Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-04-07T11:15:22-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
diz iif

Dívida global sobe US$ 10 trilhões em 2019, a US$ 255 tri

Segundo a instituição, trata-se de um nível 40% maior do que o registrado no início da crise financeira de 2008.

7 de abril de 2020
11:14 - atualizado às 11:15
Ibovespa mercados queda
Imagem: Shutterstock

O Instituto Internacional de Finanças (IIF) estima que a dívida global, em todos os setores, subiu mais de US$ 10 trilhões em 2019 e chegou a US$ 255 trilhões, o que equivale a mais de 322% do Produto Interno Bruto (PIB) mundial.

Segundo a instituição, trata-se de um nível 40% maior do que o registrado no início da crise financeira de 2008. Com a recessão provocada pela pandemia de coronavírus, o IFF projeta que a dívida global pode chegar a 342% do PIB em 2020, caso a economia registre uma contração de 3%.

O instituto aponta que, em março, a emissão de dívida governamental bateu recorde mensal de US$ 2,1 trilhões (US$ 3,2 trilhões se incluídos todos os setores).

"Embora a incerteza sobre a escala e a duração da pandemia torne as estimativas desafiadoras, uma forte trajetória de alta nos níveis da dívida parece mais do que certa", diz.

Nas economias emergentes, a dívida total, no ano passado, somou US$ 71 trilhões, 220% do PIB. Já a dívida em moeda estrangeira passou de US$ 5,3 trilhões, com Argentina, Turquia, Chile e Colômbia apresentando as maiores altas em relação a 2009.

"A forte dependência em dívida em moeda estrangeira representa significativo risco de liquidez e solvência para empresas e países emergentes e os deixa mais expostos a mudanças repentinas no apetite ao risco", destaca o IFF.

A instituição também calcula que a dívida fora do setor financeiro subiu de US$ 183 trilhões em 2018 para US$ 192 trilhões em 2019, enquanto a dívida das famílias subiu US$ 13 trilhões no mesmo período, a US$ 48 trilhões.

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Prévia da estatal

Petrobras (PETR4) anuncia produção do terceiro trimestre hoje, mas os dados da ANP já antecipam o que vem por aí; confira

Os dados chegam ao mercado em um momento de fortes críticas à política de preços da companhia e ameaças de desabastecimento

Exile on Wall Street

Quem não tem teto de vidro? As implicações das ameaças ao teto de gastos sobre seus investimentos

Ameaça ao teto fiscal exige atenção redobrada sobre a necessidade de diversificação e algumas proteções para a carteira – e há possíveis bons hedges para o momento

bitcoin (BTC) hoje

É recorde! Bitcoin (BTC) atinge nova máxima histórica com o novo rali das criptomoedas

A aprovação do ETF nos EUA impulsionou a alta do bitcoin, mas a principal criptomoeda do mercado pode subir ainda mais, segundo analistas

MERCADOS HOJE

Ibovespa engata recuperação, mas segue sob pressão do risco fiscal; dólar tem alívio após leilão do BC, mas juros futuros disparam

A agenda local está esvaziada nesta semana, mas os investidores aguardam por um desfecho para a PEC dos precatórios

COLUNA DO JOJO

Bolsa hoje: estaria o governo querendo furar o teto?

Ignorando o bom humor internacional de ontem, nós brasileiros vivemos nossa própria realidade, muito afetados com o vaivém de Brasília, que prejudicou bastante os mercados e que promete prejudicar ainda mais nos próximos dias

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies