Menu
2020-09-08T11:07:00-03:00
Estadão Conteúdo
acordo

UE corta tarifas aplicadas sobre produtos importados dos EUA

Em troca, os Estados Unidos reduzirão em US$ 160 milhões por ano impostos sobre alguns produtos exportados pela UE para o mercado americano

8 de setembro de 2020
11:06 - atualizado às 11:07
exportação logística
Imagem: Shutterstock

A Comissão Europeia, órgão executivo da União Europeia (UE), anunciou nesta terça-feira (8) cortes em tarifas aplicadas sobre produtos importados dos Estados Unidos, visando expandir o comércio entre as partes em cerca de 200 milhões de euros por ano. "A iniciativa é um primeiro passo para reduzir a tensão comercial bilateral", diz um despacho do órgão.

Em troca, diz a Comissão, os Estados Unidos reduzirão em US$ 160 milhões por ano impostos sobre alguns produtos exportados pela UE para o mercado americano, colocando em vigor o acordo tarifário firmado entre bloco e país no mês passado. As medidas serão aplicadas com efeito retroativo a partir de 1º de agosto de 2020.

"Este acordo oferece a ambos os lados um verdadeiro resultado ganha-ganha, ajudando-nos a fortalecer ainda mais nossa parceria", diz o vice-presidente executivo da Comissão, Valdis Dombrovskis. "A redução de tarifas em ambos os lados melhora o acesso de nossos exportadores e reduz o custo dos produtos importados. Esses são fatores criticamente importantes nesta época de crise econômica relacionada ao coronavírus", acrescenta.

Entre os produtos, a UE eliminou a tarifação de lagosta importada dos EUA. Washington, por sua vez, deve responder isentando refeições preparadas, alguns copos de cristal e cigarros exportados pelo bloco europeu.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

MERCADOS HOJE

Ibovespa ignora tensão em Brasília e busca romper marca histórica; dólar recua

Exterior positivo traz fôlego aos negócios locais, mas problemas em Brasília persistem

Exile on Wall Street

Bolsa não precisa de motivos para subir e os ganhos acontecerão – mesmo no pior cenário

Do fim de fevereiro até este meio de abril, o Ibovespa retomou os 120 mil pontos rapidamente, e sem qualquer utopia. Isso nos traz uma importante lição enquanto investidores agnósticos: a Bolsa não precisa de motivos para subir. Repita o mantra: não precisa de motivos para subir, não precisa de motivos… assim como você não […]

Taxa zero pra todo o lado

Easynvest zera taxa de corretagem para maioria das operações com ações, BDRs e opções

A corretora digital já não cobrava por investimentos em renda fixa e agora quer expandir essa ideia para ações, BDRs e opções do aplicativo

O melhor do Seu Dinheiro

A magia dos dados da Boa Vista, Arezzo, Hering e outros destaques do dia

No começo do ano, vazaram na internet dados de mais de 220 milhões de brasileiros, incluindo CPF, nome, endereço e renda. O número é maior que o da população brasileira porque o arquivo incluía pessoas que já faleceram. Mas não são apenas criminosos que espalham referências sobre quem somos por aí. Todos os dias nós […]

Esquenta dos Mercados

Exterior deve reagir bem à temporada de balanços, enquanto tensão em Brasília aumenta

Confira esses e outros destaques para a manhã desta quinta-feira (15)

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies