Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-10-02T17:13:56-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
de olho na demanda

Tesla, de Elon Musk, bate recorde, mas incerteza ainda ronda empresa

Ações da montadora caem mais de 7% no pregão desta sexta-feira, mas acumulam alta de mais de 400% desde janeiro; mercado está atento a relação entre oferta e demanda

2 de outubro de 2020
17:12 - atualizado às 17:13
Modelo S da Tesla, fabricante de automóveis elétricos do bilionário Elon Musk
Imagem: Shutterstock

As ações da Tesla caem de maneira forte nesta sexta-feira (2), mesmo após a empresa entregar um número recorde de veículos no terceiro trimestre. Por volta das 17h30 (horário de Brasília) a baixa dos papéis da montadora era de 7,38%

A empresa comandada pelo excêntrico bilionário Elon Musk informou que entregou 139,3 mil veículos no terceiro trimestre - enquanto analistas do mercado esperavam 137 mil.

Os números do terceiro trimestre superam em 24% o recorde anterior, de dezembro passado. Segundo a Tesla, foram 124,1 mil carros do Modelo 3 e do Modelo Y, em uma alta anual de 56%, além de 15,2 mil do Modelo S e Modelo X.

Os bons resultados não são capazes de sustentar mais uma alta das ações da empresa de Elon Musk. Em primeiro lugar, é preciso lembrar que os papéis da montadora já subiram 417% desde janeiro. Em segundo, preocupa os investidores a demanda pelos veículos.

A empresa tem uma fábrica na Califórnia, nos Estados Unidos, e outra em Xangai, na China. Mas as vendas no país asiático permanecem estáveis ​​durante todo o ano e caem na Europa.

Desde a abertura da fábrica na China, a capacidade anual total da Tesla é de 690 mil. No entanto, analistas dizem que a companhia venderá menos que 500 mil neste ano.

Para atingir a marca de meio milhão, que Elon Musk colocou como meta, a Tesla precisa entregar mais 180 mil veículos no quarto trimestre.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Fartura nos resultados

Trimestre apetitoso! McDonald’s supera expectativas do mercado e registra lucro de US$ 2,22 bilhões

Com ajustes, o lucro por ação somou US$ 2,37 e ficou acima da previsão de analistas consultados pela FactSet, de US$ 2,11

O melhor do seu dinheiro

Entrevista exclusiva com a Ânima, o fim de uma era no Santander e mais destaques desta quarta-feira

A pandemia da covid-19 acertou em cheio as empresas de educação privada na bolsa. Em meio à crise, muitos alunos que trabalhavam para pagar as mensalidades acabaram perdendo o emprego. O resultado no balanço das companhias foi o aumento na inadimplência e a queda no número de estudantes nos cursos de graduação. Mas como costuma […]

Lucro forte

Na Olimpíada dos balanços, a WEG foi ao pódio mais uma vez no segundo trimestre

A WEG novamente mostrou forte crescimento na receita líquida, Ebitda e lucro, auxiliada pela demanda forte no exterior e no Brasil

Balanço trimestral

Lucro da Pfizer atinge R$ 5,563 bi turbinado por venda de vacinas

O resultado é 59% maior do que o ganho de US$ 3,489 bilhões registrado em igual período do ano passado

Mudança nas regras

BC altera regulamentação sobre prevenção à lavagem de dinheiro no Brasil

As instituições financeiras precisarão obter informações sobre o local da residência das pessoas naturais ou da sede das empresas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies