Menu
2020-12-17T17:23:57-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
apetite estrangeiro

Leilão da Aneel tem deságio de 55% e garante R$ 7,3 bilhões em investimentos

Vencedores deverão construir, operar e dar manutenção à infraestrutura de transmissão de energia elétrica nos 30 anos de concessão

17 de dezembro de 2020
17:22 - atualizado às 17:23
energia elétrica
Imagem: Shutterstock

Com deságio médio de 55,24%, sete proponentes arremataram os 11 lotes de linhas de transmissão de energia elétrica leiloados pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) nesta quinta-feira (17), em sessão conduzida pela B3.

Os vencedores deverão construir, operar e dar manutenção à infraestrutura de transmissão de energia elétrica nos 30 anos de concessão. O certame contou com a participação de 55 empresas, 18 estrangeiras de dez países.

Com previsão de instalação de 1.959 quilômetros de linhas de transmissão, ao todo, são estimados investimentos em torno de R$ 7,34 bilhões e geração de cerca de 15 mil empregos diretos.

As linhas estão localizadas nos estados do Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e São Paulo.

Para o diretor-geral da Aneel, André Pepitone, o resultado do leilão confirma o "grande interesse" da iniciativa privada em investir nas oportunidades do setor elétrico. "O setor se consolida na rota dos investidores nacionais e internacionais”, disse.

Resultado

  • Lote 1- O proponente Consórcio Agronegócio Alta Luz Brasil, representado pela corretora Renascença, ofertou proposta de R$ 21.381.227,00 pela concessão das instalações no estado de Goiás, representando deságio de 61,80% sobre o valor máximo de receita anual permitida definida no Edital.
  • Lote 2- O proponente Neoenergia, representado pela corretora Terra, ofertou proposta de R$ 159.693.000,00 pela concessão das instalações nos estados da Bahia e Espírito Santo, um deságio de 42,60%.
  • Lote 3- O proponente Consórcio Saint Nicholas I, representado pela corretora Elite, ofertou proposta de R$ 20.372.701,80 pela concessão das instalações no estado de São Paulo, representando deságio de 70,35%.
  • Lotes 4 e 5- O proponente Consórcio Saint Nicholas I, representado pela corretora Elite, ofertou proposta de R$ 52.981.762,05 pela concessão das instalações no estado do Rio Grande do Sul, o que representa um deságio de 57,35%.
  • Lote 6- O proponente Companhia Estadual de Geração e Transmissão de Energia Elétrica (CEEE-GT), representado pela corretora Mundinvest, ofertou proposta de R$ 9.234.372,00 pela concessão das instalações no estado do Rio Grande do Sul, representando deságio de 63,50%.
  • Lote 7- O proponente Companhia de Transmissão de Energia Elétrica Paulista (CTEEP), representado pela corretora Genial, ofertou proposta de R$ 68.050.000,00 pela concessão das instalações no estado de São Paulo, um deságio de 57,94%.
  • Lote 8- O proponente Consórcio Saint Nicholas II, representado pela corretora Elite, ofertou proposta de R$ 42.500.000,00 pela concessão das instalações no estado de São Paulo, representando deságio de 67,18%.
  • Lote 9- O proponente Consórcio Saint Nicholas I, representado pela corretora Elite, ofertou proposta de R$ 5.235.353,53 pela concessão das instalações no estado do Mato Grosso do Sul, o que representa um deságio de 60,22%.
  • Lote 10- O proponente Consórcio BRE 6, representado pela corretora H.Commcor, ofertou proposta de R$ 15.100.000,00 pela concessão das instalações no estado do Rio Grande do Sul, representando deságio de 66,93%.
  • Lote 11- O proponente Energisa, representado pela corretora Bradesco, ofertou proposta de R$ 63.000.000,00 pela concessão das instalações no estado do Rio Grande do Sul, representando deságio de 47,37%.
Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Agora vai?

MP da Eletrobras: relator mantém ‘jabutis’ e condiciona venda à compra de energia

No texto, Nascimento manteve a possibilidade de renovação antecipada da usina de Tucuruí, um dos maiores ativos da Eletronorte, e incluiu também a prorrogação da concessão da Hidrelétrica Mascarenhas de Moraes para Furnas.

Cresce a fila

CBA, da Votorantim, registra pedido de IPO na CVM

A empresa, que afirma ser a única companhia integrada de alumínio do Brasil, pretende financiar seu crescimento orgânico e inorgânico com os recursos levantados na oferta

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

O quebra-cabeças do mercado e outros destaques

Recentemente, eu fui presenteado com um quebra-cabeças de duas mil peças. “Ah, isso vai ser moleza; é só montar as bordas e depois ir preenchendo aos poucos”, pensei eu. Nem preciso dizer que eu estava redondamente enganado: a mesa da cozinha está tomada por pequenas partes de uma paisagem bucólica. De vez em quando eu […]

FECHAMENTO

Ibovespa tem mais um dia de ‘mais do mesmo’ e fecha em leve alta, contrariando NY

Setores pesos-pesados seguraram o índice no azul. O movimento garantiu uma leve alta de 0,03%, mais uma vez deixando o índice na trave dos 123 mil pontos

Vem oferta por aí

Rede D’Or confirma a avaliação para a realização de um follow on

O anúncio foi feito após o jornal Valor Econômico revelar que a companhia prepara uma oferta de ações que pode chegar a R$ 5 bilhões

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies