prata e bronze foram para o ouro e para o Ibovespa, em um movimento de busca por segurança — e barganhas

ESTAGNOU?

Dividendos do Maxi Renda (MXRF11) não cresceram em 2022, mas os proventos destes outros três fundos imobiliários subiram mais de 50% — veja quais são

31 de janeiro de 2023 - 18:33

O melhor resultado foi obtido pelo Santander Papéis Imobiliários CDI (SADI11), com alta de 77,1%

RELATÓRIO DE PRODUÇÃO

Pé no freio: produção e vendas da Vale (VALE3) registram recuo tímido em 2022; confira os destaques operacionais da mineradora

31 de janeiro de 2023 - 18:30

A produção e a comercialização de minério de ferro da companhia se aproximaram da estabilidade no ano passado, com leves quedas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies