Menu
2020-12-17T17:23:57-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
apetite estrangeiro

Leilão da Aneel tem deságio de 55% e garante R$ 7,3 bilhões em investimentos

Vencedores deverão construir, operar e dar manutenção à infraestrutura de transmissão de energia elétrica nos 30 anos de concessão

17 de dezembro de 2020
17:22 - atualizado às 17:23
energia elétrica
Imagem: Shutterstock

Com deságio médio de 55,24%, sete proponentes arremataram os 11 lotes de linhas de transmissão de energia elétrica leiloados pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) nesta quinta-feira (17), em sessão conduzida pela B3.

Os vencedores deverão construir, operar e dar manutenção à infraestrutura de transmissão de energia elétrica nos 30 anos de concessão. O certame contou com a participação de 55 empresas, 18 estrangeiras de dez países.

Com previsão de instalação de 1.959 quilômetros de linhas de transmissão, ao todo, são estimados investimentos em torno de R$ 7,34 bilhões e geração de cerca de 15 mil empregos diretos.

As linhas estão localizadas nos estados do Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e São Paulo.

Para o diretor-geral da Aneel, André Pepitone, o resultado do leilão confirma o "grande interesse" da iniciativa privada em investir nas oportunidades do setor elétrico. "O setor se consolida na rota dos investidores nacionais e internacionais”, disse.

Resultado

  • Lote 1- O proponente Consórcio Agronegócio Alta Luz Brasil, representado pela corretora Renascença, ofertou proposta de R$ 21.381.227,00 pela concessão das instalações no estado de Goiás, representando deságio de 61,80% sobre o valor máximo de receita anual permitida definida no Edital.
  • Lote 2- O proponente Neoenergia, representado pela corretora Terra, ofertou proposta de R$ 159.693.000,00 pela concessão das instalações nos estados da Bahia e Espírito Santo, um deságio de 42,60%.
  • Lote 3- O proponente Consórcio Saint Nicholas I, representado pela corretora Elite, ofertou proposta de R$ 20.372.701,80 pela concessão das instalações no estado de São Paulo, representando deságio de 70,35%.
  • Lotes 4 e 5- O proponente Consórcio Saint Nicholas I, representado pela corretora Elite, ofertou proposta de R$ 52.981.762,05 pela concessão das instalações no estado do Rio Grande do Sul, o que representa um deságio de 57,35%.
  • Lote 6- O proponente Companhia Estadual de Geração e Transmissão de Energia Elétrica (CEEE-GT), representado pela corretora Mundinvest, ofertou proposta de R$ 9.234.372,00 pela concessão das instalações no estado do Rio Grande do Sul, representando deságio de 63,50%.
  • Lote 7- O proponente Companhia de Transmissão de Energia Elétrica Paulista (CTEEP), representado pela corretora Genial, ofertou proposta de R$ 68.050.000,00 pela concessão das instalações no estado de São Paulo, um deságio de 57,94%.
  • Lote 8- O proponente Consórcio Saint Nicholas II, representado pela corretora Elite, ofertou proposta de R$ 42.500.000,00 pela concessão das instalações no estado de São Paulo, representando deságio de 67,18%.
  • Lote 9- O proponente Consórcio Saint Nicholas I, representado pela corretora Elite, ofertou proposta de R$ 5.235.353,53 pela concessão das instalações no estado do Mato Grosso do Sul, o que representa um deságio de 60,22%.
  • Lote 10- O proponente Consórcio BRE 6, representado pela corretora H.Commcor, ofertou proposta de R$ 15.100.000,00 pela concessão das instalações no estado do Rio Grande do Sul, representando deságio de 66,93%.
  • Lote 11- O proponente Energisa, representado pela corretora Bradesco, ofertou proposta de R$ 63.000.000,00 pela concessão das instalações no estado do Rio Grande do Sul, representando deságio de 47,37%.
Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Prepare o bolso

ANP: preço médio do etanol sobe em 12 Estados na semana

A cotação do biocombustível caiu em outros 13 Estados e no Distrito Federal, enquanto no Amapá não houve apuração.

BTG Pactual e Credit Suisse veem potencial gigante de crescimento para a Rede D’Or — e recomendam os papéis

BTG Pactual e Credit Suisse começaram a cobertura dos papéis da companhia com recomendação de compra (e bons prognósticos para o futuro)

Crise

Vendas no varejo caíram 13,9% em 2020, segundo ICVA; resultado é o pior da série histórica

Em termos nominais, que espelham a receita de vendas observadas pelo varejista, o índice teve uma queda de 10,4%.

imbróglio resolvido

OSX, de Eike Batista, fecha acordo com acionista e ações sobem

Acerto permite convocação de assembleia para eleger nova administração para companhia de logística portuária

Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta segunda-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies