IPCA + 8% e outros títulos ‘premium’: receba as melhores ofertas de renda fixa no seu WhatsApp

Cotações por TradingView
2021-01-04T17:35:09-03:00
Estadão Conteúdo
Expansão

Gol fecha acordo de Interline com Asta e dá passo no mercado regional em MT

Os voos serão operados pela Asta com aeronaves Cessna Grand Caravan, com capacidade para até nove passageiros.

4 de janeiro de 2021
12:47 - atualizado às 17:35
Avião da Gol GOLL4
Imagem: Dilvugação

De olho no mercado regional, a Gol anunciou, nesta segunda-feira, 4, um acordo de interline com a Asta Linhas Aéreas, companhia baseada em Cuiabá. Um acordo interline é um passo antes do codeshare e traz comodidades ao passageiro, como um único check-in e despacho de bagagem da origem até o destino final, mesmo em caso de conexões na viagem.

Segundo a Gol, a parceria traz quatro novos destinos a sua malha: Juína (JIA), Tangará da Serra (TGQ), Lucas do Rio Verde (LVR) e Nova Mutum (DNM). Estas cidades do Mato Grosso já estão com as vendas abertas no site da Gol para voos a partir do próximo dia de 15 de fevereiro de 2021 - com exceção de Nova Mutum, cujas vendas devem se iniciar nos próximos dias. As rotas estão conectadas à malha da Gol via Cuiabá.

"Estes destinos no interior mato-grossense reforçam o compromisso da Gol, que acredita na expansão regional e sub-regional e no processo de democratização do acesso ao transporte aéreo no País", disse a empresa, em nota.

Os voos serão operados pela Asta com aeronaves Cessna Grand Caravan, com capacidade para até nove passageiros.

O passo da Gol chega em um momento que sua concorrente, a Azul, tem nadado de braçada no mercado regional. Em agosto, a Azul lançou a Azul Conecta, braço de aviação regional fruto da aquisição da TwoFlex - fechada em janeiro, por R$ 123 milhões. A TwoFlex, por sinal, era parceira da Gol na aviação regional.

A subsidiária opera 17 aeronaves modelo Cesna Gran Caravan, incluindo três exclusivamente para cargas. A meta da Azul é chegar a 200 destinos no País com o suporte da Azul Conecta. Hoje, 78% das rotas da aérea são exclusivas, reduzindo assim espaço de briga por tarifas com concorrentes.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

CAÇADOR DE TENDÊNCIAS

Day trade na B3: Oportunidade de lucro acima de 5% com ações do Hermes Pardini (PARD3); confira a recomendação

29 de novembro de 2022 - 8:29

Identifiquei uma oportunidade de swing trade baseada na análise quant – venda dos papéis do Hermes Pardini (PARD3). Veja os detalhes

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Transição começa a desemperrar: A PEC de Lula, dividendos do Itaú, desinvestimentos da Petrobras e outras notícias que mexem com os seus bolsos

29 de novembro de 2022 - 8:21

Negociações indicam que a PEC da Transição de Lula deve sofrer uma boa desidratação durante sua tramitação no Congresso. Analistas acreditam que o valor final gire em torno de R$ 150 bilhões

MERCADOS AGORA

Esquenta dos mercados: Ibovesa deve patinar na PEC da Transição e nome de Haddad para Fazenda; bolsas internacionais aguardam dados da semana em Nova York

29 de novembro de 2022 - 7:01

RESUMO DO DIA: As bolsas da Ásia e Pacífico fecharam o pregão desta terça-feira (29) majoritariamente em alta. Os investidores por lá acompanham uma possível suspensão das políticas de “covid zero” na China, em meio a protestos no país. Na Europa, o tom é levemente negativo antes dos dados de inflação da Alemanha. Por aqui, […]

AUTOMÓVEIS

Mais seguro e inteligente, o carro semiautônomo já é uma realidade; confira as opções disponíveis no mercado

29 de novembro de 2022 - 6:11

Alguns itens de segurança e de assistência ao motorista transformam carros — nem tão caros — em veículos semiautônomos

INSIGHTS ASSIMÉTRICOS

Fora Xi Jinping? Alvo de protestos, covid zero deve afetar PIB da China, mas reação do mercado pode ter sido exagerada

29 de novembro de 2022 - 5:54

Protestos se espalharam por várias cidades chinesas pedindo o fim da política de covid zero, que tortura o país há mais de dois anos, prejudicando a atividade econômica e o bem-estar das famílias chinesas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies