Como ter a chance de ficar milionário, começando em 2023; veja vídeo aqui

Cotações por TradingView
2022-12-07T11:31:50-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
SEU DINHEIRO NA COPA

Deu zebra: criptomoeda Chiliz (CHZ) era aposta durante Copa do Mundo, mas token caiu 35% durante a competição; entenda o que houve

Os fan tokens têm diversas finalidades e havia uma grande expectativa com a competição para que a Chiliz pudesse voltar a brilhar

7 de dezembro de 2022
11:31
Criptomoeda Chiliz (CHZ) não consegue acertar bolão da Copa do Mundo do Catar e cai mais de 30%
Imagem: Divulgação

A zebra corre solta pelos gramados cataris. O exemplo mais recente foi a eliminação da Espanha pelo Marrocos, na disputa de pênaltis. Mas enquanto o equino do mundo real estica suas patas na Copa do Mundo do Catar, o setor de criptomoedas também tem alguns resultados inusitados, como é o caso da Chiliz (CHZ).

A moeda digital da plataforma de negociação de fan tokens de clubes mais famosa do mundo era uma das favoritas para ter um desempenho acima do esperado. Afinal, um evento do porte da Copa deveria aumentar a procura pela criptomoeda, fazendo o preço subir.

Mas não foi o que aconteceu: o token CHZ registra queda de 35,68% desde o início da competição em 20 de novembro deste ano. Em 2022 a queda chega aos 46%.

O que faz a Chiliz e o token CHZ

A blockchain é usada pela Socios.com para permitir a emissão e negociação de tokens de esportes. Competições como UFC, times da liga de basquete norte-americana (NBA) entre outros patrocinadores emitem seus fan tokens por lá.

Os fan tokens geralmente são usados para dar preferência aos torcedores na hora de comprar ingressos, camisas, entre outras atividades. Há também quem compra esses ativos apenas para colecionar.

O investimento nessa classe de ativos digitais divide a opinião dos analistas, tendo em vista que o preço pode variar de acordo com a demanda, emissão, etc., e o usuário pode se beneficiar de qualquer alta das cotações.

Alternativas ao fan token

Mas o CHZ é a criptomoeda nativa da rede Chiliz. O crescimento da rede (blockchain) e o aumento da demanda por outros tokens tende a valorizar essa criptomoeda, que chegou a ser um dos projetos considerados mais promissores por analistas do mercado.

Isso porque além de esportes tradicionais, existe ainda o investimento no setor de e-sports e games, setores que tendem a gerar bastante receita. A própria Microsoft abriu a carteira e pretende desembolsar alguns bilhões para investir no setor.

Copa do Catar no meio do inverno

A Chiliz também emitiu alguns tokens de seleções que disputam o mundial no Catar. Os times da Argentina, de Portugal e da Itália são alguns deles.

Então, por que o CHZ teve um desempenho aquém do esperado?

Na verdade, a “zebra” do mercado de criptomoedas já estava presente antes do primeiro apito soar pelos campos do Catar. Este tem sido um ano difícil para o mercado de ativos digitais, período conhecido como Longo Inverno Cripto.

Assim, o setor como um todo vem sentindo a pressão sobre as cotações. Bons projetos estão altamente descontados, enquanto alguns chegam a desaparecer do mapa.

Começando pelo cenário macroeconômico, os juros nos EUA escalaram da faixa de 0% a 0,25% ao ano para a faixa de 3,75% a 4,0% — o que por si só já teria potencial para impactar os negócios.

Mas o colapso do protocolo Terra (LUNA) e o efeito dominó no mercado foram demais para o setor. Primeiro, a Celsius suspendeu as negociações, o Three Arrows Capital (3AC) foi por água abaixo e, por fim, a falência da FTX.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

DIA 37

Da defesa ao ataque: Lula fala — de novo — da inflação, do BC e, agora, do BNDES

6 de fevereiro de 2023 - 20:32

Presidente solta o verbo mais uma vez e questiona o nível elevado da taxa de juros, ironiza os efeitos negativos de suas críticas à política monetária e ainda destaca o papel do BNDES para impedir que o Brasil “afundasse”

TENSÃO NO AR

Balão da discórdia: o recado que a China mandou para os EUA após nova crise de espionagem

6 de fevereiro de 2023 - 19:55

Embora tenha colocado panos quentes sobre o que chamou de incidente, Pequim também subiu o tom contra Washington

Montanha de endividamento

O novo calvário da Oi (OIBR3; OIBR4): empresa declara dívidas de quase R$ 30 bilhões à Justiça do Rio; Itaú BBA puxa a fila entre os bancos nacionais

6 de fevereiro de 2023 - 19:44

A Oi (OIBR3;OIBR4) diz ter dívidas de mais de R$ 9 bilhões só com o BNY Mellon; o Itaú BBA, com R$ 2 bilhões, é o principal credor nacional

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Tremores de terra em Brasília e na Turquia, o futuro das criptomoedas e mais destaques do dia

6 de fevereiro de 2023 - 19:34

Muitos desastres ambientais, como furacões e tormentas, são facilmente monitorados e previsíveis, mas abalos sísmicos e os seus inevitáveis tremores de terra são quase sempre uma surpresa indesejável.  Mas ao contrário do que dita a natureza, Brasília consegue sentir a aproximação de um terremoto que pode rachar as estruturas do Banco Central brasileiro e a […]

'inconsistências contábeis'

Caso Americanas: “Fomos vítimas de uma fraude”, diz Verde

6 de fevereiro de 2023 - 19:20

Desempenho do fundo Verde foi parcialmente afetado pela debacle da Americanas em janeiro devido a um investimento em debênture da varejista

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies