Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-01-05T15:05:17-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
escalada de tensões

Bombardeio ordenado por Trump mata principal general iraniano; preço do petróleo sobe

Um dos homens mais poderosos do Irã, o general Qassem Soleimani morreu em um ataque aéreo dos Estados Unidos

3 de janeiro de 2020
7:00 - atualizado às 15:05
Qassem Soleimani
Qassem Soleimani, general iraniano morto em ataque dos Estados Unidos. - Imagem: ABC News (Australia)/ Reproducao / youtube

Um dos homens mais poderosos do Irã, o general Qassem Soleimani morreu em um ataque aéreo dos Estados Unidos nesta quinta-feira (2), em Bagdá. O Pentágono confirmou que a ordem partiu do presidente Donald Trump.

Em reação, os preços do petróleo tipo Brent subiam cerca de 4%, por volta das 6h (horário de Brasília). As bolsas na Europa operavam em queda, enquanto os futuros de Nova York recuavam mais de 1%.

O assassinato de Soleimani marca uma escalada dramática nas tensões entre Irã, os Estados Unidos e seus aliados - em especial Israel e Arábia Saudita.

O principal comandante da milícia iraquiana Abu Mahdi al-Muhandis, conselheiro de Soleimani, também foi morto no ataque. O Irã prometeu retaliação.

O país tem travado um longo conflito com os Estados Unidos. Na semana passada, milicianos do País atacaram uma embaixada dos EUA no Iraque em reação a um outro ataque aéreo dos EUA à milícia Kataib Hezbollah, fundada por Muhandis.

"Este ataque teve como objetivo impedir futuros planos de ataque iranianos", disse o Pentágono.

Grupos paramilitares iraquianos disseram que três foguetes pousaram perto do terminal de carga do aeroporto de Bagdá, atingindo dois veículos e matando cinco paramilitares iraquianos e outras duas pessoas. As imagens mostravam destroços em chamas em uma estrada do aeroporto.

Em comunicado divulgado pela televisão estatal, o líder supremo do Irã, aiatolá Ali Khamenei, pediu três dias de luto nacional.

Soleimani, que liderou a Força Quds, o braço estrangeiro da Guarda Revolucionária e teve um papel fundamental nos combates na Síria e no Iraque, adquiriu status de celebridade no País e no exterior.

A presidente da Câmara dos Deputados dos EUA, Nancy Pelosi disse que o ataque foi realizado sem consulta ao Congresso e sem autorização para o uso de força militar contra o Irã. Trump apenas postou uma foto da bandeira dos EUA no Twitter.

Saudi Aramco

Em setembro, as autoridades americanas culparam o Irã por um ataque de mísseis e drones às instalações de petróleo da Saudi Aramco, a maior exportadora de petróleo do mundo.

*Com informações da Reuters

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

DINHEIRO NO BOLSO

Presidente da Petrobras (PETR4) garante que estatal vai entregar dividendos prometidos aos acionistas

Silva e Luna reforçou que a empresa é acompanhada por vários órgãos, e que sua equipe tem total conforto e liberdade para gerenciar

Efeito Ômicron

Com nova variante no radar, Jerome Powell abandona discurso de inflação transitória e apavora mercados; entenda

O presidente do Fed confirmou que o banco central dos EUA deve agir para impedir que a alta dos preços se torne algo estrutural no país

Problemas no login

Em dia de pagamento do 13º salário, aplicativo do Bradesco (BBDC4) apresenta falhas e dificulta a vida dos usuários

O banco foi parar no topo dos assuntos mais comentados do Twitter na manhã de hoje usuários relatando falhas no aplicativo

DESFIBRILANDO VALOR

Aporte de R$ 1 bilhão destrava valor na Ânima; ação dispara até 20% na B3 e XP recomenda compra

Para analistas, aporte bilionário condicionado a reorganização societária deve destravar valor e diminuir alavancagem da instituição de ensino

Radiocash

Selic em alta mais bolsa em baixa é igual à fuga para a renda fixa? Para presidente da Anbima, diversificação veio para ficar

As alocações em renda variável podem até diminuir, mas Carlos Ambrósio não acredita que voltaremos para a realidade de ‘poupança, renda fixa e nada mais’

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies