2021-09-24T07:45:16-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo
De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: cautela com possível calote de Evergrande pesa nas bolsas; inflação medida pelo IPCA-15 fica no radar

Os principais índices mundiais seguem pressionados pela imobiliária chinesa e cautela predomina antes da fala de Jerome Powell em evento

24 de setembro de 2021
7:38 - atualizado às 7:45
Dívida de US$ 300 bilhões da Evergrande deve deixar bancos na mão - Imagem: shutterstock

O bom humor do pregão da última quinta-feira (23) animou os negócios por aqui, o que fez o principal índice da bolsa brasileira recuperar os 114 mil pontos. No cardápio desta sexta-feira (24), o IPCA-15 de setembro já deve sentir os impactos do aumento na conta de luz e, no pior cenário das projeções, ultrapassar os 10% nos últimos 12 meses.

Evergrande, a incorporadora chinesa, segue no radar do exterior. Os bancos para quem a gigante do setor imobiliário deve já afirmaram que conseguem segurar um possível calote, mas ainda se sentem "no escuro", em busca de maiores informações.

Outra notícia que também movimenta o exterior é o discurso de Jerome Powell, presidente do Federal Reserve, antes de um evento. Powell já movimentou os mercados na última quarta-feira (22), com o anúncio do tapering adiado, o que refletiu nas bolsas pelo mundo. Saiba o que esperar do pregão de hoje:

IPCA-15 e acordos no Congresso

A Comissão especial da Câmara aprovou o texto do relator Arthur Maia (DEM-BA) sobre a reforma administrativa no final da última quinta-feira (22). Ainda faltam 21 destaques, partes da proposta que podem ser alteradas, para serem apreciados pelos deputados. 

Entre outras medidas, a proposta prevê a possibilidade de parceria privada para execução de serviços públicos, aposentadoria integral para policiais e contratos temporários com até 10 anos de duração. Os destaques da proposta você confere aqui.

Enquanto isso, o acordo para a nova proposta de pagamento dos precatórios vai exigir a montagem de uma grande mesa de negociação de ativos da União em troca da quitação de cerca de R$ 50 bilhões.

Essa é a soma das dívidas definidas pela Justiça que ficarão fora do teto de gastos, regra que limita o avanço das despesas à inflação, e não serão pagos à vista, mas poderão ter a quitação acelerada mediante acerto entre as partes.

Para hoje, o investidor deve seguir de olho na divulgação do IPCA-15, uma prévia da inflação oficial para setembro. O índice deve avançar 1,03% no mês, na mediana das expectativas de especialistas ouvidos pelo Broadcast. Na base anual, o avanço deve ser de 9,93% também na mediana das projeções.

Evergrande: uma história que não acaba

A incorporadora chinesa Evergrande não saiu do noticiário esta semana, após ameaças de um calote da dívida de US$ 300 bilhões. A gigante do setor imobiliário chinês fez um acordo para pagar os juros da dívida na última quarta-feira (22), mas os credores se dizem “no escuro” sobre os pagamentos que venceriam nesta quinta-feira (23)

O Banco do Povo da China (PBoC) tem limitado as informações sobre os desdobramentos de Evergrande. Já os bancos credores da segunda maior imobiliária do mundo se preparam e dizem que são capazes de absorver um possível calote. 

Até o final da noite da última quinta-feira, a companhia tinha que pagar US$ 83,5 milhões em juros sobre títulos no valor de US$ 2,03 bilhões, de acordo com o Dow Jones Newswires. Entretanto, os investidores globais ainda não receberam este montante.

Os investidores devem acompanhar os desdobramentos desse possível calote, que deve colocar ainda mais pressão sobre o sistema financeiro chinês. No radar do dia, ficam as falas do presidente do Fed, Jerome Powell, em evento no final da manhã. 

Na última reunião, o Federal Reserve já pretende iniciar o tapering, a retirada de estímulos da economia norte-americana, ainda em novembro, quando ocorre a próxima reunião do Fomc, o Copom americano. Dessa forma, o BC dos EUA continua a injetar dinheiro na economia, enquanto os juros e a inflação sobem.

Bolsas pelo mundo

Os índices asiáticos encerraram o pregão majoritariamente em baixa nesta sexta-feira. A endividada gigante do setor imobiliário chinês Evergrande segue pesando nas negociações, mesmo após alguns acordos de pagamentos de juros da dívida. 

O caso de Evergrande também pressiona os índices da Europa, que operam em baixa após três sessões de ganhos. A cautela prevalece também antes do discurso de Jerome Powell, em evento.

Por fim, os futuros de Nova York operam em baixa, após dois pregões de ganhos e de olho nas falas do presidente do Federal Reserve.

Agenda do dia

  • IBGE: IPCA-15 de setembro (9h)
  • Banco Central: Conta corrente do setor externo em agosto e investimentos diretos no país (9h30)
  • Estados Unidos: Vendas de moradias novas em agosto (11h)
  • Estados Unidos: Presidente do Fed, Jerome Powell, discursa antes de evento Fed Listens (11h)
  • Aneel anuncia bandeira tarifária para famílias atendidas pelo programa Tarifa Social. Os demais consumidores seguem com a bandeira 'Escassez Hídrica' até abril
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

TURISMO DO FUTURO

Embraer (EMBR3) fecha mais uma parceria e vai levar seu ‘carro voador’ para a Grande Barreira de Corais, na Austrália

Em conjunto com a Nautilus Aviation, a empresa irá operar em algumas das atrações turísticas mais icônicas de do estado de Queensland

DOR NO BOLSO

IPVA 2022 encarecerá 30%, em média, em São Paulo; descubra quanto você vai pagar de imposto

E a notícia doí ainda mais no bolso porque a data de pagamento do IPVA está bem próxima: quem quiser desconto tem de quitar a soma já no próximo mês

Bitcoin (BTC) hoje

Bitcoin e ethereum despencam hoje, e principal criptomoeda do mundo se afunda ainda mais no ‘bear market’

Após uma semana que terminou com ganhos, as duas maiores moedas digitais do mercado sofreram na virada de sexta-feira para sábado

Trabalhadores em falta

Como a falta de bebês na China pode provocar uma crise financeira global

A população da China vem recuando desde 2010, e, com as taxas de natalidade nos menores níveis em 80 anos, o cenário ameaça todo o planeta

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

IPO do Nubank, como driblar os impostos e onde investir o 13º salário: confira os destaques da semana

Nada é pior para um ansioso do que a incerteza. E o mercado, ultimamente, vem sendo marcado por uma forte onda de incertezas, vindas de todos os lados. Os preços dos ativos respondem a isso com volatilidade, e não há muito o que fazer a não ser manter a calma, focar nos fundamentos e aguardar […]