Menu
Julia Wiltgen
O melhor do Seu Dinheiro
Julia Wiltgen
2021-05-27T19:14:08-03:00
O MELHOR DO SEU DINHEIRO

5 notícias que mostram que bitcoin não é mais assunto só de nerd

27 de maio de 2021
19:14
bitcoin
Imagem: Shutterstock

Quando eu escrevi a minha primeira matéria sobre bitcoin, em 2013, a criptomoeda, criada em 2007/2008, ainda era assunto de nerds aficionados por tecnologia.

Poucos ainda eram os grandes veículos de comunicação que falavam sobre moedas digitais, ainda mais sob a ótica do investimento, como foi o caso do site da Exame, onde eu trabalhava na época. O tema pertencia muito mais às editorias e publicações especializadas em tecnologia do que às páginas de finanças e economia.

Depois de alguns anos, o bitcoin começou a ser encarado como um ativo, e mais e mais pessoas começaram a se interessar pela moeda virtual como veículo para ganhar dinheiro no mundo real.

Mesmo assim, as fortes oscilações do criptoativo, na maior parte do tempo, pareciam não ter muita explicação, ou costumavam ser ligadas a questões referentes à própria tecnologia.

Até bem pouco tempo atrás, a flutuação dos preços do bitcoin parecia um tanto descolada da economia real e do desempenho de outras classes de ativos. Isso é até visto como uma vantagem, pois é interessante, para uma boa diversificação, ter na carteira um ativo com pouca ou nenhuma correlação com o restante do mercado financeiro.

Mais recentemente, porém, o bitcoin e os criptoativos em geral deixaram de ser assunto de nicho para entrar nas rodas de conversa de todo mundo que tem algum dinheiro guardado.

Já os sobes e desces dos preços passaram a guardar muito mais relação com uma série de acontecimentos que têm implicações não só para o universo das criptomoedas, como para a economia e o mercado em geral.

Não estou falando dos tuítes do Elon Musk, mas sim do interesse de grandes investidores por este mercado (incluindo a própria Tesla), as tentativas de banimento ou regulamentação por parte de governos, o interesse de bancos centrais e empresas em desenvolver suas próprias moedas digitais com base na tecnologia da blockchain, grandes crises, estímulos monetários e fiscais, consumo de energia e impacto ambiental, e por aí vai.

Precificar o bitcoin ainda não é tarefa muito fácil, mas já deu para perceber que sua importância não está mais restrita ao mundo virtual. Duas reportagens que publicamos hoje dão uma boa noção das implicações um tanto reais da moeda digital.

Nesta matéria, o Renan Sousa fala sobre quatro notícias que podem dar um novo gás ao preço do bitcoin, que vem se recuperando de um forte tombo recente - nenhuma delas tem a ver com a dinâmica do criptomercado ou a tecnologia do bitcoin. Estamos falando de fatos envolvendo grandes empresas, como Apple e BlackRock, regulamentação e política fiscal americana.

Nesta outra matéria, o Renan e o Victor Aguiar falam de uma empresa que está ganhando uma boa grana com bitcoin, e não porque investiu parte do seu caixa na criptomoeda, como algumas companhias fizeram.

Estou falando da fabricante de chips e placas de vídeo Nvidia, que tem entre seus clientes mineradores de criptomoedas. Afinal, os equipamentos utilizados para criar os bitcoins são bem reais e custam caro! Alguém precisa fornecê-los, certo? Recomendo muito a leitura!

UM CONVITE: Na reta final para a entrega da declaração de IR 2021, o Seu Dinheiro vai fazer a última live tira-dúvidas sobre imposto de renda nesta sexta-feira, 28 de maio, ao meio-dia. Responderemos às perguntas dos assinantes do Guia Definitivo do Imposto de Renda 2021, mas a transmissão será aberta para todos, lá no nosso canal do YouTube! Não perca!

MERCADOS

 A volta das aguardadas reformas administrativa e tributária às discussões políticas enviou ao mercado sinais de que o cenário fiscal brasileiro pode finalmente começar a melhorar. O Ibovespa reagiu com uma leve alta de 0,3% e continuou no patamar dos 124 mil pontos. Já a resposta do dólar foi uma queda de 1,09%. Veja o que mais influenciou o dia.

 Com fome de novos hospitais e aquisições, a Rede D’Or movimentou R$ 4,9 bilhões em uma nova oferta de ações. O Renato Carvalho te conta os detalhes da operação, que acontece menos de seis meses após o IPO da empresa.

EMPRESAS

 Quem também está atrás de recursos é a PetroRio. A empresa anunciou hoje que uma de suas controladas indiretas fará uma emissão de títulos de dívida de até US$ 500 milhões no mercado internacional. Saiba mais.

 A saída de José Olympio Pereira da presidência do Credit Suisse Brasil jogou gasolina nos rumores de que a filial estaria sendo vendida pelo banco suíço. Para abafar o incêndio, o CEO Global da companhia aproveitou uma visita ao Brasil para negar qualquer tipo de negociação.

ECONOMIA

 O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou hoje que a reforma tributária só não saiu no ano passado por causa dos governadores. Já o ex-relator da proposta  declarou que o ministro não quer reformar, mas sim aumentar impostos com a volta da CPMF.

OPINIÃO

 Apesar de rechaçar o day trade, Rodolfo Amstalden, sócio fundador da Empiricus, indica que posicionamentos de curto prazo podem complementar estratégias mais longínquas. Na sua coluna de hoje, ele dá cinco dicas para o investidor extrair o máximo dessa combinação.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Renda variável

Na batalha das corretoras, Rico vai zerar taxa em operações com opções

A medida busca tornar a corretora mais competitiva e reforçar a atuação do grupo no ramo da renda variável

Concursos públicos

De olho nos concurseiros, Yduqs anuncia aquisição da plataforma de EaD Qconcursos

Plataforma de cursos preparatórios para concursos públicos tem 412 mil alunos pagantes e mira mercado potencial de 17 milhões de pessoas; valor da operação não foi divulgado

Mostrando as garras

Dirigente do Fed fala em alta de juros em 2022 e admite postura mais agressiva contra inflação

Em entrevista à CNBC, Bullard disse que o Comitê Federal de Mercado Aberto (FOMC, na sigla em inglês) adotou uma posição mais dura no encontro deste mês

Entrando no pet shop

O plano da BRF: colocar comida na sua mesa e ração no potinho do seu pet

A BRF comprou o grupo Hercosul, produtor e distribuidor de ração para cães e gatos, entrando no mercado pet. Entenda o racional da operação

Tela Azul

As fintechs continuarão ameaçando bancos tradicionais? Até certo ponto sim, dizem gestores da Opportunity

No episódio #36 do Tela Azul, podcast da Empiricus, Bruno Waga e Vinicius Ferreira, da gestora de recursos Opportunity conversaram com os analistas da Empiricus sobre os rumos que o setor financeiro vem tomando. Além disso, eles dão suas opiniões sobre as Big Techs no programa.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies