O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-02-01T10:07:08-03:00
Camille Lima
SURFANDO NA ONDA DE AQUISIÇÕES

Dimensa, subsidiária da Totvs (TOTS3), compra a Mobile2you para se consolidar como líder de tecnologias B2B para fintechs

A aquisição foi fechada por R$ 26,9 milhões e aumenta o portfólio de produtos e serviços oferecidos pela Dimensa a seus clientes

1 de fevereiro de 2022
10:05 - atualizado às 10:07
Foto de um homem passando em frente à fachada da sete da Totvs (TOTS3), em São Paulo
Dimensa, subsidiária da Totvs e sócia da B3, compra a Mobile2you Imagem: Divulgação/Totvs

O mar pode não estar para peixe, mas para a Dimensa, está. Subsidiária da Totvs (TOTS3) e sócia da B3 (B3SA3), a empresa segue surfando a onda de aquisições anunciada por seu CEO no ano passado.

Depois de ter comprado em janeiro a InovaMind, startup de inteligência artificial que cria produtos e serviços digitais para companhias através de big data, a Dimensa escolheu explorar ainda mais o mercado de tecnologias para finanças.

A adquirida da vez é a Mobile2you, especialista no desenvolvimento de aplicativos financeiros sob medida para companhias que querem entrar no mercado das fintechs.

Detalhes do negócio

A compra de 100% do capital social da desenvolvedora de aplicativos foi fechada por R$ 26,9 milhões. 

Caso sejam atingidas metas relativas aos exercícios de 2022 e 2023 estabelecidas em contrato e outras condições, ainda haverá um pagamento de preço de compra complementar.

Segundo a empresa, o novo negócio aumenta a gama de produtos e serviços oferecidos pela Dimensa aos seus clientes. 

A transação também representa mais uma etapa na estratégia da Dimensa de fortalecer a posição de líder no segmento de tecnologias B2B (o comércio estabelecido entre empresas) para o setor financeiro e de fintechs.

Quem é a Mobile2you

A Mobile2you possui cerca de 80 funcionários em sua equipe e atende a mais de 30 clientes que procuram ingressar no segmento de fintechs.

Seus produtos digitais financeiros são feitos sob medida para cada cliente. Assim, entregam uma experiência completa da jornada do usuário na camada de back-office.

A desenvolvedora registrou uma receita bruta anualizada de aproximadamente R$11,1 milhões no quarto trimestre do ano passado.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

PORTFÓLIO DE BILHÕES

Aposta contra a Apple (AAPL34)? Veja as mudanças que Warren Buffett, Michael Burry e investidores de elite fizeram nas carteiras

Esses pesos-pesados do mercado financeiros tomaram decisões surpreendentes no primeiro trimestre; confira as mudanças mais significativas que eles fizeram no período

DO BRASIL PRO MUNDO

Guedes tem encontro com Escobari, da General Atlantic, e vai a jantar do BTG; confira a agenda do ministro em Davos

O banqueiro André Esteves, que em abril voltou ao comando do conselho do BTG Pactual, está participando do evento na Suíça

UMA TECH ATRAENTE

É hora da Locaweb? Saiba por que o Deutsche Bank vê ponto de entrada para as ações LWSA3

Banco alemão atualizou a recomendação para a empresa de neutra para compra e vê potencial de valorização de mais de 50% para os papéis

O QUE VEM POR AÍ

Ata do Fed e IPCA-15: confira a agenda de indicadores da semana aqui e lá fora

Nos Estados Unidos, a segunda prévia do PIB no primeiro trimestre também é destaque; na Europa, o PIB da Alemanha é o principal dado

CAMINHO DO MEIO

Menor rejeição e apoio interno no MDB dão vantagem a Simone Tebet; veja os rumos da senadora da terceira via

Maior desafio, segundo marqueteiros, é torná-la popular: 46% do eleitorado desconhece Simone Tebet, segundo pesquisas recentes

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies