🔴 SAVE THE DATE: 22/07 – FERRAMENTA PARA GERAR RENDA COM 1 CLIQUE SERÁ LIBERADA – CONHEÇA

Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @Renan_SanSousa
NO BANCO DOS RÉUS

Julgamento é hoje: Ex-CEO da corretora de criptomoedas FTX pode pegar mais de 100 anos de prisão com acusação de fraude bilionária

Ao todo, o ex-magnata enfrenta sete acusações de fraude e conspiração envolvendo o colapso da corretora, que deu um prejuízo estimado de US$ 8,9 bilhões aos clientes

Renan Sousa
Renan Sousa
3 de outubro de 2023
11:23
Qual será o futuro da FTX Mais do que isso o que você precisa fazer com suas criptomoedas agora
Imagem: Montagem / Seu Dinheiro

O escândalo que começou em 11 de novembro do ano passado pode chegar ao ápice pouco menos de um ano depois: está marcado para esta terça-feira (3) o julgamento de Sam Bankman-Fried, o SBF, ex-CEO da falida corretora de criptomoedas (exchange) FTX.

O ex-magnata de 31 anos foi do céu ao inferno em poucos meses. Isso porque a corretora, que chegou a ser uma das maiores do planeta em volume negociado, caiu em desgraça após o pedido de reestruturação empresarial e uma devassa nas contas. No fim, o que se viu foi que se tratava de um castelo de cartas. 

O responsável pelo caso é o veterano juiz federal Lewis A. Kaplan — ele já foi encarregado de julgar um processo na esfera civil contra o ex-presidente Donald Trump que, por sinal, também enfrenta problemas com a justiça novaiorquina

O julgamento acontecerá na cidade de Nova York, mais precisamente no distrito sul da metrópole. Para hoje, está marcada a escolha do júri e, a partir de amanhã (4), começam os debates sobre as acusações contra SBF. 

Ao todo, SBF enfrenta sete acusações de fraude e conspiração envolvendo o colapso da corretora, que deu um prejuízo estimado em US$ 8,9 bilhões aos clientes, em valores atualizados. As acusações contra SBF podem levá-lo a uma pena de mais de 100 anos, sendo elas:

  • Conspiração para cometer fraude contra clientes da FTX;
  • Fraude contra clientes da FTX;
  • Conspiração para cometer fraude contra credores da Alameda Research;
  • Fraude contra credores da Alameda Research;
  • Conspiração para cometer fraudes de commodities;
  • Conspiração para cometer fraudes de valores mobiliários;
  • Conspiração para cometer lavagem de dinheiro.

Recapitulando o breve histórico da queda da FTX, uma reportagem da época apontava que os fundos dos investidores na corretora estavam sendo usados para operações alavancadas na Alameda Research, empresa de investimentos de alto risco (venture capital ou apenas VC) do grupo então liderado por SBF.

Mas uma sequência de perdas dos investimentos da Alameda fez a criptomoeda da corretora, o FTT, entrar em colapso e levar a FTX junto, o que obrigou a exchange a preencher o temido chapter 11, conhecido como o primeiro passo para a falência.

A corretora segue em reestruturação empresarial desde então.

Ex-CEO da FTX no banco dos réus

Vale lembrar que quem assumiu os negócios após a saída de Bankman-Fried foi o especialista em processos de reestruturação empresarial, John J. Ray III.

Ray foi responsável pela devassa nas contas da corretora e demais divisões da companhia, como a Alameda Research.

Ele é um dos nomes importantes nesse julgamento, juntamente com a ex-CEO da Alameda e ex-namorada de SBF, Caroline Ellison — que já admitiu que ocorreram fraudes no balanço da companhia de investimentos, bem como uso indevido de recursos dos investidores.

  • Onde investir em outubro: confira 5 FIIs com até 11,5% de retorno + 20 recomendações gratuitas

Com o pé esquerdo

Pode pesar contra SBF sua relação com a Justiça, que já não é das melhores.

Isso porque Sam Bankman-Fried violou os termos de sua prisão domiciliar por entrar em contato um ex-colega por meio de um aplicativo de mensagens criptografadas utilizando uma rede privada (VPN) sem a autorização do tribunal, bem como vazar informações privadas de sua ex-namorada para um repórter do The New York Times. 

Quem revogou sua prisão domiciliar foi o próprio juiz Kaplan, em agosto deste ano. Desde então, ele permanece no Centro de Detenção Metropolitana de Nova York.

Há chances de Sam Bankman-Fried se safar?

Assim como vinha fazendo antes de perder acesso à internet, o ex-CEO da FTX e seus advogados devem manter o discurso de que SBF cometeu uma série de erros que levaram à implosão da corretora. 

Entretanto, Bankman-Fried também deve afirmar que não tinha a intenção de cometer fraudes com o dinheiro dos clientes. Os casos envolvendo fraudes diretas são aqueles que mais podem render entre 10 a 20 anos atrás das grades.

Em resumo, a defesa deve tentar reduzir a pena do ex-magnata. 

Mas a decisão final só deve ficar para 2024. O número de testemunhas, as centenas de páginas do processo — além, é claro, do precedente que a Corte dos EUA pode abrir para novos julgamentos do tipo — aumentam a complexidade do caso.

Compartilhe

CRIPTOMOEDAS HOJE

Sabe quem não saiu do ar com a pane cibernética? O bitcoin (BTC), que aproveitou para subir para os US$ 66 mil hoje

19 de julho de 2024 - 15:15

Verdade seja dita, desde a criação do bitcoin em 3 de janeiro de 2009, a maior criptomoeda do mundo ficou online 99,99% do tempo

DESCOMPRESSÃO

Bitcoin (BTC) avança para os US$ 62 mil: veja os dois eventos que fizeram os preços da maior criptomoeda do mundo ‘respirar’ hoje

15 de julho de 2024 - 8:48

Um dos fatores que contribuíram para um alívio nos preços do bitcoin e das demais criptomoedas do mundo foi o fim das transferências do governo da Alemanha

CRIPTOMOEDAS HOJE

Por que o atentado contra Trump ajudou o bitcoin (BTC) recuperar o patamar de US$ 60 mil

14 de julho de 2024 - 10:03

Depois de patinar no início de julho, bitcoin (BTC) mostrou uma recuperação mais firme após o atentado de sábado contra Trump

É A VOLTA DO RALI

Bitcoin (BTC) salta e busca os US$ 59 mil após inflação dos EUA vir menor que o esperado; veja criptomoedas que sobem hoje

11 de julho de 2024 - 10:33

Imediatamente após os dados de inflação, os mercados já precificaram em cerca de 87% de chance de o Fed começar a cortar as taxas em sua próxima reunião, em setembro

CRIPTOMOEDAS HOJE

Até onde vai o preço do bitcoin (BTC)? Queda pode colocar criptomoeda no nível de US$ 50 mil, mesmo com expectativas positivas para 2024

8 de julho de 2024 - 12:12

Apesar das perspectivas de curto prazo serem negativas, analistas ouvidos pela reportagem apontam que, em um horizonte maior, o bitcoin tende a se valorizar

CRIPTOMOEDAS HOJE

Bitcoin (BTC) começa semana com desconto de 6% após perdas recentes; entre as criptomoedas, Notcoin (NOT) salta 50% hoje 

7 de julho de 2024 - 11:49

O Notcoin começou como um jogo que se tornou viral entre os usuários do app de mensagens Telegram

EM QUEDA LIVRE

Bitcoin (BTC) perde suporte e chega aos US$ 54 mil; criptomoedas derretem em meio à crise da gestora Mt. Gox

5 de julho de 2024 - 9:41

Gestora que entrou em falência há dez anos realizará pagamentos aos credores neste mês; distribuição de bitcoins no mercado pressionam os preços das criptomoedas nesta sexta-feira (5)

DESCE?

Bitcoin (BTC) cai e testa suporte de US$ 57 mil com vencimento de contratos somando mais de US$ 340 milhões

4 de julho de 2024 - 7:27

Além disso, a ausência de negócios em Nova York em virtude do feriado de independência dos EUA tende a trazer volatilidade aos negócios

ONDE INVESTIR NO 2º SEMESTRE

Bitcoin (BTC) vai renovar máximas históricas de novo? Analistas veem criptomoedas apenas no início de um ciclo de novas altas

4 de julho de 2024 - 6:15

Conheça também três setores e três moedas virtuais que podem se valorizar no segundo semestre de 2024

REAL DIGITAL

Um jabuti no Drex: Congresso usa PEC da autonomia do BC para preservar cartórios dos impactos do real digital

3 de julho de 2024 - 9:43

Jabuti que limita uso do real digital para reduzir burocracia foi inserido na PEC da autonomia do BC durante tramitação na CCJ do Senado

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar