🔴 SAVE THE DATE: 22/07 – FERRAMENTA PARA GERAR RENDA COM 1 CLIQUE SERÁ LIBERADA – CONHEÇA

Anunciação do BC impulsiona o Ibovespa, Petrobras (PETR4) reduz preço do diesel e outros destaques do dia

A voz do Copom sussurrou ontem no ouvido do mercado indicando que, depois de 12 elevações consecutivas, o ciclo de alta da Selic finalmente está acabando

4 de agosto de 2022
18:15
Bull market Ibovespa bolsa dólar
Imagem: Shutterstock

Se existisse uma Rádio Ibovespa, ela tocaria apenas uma música nesta quinta-feira (4). “Tu vens, tu vens... Eu já escuto os teus sinais” — os famosos versos da canção de Alceu Valença seriam ouvidos durante todo o pregão.

A voz do Banco Central sussurrou ontem no ouvido do mercado indicando que, depois de 12 elevações consecutivas, o ciclo de alta da Selic finalmente está acabando. E a anunciação provocou um otimismo generalizado no mercado hoje.

A notícia de que o Copom pode promover apenas uma “nova alta residual” na próxima reunião antes de estacionar a taxa soou como uma bela canção para os setores mais afetados pelo aperto nos juros, especialmente para as varejistas, as construtoras e as techs.

A maior alta do dia veio do último segmento — que deve voltar a ser observado com mais carinho pelos investidores quando a atratividade da renda fixa diminuir — e foi registrada pela Méliuz (CASH3). A empresa de cashback saltou 15%.

A disparada foi seguida de perto pelo Magazine Luiza (MGLU3), que subiu 14%, apoiada também pelos sinais positivos vindos do balanço do Mercado Livre, uma das maiores empresas do setor. Já na construção, o destaque foi a MRV (MRVE3) e sua alta de 12,7% diante da esperança de crédito imobiliário mais barato renovada.

Com os sinos desses e de outros setores da bolsa anunciando as boas novas, o Ibovespa também foi contagiado pelo otimismo e teve uma performance expressiva hoje. O principal índice acionário da B3 encerrou o pregão com ganhos de 2,04%, aos 105.892 pontos.

Já a trajetória do dólar foi bem diferente. Enfraquecida globalmente, a moeda norte-americana também recuou por aqui com a notícia de que os investidores gringos injetaram cerca de R$ 438 milhões na bolsa brasileira em agosto.

A indicação de que o fluxo de capital estrangeiro está se movendo para o mercado local ajudou a assegurar a queda da divisa. Ao final da sessão, o dólar à vista recuou 1,09%, cotado em R$ 5,2204.

Veja tudo o que movimentou os mercados nesta quinta-feira, incluindo os principais destaques do noticiário corporativo e as ações com o melhor e o pior desempenho do Ibovespa.

Confira outras notícias que mexem com o seu dinheiro

COMBUSTÍVEIS
Petrobras baixa preço do diesel em R$ 0,20 a partir de amanhã. O valor médio de venda feita pela estatal passará de R$ 5,61 para R$ 5,41 por litro, uma redução de 3,6%.

VOANDO MAIS ALTO
Embraer (EMBR3) aproveita retomada do setor aéreo para aumentar margens — e ações sobem. Apesar da queda de 14,8% na receita líquida, analistas destacam a margem Ebitda e a geração de caixa da empresa no segundo trimestre.

MONEY TIMES
Eletrobras (ELET3): no pós-privatização, o encontro para selar o futuro da empresa. Um novo conselho de administração deve ser eleito nesta sexta-feira (5), em uma importante etapa para direcionar a empresa após o processo de privatização que movimentou R$ 29,29 bilhões. 

UM ENCONTRO DE TRILHÕES
Ações da Coinbase disparam 22% após corretora firmar parceria para oferecer criptomoedas para maior gestora de ativos do mundo. O anúncio do acordo entre a exchange e a BlackRock animou os investidores, que foram às compras mesmo com a queda do dia dos ativos digitais.

QUEBRANDO O PORQUINHO
Saques da caderneta de poupança chegam a R$ 12,7 bilhões em julho e já ultrapassam os R$ 63 bilhões no ano. Mês tem a terceira maior captação líquida negativa de 2022 para a aplicação mais popular do país, que só teve captação positiva em maio.

Compartilhe

O melhor do Seu Dinheiro

Mais uma camada de cautela: Super Quarta à vista, funeral da rainha, inverno dos NFTs e as notícias que mexem com seus investimentos hoje

19 de setembro de 2022 - 8:16

Os investidores mantêm a cautela da semana passada com a reunião de política monetária do Federal Reserve. Analistas acreditam que o Fed fará a terceira elevação seguida na taxa básica de juro nos EUA

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

O ethereum pós-The Merge, tensão pré-Fed e outros destaques do dia

16 de setembro de 2022 - 19:01

A queda acumulada de 2,69% do Ibovespa nesta semana indica que não foram dias fáceis — e o apetite por risco deve permanecer fora da mesa pelo menos até que a tensão que toma conta dos mercados antes da Super Quarta se dissipe.  Os dados da inflação ao consumidor dos Estados Unidos, divulgados na terça-feira […]

O melhor do Seu Dinheiro

Você vai jogar a toalha? Tempestade nas bolsas, o adeus do Nubank, dividendos da B3 e outras notícias que mexem com os seus investimentos hoje

16 de setembro de 2022 - 8:21

Os investidores parecem ter jogado a toalha — e é improvável que a pressão sobre os ativos de risco diminua antes da Super Quarta na próxima semana

O melhor do Seu Dinheiro

A grande cautela dos mercados: Fusão do ethereum, ações do Magazine Luiza (MGLU3), big techs e outras notícias que mexem com seus investimentos

15 de setembro de 2022 - 8:03

Investidores parecem dispostos a manter os ativos de risco em território positivo após a inflação nos EUA ter derrubado as bolsas nesta semana, mas pisam em ovos hoje

O melhor do Seu Dinheiro

Depois da queda, o coice? Bolsas sob tensão, o inferno da Méliuz (CASH3), dividendos da Petrobras (PETR4) e outras notícias que mexem com seus investimentos

14 de setembro de 2022 - 8:12

Após a queda dos ativos de risco, os investidores parecem se preparar para um coice, mas a espera pode não passar de puro pessimismo

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Nasdaq derrete, bitcoin volta a cair e quem leva a melhor entre IRB (IRBR3) e BB Seguridade (BBSE3); confira os destaques do dia

13 de setembro de 2022 - 19:22

Enquanto as restrições impostas pelo coronavírus saíam por uma porta, o dragão da inflação se preparava para entrar pela outra nos Estados Unidos.  Seguindo todos os clichês de uma visita indesejada, ele foi chegando de fininho, prometendo ficar por apenas meia hora, mas parece ter se estabelecido de vez na poltrona mais confortável da sala […]

O melhor do Seu Dinheiro

Expectativas para todos os gostos: inflação nos EUA, câmbio, eleições e todas as notícias que mexem com os seus investimentos hoje

13 de setembro de 2022 - 8:17

Entenda os movimentos do mercado de câmbio e confira insights que podem ajudar a antecipar os próximos passos do euro, do dólar e do real

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Bolsa começa semana em alta, a fintech promissora e outros destaques do dia

12 de setembro de 2022 - 18:21

Já dá para farejar o cheirinho de decisão de política monetária no ar. E, enquanto os ingredientes que devem compor a decisão dos bancos centrais do Brasil e dos Estados Unidos já foram para o forno, os investidores estão ansiosos à espera da cereja do bolo — os dados de inflação ao consumidor dos EUA […]

O melhor do Seu Dinheiro

A esperança é a última que morre: inflação nos EUA, disputa da Vamos (VAMO3) e outras notícias que mexem com os seus investimentos hoje

12 de setembro de 2022 - 8:27

A fé dos investidores de que os sinais de desaceleração da alta dos preços possam amolecer o coração do Fed impulsiona os ativos de risco nesta segunda-feira

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Deflação em agosto, motivos para comprar Nubank e novo rali do bitcoin; confira os destaques do dia

9 de setembro de 2022 - 19:04

Apesar de uma semana mais curta tanto no Brasil quanto nos Estados Unidos, os últimos pregões não estiveram livres de grandes emoções.  Nos Estados Unidos e na Europa, os dias foram marcados por sinalizações mais duras dos bancos centrais, preparando o cenário para que mais ajustes de grande magnitude ocorram nas próximas reuniões de política […]

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar