🔴 PRIO3 E +9 AÇÕES PARA COMPRAR AGORA – ASSISTA AQUI

A frente fria chegou: Entenda como esta gélida sexta-feira ameaça a bolsa brasileira e os seus investimentos

O Ibovespa chega à sessão desta sexta-feira com alta de 0,9% no acumulado da semana. Portanto, basta um escorregão no chão molhado para impedir que o índice emplaque sua quinta alta semanal seguida

19 de agosto de 2022
8:20
chuva, frio, guarda chuva
Imagem: Pixabay

Num passado nem tão distante, quem acompanhava a previsão do tempo pela imprensa tinha a sensação de que o erro era a norma. Mas há erros e erros.

O pior dos mundos para um meteorologista é prever que vai chover e não chove, afirma a experiente e carismática Josélia Pegorim, da agência Climatempo.

Atualmente, com a evolução da tecnologia, esse tipo de erro é cada vez mais raro. Prova disso é a frente fria que chegou a São Paulo entre a noite de ontem e a madrugada de hoje. Ela vinha sendo antecipada havia mais de uma semana.

Portanto, prepare o casaco e o guarda-chuva. Não saia de casa sem eles hoje. Se estiver em trabalho remoto, não dispense um agasalho. A frente fria chegou.

E é possível que nem mesmo a bolsa escape de seus impactos. Uma mudança de tempo nos mercados ameaça impedir a bolsa de emplacar sua quinta semana seguida de alta.

Desde meados de julho, quando começou a subir, o Ibovespa avançou 12%. Com isso, alguns meteorologistas do mercado vinham antecipando a aproximação de uma nuvem de realização de lucros.

Mas a bolsa manteve-se firme. Mesmo diante do fim da temporada de balanços, da agenda fraca, do início da campanha eleitoral e dos temores em relação aos próximos passos do banco central norte-americano.

Agora o Ibovespa chega à sessão desta gélida sexta-feira em São Paulo com alta de 0,9% no acumulado da semana. Portanto, basta um escorregão no chão molhado para impedir que o índice emplaque sua quinta alta semanal seguida.

Para ficar por dentro de todos os detalhes da frente fria que ameaça a bolsa brasileira hoje, você precisa acompanhar a cobertura de mercados do Seu Dinheiro.

Este artigo foi publicado primeiramente no "Seu Dinheiro na sua manhã". Para receber esse conteúdo no seu e-mail, cadastre-se gratuitamente neste link.

O que você precisa saber hoje

MAIS UM PASSO
Unindo os jalecos: acionistas do Fleury (FLRY3) e do Hermes Pardini (PARD3) aprovam a fusão entre as companhias. Operação foi anunciada no fim de junho. Juntas, as empresas formam um conglomerado que gerou R$ 6,1 bilhões de receita no primeiro trimestre de 2022.

REBATEU FAKE NEWS
“Estou meio acostumada a tomar paulada”: Luiza Trajano fala sobre política, empreendedorismo e os desafios do Magalu (MGLU3). Empresária rebateu os principais boatos que envolvem o seu nome e comentou as perspectivas do varejo no TAG Summit 2022.

TAP TON VAI AJUDAR?
Stone (STNE) sai de lucro para prejuízo de R$ 489,3 milhões no 2T22; mercado não perdoa desempenho e ações caem. Entre abril e junho de 2021, a empresa paralisou as concessões de seu produto de crédito e aumentou as provisões após um forte crescimento da inadimplência.

ELEIÇÕES 2022
Bolsonaro aparece no retrovisor de Lula, mas petista ainda pode levar no primeiro turno, segundo Datafolha. Esta é a primeira pesquisa de intenção de voto realizada após o início oficial da campanha presidencial, que começou há três dias.

MARKET MAKERS
Dólar deve voltar a disparar no fim do ano – e não tem nada a ver com as eleições, diz CEO da Armor Capital. No episódio #08 do Market Makers, Alfredo Menezes e Rodrigo Campos apontam seus prognósticos para o dólar e para as bolsas.

SEXTOU COM O RUY
Você é um pequeno investidor? Descubra as vantagens que você tem sobre o resto do mercado e ainda não sabia. Na visão do colunista Ruy Hungria, investidores institucionais muitas vezes são obrigados a abrir mão de oportunidades das quais os pequenos investidores podem obter ganhos vultosos.

Uma boa sexta-feira para você!

Compartilhe

O melhor do Seu Dinheiro

Mais uma camada de cautela: Super Quarta à vista, funeral da rainha, inverno dos NFTs e as notícias que mexem com seus investimentos hoje

19 de setembro de 2022 - 8:16

Os investidores mantêm a cautela da semana passada com a reunião de política monetária do Federal Reserve. Analistas acreditam que o Fed fará a terceira elevação seguida na taxa básica de juro nos EUA

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

O ethereum pós-The Merge, tensão pré-Fed e outros destaques do dia

16 de setembro de 2022 - 19:01

A queda acumulada de 2,69% do Ibovespa nesta semana indica que não foram dias fáceis — e o apetite por risco deve permanecer fora da mesa pelo menos até que a tensão que toma conta dos mercados antes da Super Quarta se dissipe.  Os dados da inflação ao consumidor dos Estados Unidos, divulgados na terça-feira […]

O melhor do Seu Dinheiro

Você vai jogar a toalha? Tempestade nas bolsas, o adeus do Nubank, dividendos da B3 e outras notícias que mexem com os seus investimentos hoje

16 de setembro de 2022 - 8:21

Os investidores parecem ter jogado a toalha — e é improvável que a pressão sobre os ativos de risco diminua antes da Super Quarta na próxima semana

O melhor do Seu Dinheiro

A grande cautela dos mercados: Fusão do ethereum, ações do Magazine Luiza (MGLU3), big techs e outras notícias que mexem com seus investimentos

15 de setembro de 2022 - 8:03

Investidores parecem dispostos a manter os ativos de risco em território positivo após a inflação nos EUA ter derrubado as bolsas nesta semana, mas pisam em ovos hoje

O melhor do Seu Dinheiro

Depois da queda, o coice? Bolsas sob tensão, o inferno da Méliuz (CASH3), dividendos da Petrobras (PETR4) e outras notícias que mexem com seus investimentos

14 de setembro de 2022 - 8:12

Após a queda dos ativos de risco, os investidores parecem se preparar para um coice, mas a espera pode não passar de puro pessimismo

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Nasdaq derrete, bitcoin volta a cair e quem leva a melhor entre IRB (IRBR3) e BB Seguridade (BBSE3); confira os destaques do dia

13 de setembro de 2022 - 19:22

Enquanto as restrições impostas pelo coronavírus saíam por uma porta, o dragão da inflação se preparava para entrar pela outra nos Estados Unidos.  Seguindo todos os clichês de uma visita indesejada, ele foi chegando de fininho, prometendo ficar por apenas meia hora, mas parece ter se estabelecido de vez na poltrona mais confortável da sala […]

O melhor do Seu Dinheiro

Expectativas para todos os gostos: inflação nos EUA, câmbio, eleições e todas as notícias que mexem com os seus investimentos hoje

13 de setembro de 2022 - 8:17

Entenda os movimentos do mercado de câmbio e confira insights que podem ajudar a antecipar os próximos passos do euro, do dólar e do real

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Bolsa começa semana em alta, a fintech promissora e outros destaques do dia

12 de setembro de 2022 - 18:21

Já dá para farejar o cheirinho de decisão de política monetária no ar. E, enquanto os ingredientes que devem compor a decisão dos bancos centrais do Brasil e dos Estados Unidos já foram para o forno, os investidores estão ansiosos à espera da cereja do bolo — os dados de inflação ao consumidor dos EUA […]

O melhor do Seu Dinheiro

A esperança é a última que morre: inflação nos EUA, disputa da Vamos (VAMO3) e outras notícias que mexem com os seus investimentos hoje

12 de setembro de 2022 - 8:27

A fé dos investidores de que os sinais de desaceleração da alta dos preços possam amolecer o coração do Fed impulsiona os ativos de risco nesta segunda-feira

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Deflação em agosto, motivos para comprar Nubank e novo rali do bitcoin; confira os destaques do dia

9 de setembro de 2022 - 19:04

Apesar de uma semana mais curta tanto no Brasil quanto nos Estados Unidos, os últimos pregões não estiveram livres de grandes emoções.  Nos Estados Unidos e na Europa, os dias foram marcados por sinalizações mais duras dos bancos centrais, preparando o cenário para que mais ajustes de grande magnitude ocorram nas próximas reuniões de política […]

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies