A AÇÃO QUE ESTÁ REVOLUCIONANDO A INFRAESTRUTURA DO BRASIL E PODE SUBIR 50%. BAIXE UM MATERIAL GRATUITO

Jasmine Olga
O melhor do Seu Dinheiro
Jasmine Olga
2022-07-07T19:11:11-03:00
O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Um recado do Fed, a queda de Boris Johnson e outros destaques do dia

7 de julho de 2022
19:11
Cédula de dólar vista com zoom, focada no logo do Federal Reserve (Fed)
Imagem: Shutterstock

Os cintos estavam bem apertados, as máscaras de oxigênio pendiam do teto e os passageiros se agarravam aos bancos para minimizar o efeito da forte turbulência prolongada quando membros da tripulação conseguiram com sucesso acalmar os ânimos de todos.

“Ao que tudo indica, parece que o pouso da política monetária americana será suave”.

Os responsáveis por entregar o recado foram James Bullard e Christopher Waller, dirigentes do Federal Reserve — o Banco Central dos EUA. 

Nesta tarde, os dois declararam que embora uma nova elevação de 0,75 ponto percentual provavelmente seja estudada no próximo encontro, a economia americana tem as ferramentas necessárias para que o “pouso seja tranquilo”. 

Como a turbulência vinha sendo alimentada pelo medo de uma recessão, as declarações diluíram os temores e permitiram a Wall Street que as bolsas subissem mais de 1%. Os efeitos da calmaria também foram sentidos aqui no Brasil. 

Com o minério de ferro e o petróleo mais uma vez em alta e o apetite por risco em Nova York, o Ibovespa acelerou em direção aos céus e recuperou o patamar dos 100 mil pontos, com uma alta de 2,04%, a 100.730 pontos. O dólar à vista caiu 1,42%, a R$ 5,3451. 

Os investidores a bordo respiram aliviados por hoje, mas a tendência é que esse sentimento não perdure se as turbulências vistas nas últimas semanas continuarem a indicar um risco maior de que a economia americana — e o resto do mundo — estão a caminho de uma grave recessão. 

Veja tudo o que movimentou os mercados nesta quinta-feira, incluindo os principais destaques do noticiário corporativo e as ações com o melhor e o pior desempenho do Ibovespa.

Confira outras notícias que mexem com o seu dinheiro

ALERTA VERMELHO
Ethereum (ETH) ameaçado: 3 motivos que podem atrasar a atualização mais esperada do ano — e por que isso irá afetar o mercado de criptomoedas como um todo. Também apresentamos uma razão pela qual a Ethereum Foundation ainda deve manter o calendário conforme o planejado.

REESTRUTURAÇÃO
TIM anuncia plano de transformação: confira se as mudanças vão atingir os negócios da TIM Brasil (TIMS3). A reestruturação tem o objetivo de reduzir a dívida da empresa na Itália.

O PIOR JÁ PASSOU?
As ações da Cielo (CIEL3) já subiram 74% neste ano e podem avançar ainda mais. O JP Morgan revisou o preço do papel para R$ 5,50, um potencial de valorização de 44,3%; a recomendação é de compra.

MONEY TIMES
Os melhores investimentos tirados de 88 carteiras para julho. A Vale (VALE3) segue como uma das principais escolhas dos analistas. Além de se beneficiar da reabertura da economia chinesa nos próximos meses, segundo o BTG Pactual, a mineradora é conhecida pela boa remuneração aos acionistas.

OS SOBREVIVENTES
Putin vê mais um primeiro-ministro britânico cair, mas ainda precisa comer muita farinha antes de alcançar a rainha Elizabeth II. Boris Johnson é o quinto premiê a renunciar com o presidente russo na ativa, mas a monarca britânica já viu muito mais que isso.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

BALANÇO

Inter (INBR31) reverte prejuízo em lucro de R$ 15,5 milhões no segundo trimestre; confira os números

15 de agosto de 2022 - 21:01

No semestre encerrado em 30 de junho de 2022, o Inter superou a marca de 20 milhões de clientes, que equivale a 22% de crescimento no período

BALANÇO DA HOLDING

Lucro líquido da Itaúsa (ITSA4) recua 12,5% no segundo trimestre, mas holding anuncia JCP adicional; confira os destaques do balanço

15 de agosto de 2022 - 19:52

A Itaúsa (ITSA4) esperou até o último dia da temporada de balanços para revelar os números do segundo trimestre. E a paciência dos investidores não foi recompensanda: a companhia lucrou R$ 3 bilhões, uma queda de 12,5% na comparação com o mesmo período do ano passado. O retorno sobre o patrimônio líquido (ROE) sobre o […]

BALANÇO

Resultado da Méliuz (CASH3) piora e empresa de cashback registra prejuízo líquido de R$ 28,2 milhões no segundo trimestre

15 de agosto de 2022 - 19:07

Os papéis da Méliuz amargam perdas de 87% no ano, mas entraram no mês de agosto em tom mais positivo, com ganho mensal de 7%

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Magazine Luiza (MGLU3) dá a volta por cima, XP vai às compras e futuro do ethereum; confira os destaques do dia

15 de agosto de 2022 - 18:52

Há pouco mais de dois meses, quando conversei com diversos analistas e gestores de mercado sobre as expectativas para o segundo semestre, poucos foram aqueles que apostaram nos setores de grande exposição à economia doméstica como boas alternativas para a segunda metade do ano.  Não que empresas ex-queridinhas como Magazine Luiza (MGLU3), Via (VIIA3) e […]

ACIONISTAS FELIZES

Dividendos: Itaúsa (ITSA4) pagará JCP adicional e data de corte é nesta semana; veja como receber

15 de agosto de 2022 - 18:47

Vale lembrar que, após a data de corte, as ações serão negociadas “ex-direitos” e passarão por um ajuste na cotação referente aos proventos já alocados

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies