Menu
Jasmine Olga
O melhor do Seu Dinheiro
Jasmine Olga
Dados da Bolsa por TradingView
2021-09-10T19:28:47-03:00
seu dinheiro na sua noite

O preço da incerteza no mercado financeiro

10 de setembro de 2021
19:28
Homem de contas em montagem com pontos de interrogação em volta

Existem muitas expressões clássicas entre os agentes financeiros, mas nenhuma vem sendo tão repetida quanto “o mercado odeia incertezas”.

E é bem fácil entender o porquê. Desde junho, quando a bolsa alcançou os 130 mil pontos, o Ibovespa perdeu mais de 16 mil pontos, mesmo com os índices americanos acumulando altas expressivas no ano e renovando máximas por meses seguidos, e uma temporada de balanços que mostrou que a maior parte das empresas brasileiras engrenaram em uma recuperação robusta pós-pandemia. 

A triste marca coincide com a elevação dos ruídos políticos em Brasília. Nesse meio tempo, entre outras coisas, tivemos uma reforma do imposto de renda que mais desagradou do que ajudou, problemas com o teto de gastos e troca de ofensas entre membros dos Três Poderes.

O ápice da tensão foi o 7 de setembro, que causou apreensão e cautela antes, durante e promete repercutir por um bom tempo depois da data. Em semana mais curta, o Ibovespa recuou 2,2% e o dólar subiu 1,59%.

Com a bolsa brasileira descontada perante os seus pares internacionais, mas apresentando bons fundamentos, o aceno de paz de Bolsonaro ontem permitiu que em pouco mais de 15 minutos o principal índice da B3 saísse do vermelho para fechar o dia em uma alta de quase 2%. 

A sexta-feira começou com a mesma força alucinante da véspera, ainda que o mercado já tivesse sinalizado que era muito cedo para comprar uma trégua definitiva entre Executivo, Legislativo e Judiciário. Os temores não demoraram a se confirmar. 

Enquanto o vice-presidente Hamilton Mourão pregava o diálogo entre os Poderes, Bolsonaro minimizou as palavras divulgadas ontem. Ao contrário do que mostrou a carta, hoje o presidente disse não ter cometido erros e que o 7 de setembro “não foi em vão”. 

Em outro momento, o chefe do Executivo justificou o aceno de paz ao apontar que “falar para cima” faz o dólar disparar e pressiona o preço dos combustíveis. A resposta veio no tradicional “cercadinho do Alvorada”, após parte da base aliada do governo ficar desconfortável com o tom de recuo do documento orquestrado com a ajuda de Michel Temer.

Como lá fora as bolsas cederam com o peso das preocupações do ritmo de recuperação econômica diante da variante delta, o Ibovespa abandonou o campo positivo para renovar mínimas ao longo de todo o dia, até fechar no nível mais baixo do pregão, em queda de 0,93%, aos 114.285 pontos. Nem mesmo a elevação das vendas no varejo acima do esperado serviu de bálsamo.

O dólar à vista também foi pressionado, fechando próximo da máxima, em alta de 0,78%, a R$ 5,2671. Os juros futuros tiveram mais resistência aos novos ruídos, mas também seguiram o mesmo roteiro e acabaram voltando a apresentar alta.

Confira os destaques do noticiário corporativo desta sexta-feira:

  • UBS vê potencial para que as ações da Raízen se valorizem 50%;
  • O Bank of America estima que as units do Banco Inter, que já subiram 240% em 12 meses, podem subir ainda mais;
  • A CSN comprou ativos da Holeim no Brasil por mais de R$ 1 bilhão.

Veja tudo o que movimentou os mercados nesta sexta-feira, incluindo os principais destaques do noticiário corporativo e as ações com o melhor e o pior desempenho na semana.

TOMOU A PÍLULA VERMELHA
Ações da Nasdaq ‘entram na Matrix’ e serão negociadas como criptomoedas; entenda
A Nasdaq vai “clonar” seus papéis para serem representados por tokens em uma “bolsa de criptomoedas”.

UNINDO O ÚTIL AO AGRADÁVEL
Aceita bitcoin? Mastercard adquire empresa focada em segurança e negociação de criptomoedas
A Cipher é responsável por diversos sistemas integrados que formam uma “rede de compliance” descentralizada.

TOKEN FAN
Flamengo entra no mundo das criptomoedas e acerta parceria para lançar fan token; Corinthians, PSG e outros também entram na onda
Acordo ainda precisa ser aprovado pelo Conselho Deliberativo do clube.

NOVAS CONDIÇÕES DE MERCADO
Com fim de monopólio do refino, Petrobras flexibiliza contratos com distribuidoras
Apesar das alterações contratuais, não há mudança na política de preços da companhia.

PAGO QUANDO PUDER...
De olho na meta fiscal, vice da Câmara propõe tirar precatórios do teto de gastos
Novas alternativas se somam à PEC do governo que parcela o pagamento de precatórios em até 10 anos, mas que acabou esvaziada pelo próprio ministro da Economia.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

ainda não acabou

Controladores da Alliar (AALR3) contratam XP para vender o negócio, diz jornal

Empresa de diagnósticos foi alvo, recentemente, de disputa pelo controle pela Rede D’Or e fundos ligados ao empresário Nelson Tanure

Mais recursos

Democratas aprovam pacote de US$ 3,5 tri no Comitê de Orçamento da Câmara dos EUA

Recursos serão destinados à rede de segurança social e programas relacionados a mudanças climáticas. Obtenção de quase unanimidade para aprovação no Congresso é desafio

Clube do livro

“Era para termos entrado no Primeiro Mundo há 30 anos”, escreve Gustavo Franco em seu novo livro “Lições Amargas”; leia a resenha completa

O ex-presidente do Banco Central tece críticas ao Brasil e sua estagnação prolongada e apresenta uma “história provisória da atualidade”

ESPECIAL DE ANIVERSÁRIO

Onde investir para os próximos 3 anos: 3 indicações para chegar, com consistência, ao primeiro milhão

E não se esqueça: é essencial começar o quanto antes, fazer aportes constantes e diversificar os investimentos

IPO adiado

Bluefit: nem desconto de 20% garante estreia da rede de academias na bolsa

Inicialmente estimado em R$ 600 milhões, IPO da rede de academias de baixo custo agora deverá ter o valor reduzido e envolver apenas investidores institucionais, como fundos e fundações

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies