Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-09-08T18:07:24-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
expansão pelo país

Hapvida anuncia pacote bilionário de aquisições e ações sobem forte

As aquisições buscam fortalecer a presença da Hapvida em Minas Gerais, Goiás e São Paulo.

8 de setembro de 2020
11:10 - atualizado às 18:07
médico/hapvida
Imagem: Shutterstock

A operadora de saúde Hapvida (HAPV3), com uma forte presença no Norte e Nordeste, segue com o seu plano de expansão para outras regiões do país e foi mais uma vez às compras. Dessa vez, a companhia anunciou um pacote bilionário envolvendo três transações e que tem o objetivo de reforçar a presença da empresa nas regiões Sudeste e Centro-Oeste.

A maior delas é a compra do Grupo Promed, através de sua subsidiária Ultra Som Serviços Médicos S.A, em uma transação de R$ 1,5 bilhão. Os outros dois acordos firmados envolvem o arrendamento de um hospital em São Paulo - com investimentos de R$ 11 milhões - e a aquisição da carteira da Samedh, em Goiás, por R$ 20 milhões. Segundo a companhia, as três operações serão inteiramente financiadas com recursos próprios disponíveis em caixa.

O anúncio das aquisições foi bem recebido pelo mercado. As ações da Hapvida chegaram a liderar as altas do dia no Ibovespa. As ações da companhia fecharam em alta de cerca de 1,40%, cotadas aos R$ 67,34. Os papéis da operadora de saúde acumulam uma alta de 5,6% no ano.

O pagamento de R$ 1,5 bilhão será feito após a da dedução da dívida líquida do Grupo Promed - atualmente em cerca de R$ 500 milhões. Do valor restante, R$ 500 milhões serão pagos em dinheiro e o remanescente em ações da Hapvida a serem emitidas a R$ 60,06 por ação.

Com forte atuação na região metropolitana de Belo Horizonte, o Grupo Promed possui uma carteira total de cerca de 270 mil beneficiários de planos de saúde. A transação também inclui a aquisição de 3 hospitais, dentre eles o tradicional Hospital Vera Cruz, que acabou de passar por reformas para modernização e revitalização da estrutura.

A Hapvida já atua no estado de Minas Gerais, por meio da RN Metropolitan e do Grupo São Francisco, totalizando uma carteira com cerca de 70 mil beneficiários em planos de saúde. A companhia pretende fortalecer ainda mais a sua presença na região e tem planos de construir um novo hospital na cidade de Uberlândia e novas clínicas e prontos atendimentos.

Segundo a Hapvida, o Grupo Promed teve uma receita líquida combinada de R$ 600 milhões nos últimos 12 meses (base junho/20), com sinistralidade de 84%.

Consolidando presença

Em São Paulo, a Hapvida firmou um contrato de arrendamento do Hospital Materno Infantil Sinhá Junqueira, em Ribeirão Preto. Tradicional na região e referência em pediatria e obstetrícia, o hospital receberá investimentos de mais de R$ 11 milhões nos próximos anos, para modernização e ampliação de capacidade.

A Hapvida também possui outros planos de expansão para a região. Recentemente, a empresa concluiu a compra do Grupo São José, no Vale do Paraíba, e deve assumir as operações da Medical, em Limeira. Para o primeiro semestre de 2021 estão previstos três novos hospitais em Barretos, Bauru e São Carlos.

No Centro-Oeste, a Hapvida firmou um protocolo de entendimento para aquisição da carteira de beneficiários da Samedh. Segundo fato relevante divulgado nesta terça-feira (08), o preço da aquisição foi inicialmente fixado em R$ 20 milhões, mas o valor pode ser alterado com base no recebimento médio da carteira na data da conclusão da transação.

Atualmente, a Samedh possui uma carteira com 18 mil beneficiários na região de Goiânia. A Hapvida já atua na região centro-oeste do país, com cerca de 220 mil beneficiários do Grupo América. Para 2021, a operadora de saúde prevê um novo hospital em Dourados (Mato Grosso do Sul), um novo pronto atendimento, uma clínica e duas unidades de diagnóstico.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Fechamento do dia

Ibovespa fecha o dia longe das mínimas, mas com queda de mais de 2%; cabo de guerra entre ala política e Economia também fere dólar e juros

A leitura do texto da PEC dos precatórios trouxe algum alívio para o Ibovespa, mas baixas na equipe econômica e alteração nas regras do teto de gastos incomodam

Debandada no Ministério

Três membros da equipe econômica pedem demissão após Guedes lavar as mãos para furo no teto de gastos

Segundo o Ministério da Economia, os funcionários alegaram motivos pessoais, mas o timing das saídas aponta que a insatisfação com a postura do ministro pode ser o real motivo por trás da debandada

Presente de grego

Bolsonaro está dando presente para os mais pobres com o Auxílio Brasil? Para o relator do benefício na Câmara, ele está apenas emprestando até ganhar a eleição

O deputado Marcelo Aro diz que a solução encontrada pelo presidente é claramente eleitoreira e pode prejudicar os beneficiários após o fim das eleições

INVESTIR EM CANNABIS

Dividendos em Cannabis: como ganhar uma renda recorrente investindo em um dos segmentos mais promissores dos próximos anos

O analista Enzo Pacheco explica as oportunidades desse mercado que tem ganhado cada vez mais espaço nos Estados Unidos

US$ 1 = R$ 5,70

Dólar flerta com o maior patamar em seis meses, mas desacelera alta após relatório da PEC dos precatórios e moeda se afasta dos R$ 5,70

Em 2021, o dólar chegou a atingir o patamar de R$ 5,883, em março, um dos piores momentos da crise causada pela pandemia de covid-19

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies