O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

Julia Wiltgen
O melhor do Seu Dinheiro
Julia Wiltgen
2021-06-01T20:00:24-03:00
seu dinheiro na sua noite

Os recordes diários do Ibovespa e as boas surpresas do PIB

1 de junho de 2021
20:00
alta da bolsa
Imagem: shutterstock

O Ibovespa começou junho com o pé direito, batendo recorde de fechamento nominal pelo terceiro pregão consecutivo e se aproximando dos 130 mil pontos pela primeira vez.

O dólar, por sua vez, chegou à mínima do ano, fechando por volta de R$ 5,15. Desde dezembro não víamos a moeda americana abaixo dos R$ 5,20.

Os “recordes diários” do principal índice da bolsa brasileira me obrigaram novamente a fazer referência a uma canção de The Who no título da newsletter, e no original, ainda por cima.

Até porque os “records” a que o Pete Townshend se refere aqui são “discos” e não “recordes”, mas acho que vale o trocadilho. Desculpa explicar a piada, prometo voltar ao português nos próximos títulos.

Um dos fatores que levaram o Ibovespa para cima nesta terça-feira foi a surpresa do mercado com o crescimento do PIB no primeiro trimestre, divulgado hoje de manhã.

Apesar da segunda onda de covid-19, a economia brasileira conseguiu avançar 1,2% ante o quarto trimestre de 2020 e 1% em comparação com o primeiro trimestre do ano passado. Ambas as marcas vieram acima do esperado pelo mercado.

Eu sei o que você deve estar pensando: como pode, se ainda não voltamos à vida normal, se tivemos novas medidas de distanciamento social e se, mesmo sem elas, as pessoas têm circulado menos por aí?

Bem, a atividade foi puxada pelo agronegócio e, em menor medida, pela indústria. Os serviços, setor mais afetado pela pandemia, continuou mal das pernas.

É por isso que o mercado está otimista com o que o resto do ano pode nos trazer: o avanço da vacinação tem tudo para reanimar o setor, recuperando assim o emprego e a renda, e trazendo um crescimento ainda maior.

Por outro lado, economia reaquecida é sinônimo de pressão sobre a inflação e, consequentemente, sobre as taxas de juros. Depois da divulgação do PIB de hoje, o mercado já começou a rever, para cima, suas estimativas para o crescimento da economia em 2021, bem como para a inflação e a taxa Selic no fim do ano.

O PIB não foi o único fator a animar os mercados domésticos hoje, porém. O Victor Aguiar conta, nesta matéria, tudo que afetou as negociações no pregão desta terça.

EMPRESAS

 A CNova, e-commerce do grupo francês Casino, anunciou hoje uma oferta de ações que pode movimentar até 300 milhões de euros. Mas o que o mercado quer mesmo saber é se o GPA, dono de uma participação de 34% na empresa, venderá a sua parte. Entenda.

 Enquanto isso, o Grupo Ultra está cada vez mais perto de fechar a venda da química Oxiteno. A companhia afunilou a disputa para três concorrentes e deve tomar uma decisão até o final deste mês. 

 Um acordo firmado entre a Eve, empresa criada pela Embraer, e a norte-americana Halo movimentou o mercado hoje. Os termos da parceria, que incluem a entrega de 200 unidades do veículo aéreo elétrico desenvolvido pela brasileira, levaram as ações da Embraer à liderança dos ganhos do Ibovespa pela manhã.

 O fim do relacionamento entre a Acqua-Vero e a XP tem gerado dores de cabeça para as duas empresas. Prestes a se juntar ao BTG, maior rival da corretora, o escritório de agentes autônomos questionou na Justiça o valor da multa milionária aplicada pela XP.

 Um casamento inusitado agitou o universo das criptomoedas. A Apple e a Coinbase anunciaram que os usuários dos cartões da exchange poderão usar o sistema Apple Pay para fazer pagamentos e saques com bitcoins e outras moedas digitais. Saiba mais.

ECONOMIA

 Apesar de defender a reforma administrativa em público, o presidente Jair Bolsonaro não quer que a proposta seja aprovada e não vai trabalhar por ela. Pelo menos foi isso que o ministro da Economia, Paulo Guedes, confidenciou ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco.

OPINIÃO

 Já ouviu falar do “Halo effect” ou “Efeito halo”? Felipe Miranda, sócio fundador e CIO da Empiricus, explica o conceito das finanças comportamentais e fala sobre a importância da ausência de ideologia na análise de investimentos na sua coluna de hoje.

Este artigo foi publicado primeiramente no "Seu Dinheiro na sua noite". Para receber esse conteúdo no seu e-mail, cadastre-se gratuitamente neste link.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

MERCADOS HOJE

Bolsa hoje: Cautela pesa e Ibovespa futuro abre em queda com exterior fraco; dólar avança para R$ 4,95

RESUMO DO DIA: Após o rali da última terça-feira (17), as bolsas amanheceram com leves perdas, em um movimento de ajuste cauteloso. A inflação na Europa preocupa, enquanto o Federal Reserve dá sinais mistos sobre o aperto monetário. Por aqui, o Ibovespa acompanha a privatização da Eletrobras (ELET3) e falas de Roberto Campos Neto e […]

CAÇADOR DE TENDÊNCIAS

Oportunidade de swing trade: compra de ações da Suzano (SUZB3) e lucro de 5,3% no bolso com Wiz (WIZS3)

Identifiquei uma oportunidade de swing trade – compra dos papéis da Suzano (SUZB3), com entrada em R$ 52,74; confira a análise

O melhor do Seu Dinheiro

As stablecoins são o Real dos anos 1990? Confira a notícia do dia e outras sete histórias que mexem com os seus investimentos

Manter a paridade com o dólar não é tarefa simples, e o novíssimo mercado das criptomoedas experimentou esse travo amargo na semana passada; entenda a crise das stablecoins

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: Bolsas lá fora tentam emplacar terceiro dia de alta, limitadas por dados inflacionários; Ibovespa mira Eletrobras (ELET3) e briga entre poderes

Ainda hoje, os investidores acompanham o presidente do BC, Roberto Campos Neto, e o ministro da Economia, Paulo Guedes, em evento

TRAGÉDIA NA CHINA

Alguém derrubou esse avião de propósito na China; investigadores agora tentam descobrir quem foi

Dados recuperados da caixa preta sugerem que alguém na cabine derrubou o intencionalmente o Boeing 737-800 da China Eastern com 132 pessoas a bordo no fim de março

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies