ESQUEÇA BITCOIN: outra criptomoeda de R$ 4 pode valer R$ 80 em breve; conheça aqui

O melhor do Seu Dinheiro
Ricardo Gozzi
Cotações por TradingView
2022-12-01T08:15:44-03:00
O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Um pouco de normalidade: De olho na Petrobras e no PIB, investimentos em novembro, Copa do Mundo e outras notícias que mexem com seu bolso

No campo dos indicadores, os participantes do mercado estão de olho nos números do PIB no terceiro trimestre e a balança comercial brasileira em novembro

1 de dezembro de 2022
8:15
Pessoas olhando para a bolsa de valores | 13º salário dólar
Imagem: Shutterstock

Definir o que é normal está longe de ser tarefa simples. O que parece normal para mim pode não soar como normal para você. E vice-versa, por que não?

Além disso, aconteceu tanta coisa nos últimos tempos que muita gente relata ter perdido a referência de normalidade, principalmente depois da eclosão da pandemia.

De qualquer modo, não há consenso nem sobre o novo normal.

Hoje, no entanto, mesmo com a Copa do Mundo distraindo a galera, os mercados financeiros parecem diante de um dia normal.

Por normal, para a bolsa, refiro-me ao mercado reagindo a indicadores econômicos relevantes, ao noticiário das empresas e às expectativas diante da transição de governo.

No campo dos indicadores, os participantes do mercado estão de olho nos números do PIB no terceiro trimestre e nos dados da balança comercial brasileira em novembro.

Entre as empresas listadas em bolsa, a Petrobras deve dominar as atenções. Depois de divulgar seu plano estratégico quinquenal, sobre o qual você encontrará mais detalhes nas notinhas a seguir, a companhia realiza hoje o chamado Petrobras Day, durante o qual o documento será detalhado.

No exterior, depois de o presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), Jerome Powell, ter acalmado os mercados na véspera, hoje será conhecido o resultado do PCE de outubro.

O PCE é o índice de gastos com consumo pessoal dos Estados Unidos. A relevância do PCE reside no fato de o indicador ser considerado o preferido dos diretores do Fed para monitorar os rumos da inflação nos EUA.

E enquanto o presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva parece não ter pressa para divulgar a composição de seu ministério, as especulações correm à solta em Brasília - e também nas mesas de operação.

Para ficar por dentro deste bem-vindo dia normal nos mercados financeiros, nada melhor do que acompanhar a cobertura do Seu Dinheiro.

Este artigo foi publicado primeiramente no "Seu Dinheiro na sua manhã". Para receber esse conteúdo no seu e-mail, cadastre-se gratuitamente neste link.

O que você precisa saber hoje

BALANÇO DO MÊS
Apenas 4 investimentos encerraram o mês de novembro no positivo — e a poupança é um deles. A PEC da Transição provocou uma maré vermelha entre os ativos brasileiros, enquanto o bitcoin sofreu com a quebra da gigante FTX. Veja o ranking completo.

ABERTO A MUDANÇAS
Petrobras (PETR4) garante dividendos e eleva projeção de investimentos. A equipe de transição de Lula já deixou claro que pretende aumentar investimentos da estatal, o que pode afetar a remuneração aos acionistas. Veja o plano estratégico da petroleira.

DESINVESTIU
Petrobras (PETR4) conclui a venda da Reman, a Refinaria de Manaus, para a Atem. Segundo a petroleira, o contrato ainda prevê um ajuste final do preço de aquisição, que será apurado nos próximos meses. Confira quanto entrou nos cofres da estatal.

CARTÃO VERMELHO!
CVM suspende oferta de investimentos em criptoativos da BlueBenx. Em caso de descumprimento da determinação da autarquia, a multa diária para a empresa e os sócios é de R$ 100 mil. Entenda o motivo da decisão da xerife do mercado brasileiro.

SEU DINHEIRO NA COPA
A maldição do 7 x 1: Alemanha tenta evitar segunda eliminação seguida na primeira fase de uma Copa do Mundo. Desde o placar avassalador dos europeus sobre o Brasil e a conquista do tetra em 2014, o desempenho da Alemanha na Copa tem deixado a desejar.

ESTRADA DO FUTURO
Se o agro é tech, por que não encontramos empresas de tecnologia no segmento para investir? Embora muito se fale na união entre o agro e o tech, não há companhias na bolsa que consigam juntar esses mundos. O colunista Richard Camargo explica o motivo.

Uma boa e normal quinta-feira para você!

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

DIA 33

Pedalada na Americanas? Não, motociata! Lula quebra silêncio, fala sobre a varejista e compara Lemann a Eike

2 de fevereiro de 2023 - 20:30

Presidente não economiza nas palavras e diz, sem apresentar provas, que a Ambev — da qual Jorge Paulo Lemann também é acionista — deve ser a próxima a apresentar problemas contábeis

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Ibovespa ignora alta do Nasdaq e recua forte, o novo pesadelo da Oi (OIBR3) e outros destaques do dia

2 de fevereiro de 2023 - 19:02

Nesta quinta-feira (02), o mercado esperava uma bela ressaca após mais uma edição da Super Quarta — com decisões de política monetária no Brasil e nos Estados Unidos —, mas a dor de cabeça para a bolsa brasileira teve origem em outro lugar.  As palavras dos dois BCs mexeram com a curva de juros e […]

QUE MORDIDA!

Apple vê lucro cair pela primeira vez desde 2019 e ações caem em NY — saiba o que abocanhou um pedaço da maçã no 4T22

2 de fevereiro de 2023 - 18:40

A receita da fabricante de iPhones, por sua vez, registrou a maior queda em base anual desde setembro de 2016

TRIMESTRE COM BARREIRAS

ChatGPT, questões com a justiça e demissões — os vilões do resultado da dona do Google no 4T22

2 de fevereiro de 2023 - 18:18

Uma das principais ameaças para a Alphabet é o OpenAI — a Microsoft tem planos de anexar respostas em linguagem natural ao mecanismo de buscas Bing, acirrando a concorrência com o Google

Sem cashback

Prejuízo de bilhões: Amazon frustra no 4T22 e fecha um ano no vermelho pela primeira vez desde 2014; ações caem 4%

2 de fevereiro de 2023 - 18:17

A Amazon fechou o quarto trimestre com lucro de US$ 278 milhões, ficando abaixo das expectativas dos analistas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies