Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-04-08T12:14:27-03:00
Kaype Abreu
Kaype Abreu
Formado em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Colaborou com Estadão, Gazeta do Povo, entre outros.
medida anticrise

Governo libera novos saques do FGTS a partir de junho; veja condições

De acordo com o texto, os saques devem ser liberados a partir de 15 de junho e até 31 de dezembro. A operação tem aplicação imediata, mas precisa ser aprovada pelo Congresso em 120 dias

8 de abril de 2020
7:56 - atualizado às 12:14
FGTS
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

O governo publicou nesta terça-feira (7) uma Medida Provisória (MP) que libera o saque de R$ 1.045 de contas ativas e inativas do FGTS. O texto também extingue o fundo PIS-Pasep, transferindo o patrimônio para o FGTS.

A medida visa amparar o trabalhador em um momento de incerteza da economia por causa das ações de enfrentamento da pandemia do novo coronavírus (covid-19). Analistas já preveem um tombo do PIB e um aumento do desemprego nos próximos meses.

De acordo com a MP, os saques devem ser liberados a partir de 15 de junho e até 31 de dezembro e o cronograma de atendimento deve ser estabelecido pela Caixa Econômica Federal.

A instituição vai permitir o crédito automático para conta de depósitos de poupança de titularidade do trabalhador.

Segundo a MP, quem tiver mais de uma conta vinculada ao FGTS deverá fazer o saque na seguinte ordem: primeiro, contas vinculadas relativas a contratos de trabalho extintos, com início pela conta que tiver o menor saldo; depois, demais contas vinculadas, com início pela conta que tiver o menor saldo.

Ainda segundo o texto, os agentes financeiros do Fundo PIS-Pasep devem adotar as medidas necessárias para a elaboração das demonstrações contábeis de fechamento e da prestação de contas do Fundo a serem submetidas ao Conselho Diretor do Fundo PIS-Pasep.

O PIS-Pasep ficará extinto após o envio da prestação de contas consolidada de encerramento aos órgãos de controle. As contas vinculadas individuais dos participantes do Fundo PIS-Pasep passam a ser remuneradas pelos mesmos critérios aplicáveis às contas vinculadas do FGTS.

O patrimônio acumulado nas contas individuais dos participantes do fundo PIS-Pasep​ fica preservado. A operação tem aplicação imediata, mas precisa ser aprovada pelo Congresso em 120 dias - pois se trata de uma MP.

O governo também publicou o decreto que regulamenta a operação do pagamento do auxílio emergencial de R$ 600 aos trabalhadores informais, autônomos e MEIs. Com custo de R$ 98,2 bilhões, o programa promete atender 54 milhões de pessoas.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

De volta ao jogo

Como ficam os seus investimentos em renda fixa com a Selic em 6,25%

Renda fixa “voltou ao jogo”, mas ainda não dá para ficar rico. Veja como fica o retorno das aplicações conservadoras agora que o Banco Central elevou a Selic mais uma vez

entrevista

BC briga para recuperar a credibilidade e poderia ter acelerado alta da Selic, diz economista-chefe da gestora Garde

Para Daniel Weeks, BC passou mais tempo do que o necessário com a sinalização de que manteria taxa de juros muito baixas; ele avalia que aumento poderia ter sido de 1,25 ponto e que discussão sobre fim do ciclo de ajustes ainda não acabou

Seu Dinheiro na sua noite

Seguindo a rota planejada

Decisão da Selic pelo Copom, juros nos Estados Unidos, dólar em alta e muitas outras notícias que mexeram com o mercado hoje

Vai mudar

Ultrapar (UGPA3): Marcos Lutz, ex-presidente da Cosan, assumirá como CEO em janeiro de 2022

Lutz já era membro do conselho de administração da Ultrapar (UGPA3) e, após o período como CEO, deve virar presidente do colegiado

Bota para subir

Após nova alta da Selic, FMI apoia aperto monetário adotado pelo Banco Central para combater inflação

Os diretores do órgão também aprovam o compromisso do BC intervenções limitadas para conter condições desordenadas de mercado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies