O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-05-08T13:48:05-03:00
Larissa Vitória
Larissa Vitória
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pelo portal SpaceMoney e pelo departamento de imprensa do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT).
PLANOS AMBICIOSOS

Elon Musk em Marte? Presidente da SpaceX diz que enviará humanos à superfície do planeta vermelho até o fim da década

O bilionário já havia declarado que, na melhor das hipóteses, o homem pisará no planeta vermelho em cerca de cinco anos; veja o que diz a presidente da empresa

8 de maio de 2022
13:47 - atualizado às 13:48
Montagem de Elon Musk no espaço voando em foguete que está falhando o motor com o planeta terra ao fundo | SpaceX, Marte
Elon Musk no espaço voando em foguete que está falhando o motor - Imagem: Montagem Andrei Morais / Elon Musk Instagram / Shutterstock / Envato

A Lua recebeu a primeira visita dos seres humanos em 1969. Quase 53 anos se passaram e o satélite natural permanece como o único corpo celeste, além da própria Terra, no qual o homem já pisou. Mas essa realidade pode mudar nos próximos anos, de acordo com os planos da SpaceX, de Elon Musk.

Segundo as previsões de Gwynne Shotwell, presidente e diretora de operações da fabricante de sistemas e transportes aeroespaciais, a companhia pretende garantir que a raça humana chegue a Marte antes do final dos anos 2020.

"Precisamos de uma grande entrega para a superfície de Marte, e então as pessoas começarão a pensar mais sobre isso. E acho que, dentro de cinco ou seis anos, elas verão que esse será um lugar real para ir", declarou em entrevista à CNBC.

Elon Musk também aposta na previsão

Os falas de Shotwell não surpreendem quem acompanha as previsões de Elon Musk, o fundador da SpaceX. No final do ano passado, o bilionário já havia declarado que, na melhor das hipóteses, o homem pisará no planeta vermelho em cerca de cinco anos. Já o pior cenário considerado por ele é de 10 anos.

Em seu comentário mais recento sobre o assunto, publicado na rede social recém-adquirida por ele, Musk cravou outra data: 2029.

De acordo com bilionário, o maior desafio da empresa era projetar um veículo adequado para condições em órbita e depois para Marte. E ele já foi superado: “A Starship é o foguete mais complexo e avançado que já foi feito”.

O primeiro teste da nave deverá ser feito em breve. No futuro, ela será reutilizável e terá capacidade para levar a tripulação humana e cargas à Lua e a Marte.

Mas ele não esconde que, mesmo superadas as dificuldades técnicas, viver no planeta vizinho será "perigoso, apertado, dificultoso, um trabalho árduo".

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

VISÃO MACRO

Por que o mercado exagera ao temer uma recessão nos Estados Unidos e na China

Os sinais de uma possível recessão nas grandes economias, como EUA e China, e o aumento de um pessimismo generalizado parecem ter tomado conta dos mercados

CHAPÉU NA RECEITA

Criador da Terra (LUNA), criptomoeda que virou pó, deve cerca de US$ 78 milhões ao governo da Coreia do Sul e Terraform Labs deixa investidores com prejuízo de US$ 1,1 milhão

As acusações acontecem em meio a uma reformulação do protocolo, que pretende pagar os usuários que perderam dinheiro

CHAMOU PRA BRIGA

Vai encarar? Finlândia diz não ao rublo e Putin não deixa barato — Rússia reage e recebe uma forcinha de gigante europeu

O centro dessa disputa é a entrada dos finlandeses na Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan); a ampliação da aliança levou a Rússia a invadir a Ucrânia em fevereiro deste ano

Starlink no Brasil

Elon Musk no Brasil: tudo o que sabemos sobre a visita do dono da Tesla e SpaceX até o momento

A visita do bilionário Elon Musk ao Brasil tem como motivo principal inovações tecnológicas relacionadas a internet

China corta juros para estimular setor imobiliário e commodities operam em forte alta

A medida adotada pelo banco central chinês visa impulsionar o mercado imobiliário, o que favorece as produtoras de commodities

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies