Menu
O melhor do Seu Dinheiro
Ivan Ryngelblum
Jornalista formado pela PUC-SP, com pós-graduação em Economia Brasileira e Globalização pela Fipe. Trabalhou como repórter no Valor Econômico, IstoÉ Dinheiro e Agência CMA.
2020-12-11T09:53:26-03:00
Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

10 notícias para você começar o dia bem informado

11 de dezembro de 2020
9:53
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Quantas horas por dia você gasta com suas redes sociais? 

Admito que sou um pouco viciado, passo horas no Facebook (sim, eu ainda uso Facebook) vendo vídeos recomendados de esportes e clicando em notícias. Quero pensar que é apenas uma distração para momentos de tédio, mas sei que gasto mais tempo com isso do que realmente gostaria.

É bom saber que não estou sozinho nessa. Pesquisas mostram que brasileiros e brasileiras dedicam uma média de quase 4 horas por dia às redes sociais. Somos um dos principais usuários desses meios. Temos mais de 70 milhões de pessoas com perfis no Instagram, e mais de 90 milhões no Facebook e no Youtube.

As redes sociais são onipresentes em nossas vidas desde que o finado Orkut surgiu por aqui, há 13 anos. As mudanças que elas provocaram foram enormes, seja na economia, na cultura, ou na política.

Elas catapultaram muita gente desconhecida para a fama. Surgiram os influencers, os influenciadores digitais, gente que fala dos mais diversos temas (inclusive sobre nada) e que têm milhões de seguidores. Um público bem fiel, atento a cada postagem. 

Muitos desses influenciadores conseguiram monetizar essa legião de séquitos. É o caso de Nati Vozza, que começou como uma blogueira de moda e acabou criando sua própria marca de roupas, a byNV, que se tornou um sucesso graças a seus mais de um milhão de seguidores fiéis do Instagram.

E menos de dez anos depois de ser criada, a marca foi comprada pelo Grupo Soma, dono de marcas como Farm e Animale, por R$ 210 milhões. Impressionante, né?

Em sua tradicional coluna de sexta-feira, Ruy Hungria fala sobre os objetivos do Grupo Soma com esta aquisição e as oportunidades que as redes sociais criaram para qualquer negócio, pequeno ou grande. Não deixe de conferir. 

O que você precisa saber hoje

MERCADOS

O Ibovespa encerrou ontem com alta de 1,9%, aos 115.130 pontos, maior patamar desde 19 de fevereiro, puxado pelo desempenho dos principais nomes que compõem o índice. O dólar caiu 2,6%, para R$ 5,03, menor nível desde 10 de junho, após o Copom sinalizar preocupação com a inflação e o BC realizar um leilão extraordinário de swap (venda de dólar no mercado futuro).

O que mexe com os mercados hoje? Enquanto no exterior o avanço acelerado da covid-19 traz cautela aos mercados, no Brasil os investidores monitoram a trajetória do dólar. A expectativa é de que a moeda americana fure a resistência dos R$ 5,00 e volte a ficar abaixo desta marca. As bolsas asiáticas fecharam mistas durante a madrugada. Já os índices futuros em Nova York e as principais praças europeias operam no vermelho. 

EMPRESAS

 Hering, Localiza, TIM, Odontoprev e B3 anunciaram ontem que realizarão o pagamento de juros sobre capital próprio (JCP) aos seus acionistas. Confira as condições para receber os proventos. ​​​​​​​

A Petrobras confirmou ontem que pagará na terça-feira (15) os dividendos relativos aos resultados de 2019, com base na posição acionária de 22 de julho.

A B3 divulgou ontem que o volume financeiro médio diário no mercado à vista de renda variável somou R$ 34,177 bilhões, 74,9% maior que o apurado no mesmo mês de 2019. Ela também informou que manteve a projeção relacionada à distribuição de lucro para este ano e o próximo, prevendo repassar entre 120% e 150%.

O Fleury (FLRY3) anunciou ontem a aquisição de um centro de infusão de medicamentos e uma clínica oftalmológica, ambos em São Paulo, por um total de R$ 149,5 milhões.

 As ações da plataforma de hospedagem Airbnb dispararam no primeiro dia de capital aberto na Nasdaq. Elas subiram 112% ontem, a US$ 144,71.

ECONOMIA

A S&P Global Ratings reafirmou ontem as notas de créditos do Brasil de longo e curto prazo em moeda estrangeira e local em "BB-/B" e manteve perspectiva estável.

Nas últimas 24 horas foram registrados 770 óbitos e 53.347 novos diagnósticos positivos de covid-19, segundo dados divulgados ontem pelo Ministério da Saúde.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

balanço do dia

Covid-19: casos sobem para 15,5 milhões e mortes, para 432,6 mil

O total de vidas perdidas durante a pandemia subiu para 432.628. Entre ontem e hoje, foram registradas 2.211 novas mortes.

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Mudaram as estações, mas nada mudou na bolsa

Quem olha para o saldo do Ibovespa na semana pode achar que os últimos dias foram um marasmo. O índice, afinal, ficou praticamente estável — uma quase desprezível queda de 0,13%. “Mas eu sei que alguma coisa aconteceu / tá tudo assim, tão diferente”, já dizia a música. E é verdade: nada mudou na bolsa, […]

Fechamento da semana

Inflação americana e minério de ferro vivem ‘dias de luta e dias de glória’, monopolizando a semana; dólar avança e bolsa recua no período

O minério de ferro puxou Vale e siderúrgicas para cima – mas depois derrubou. A inflação americana também assustou, mas conseguiu acalmar o ânimo dos investidores. Confira tudo o que movimentou a semana

Engordando o caixa

Petrobras gera US$ 2,5 bilhões com desinvestimentos em 2021; venda mais recente é para fundo árabe

E a estatal não deve parar por aí, pois o diretor financeiro da empresa já reafirmou a intenção de continuar com o programa de venda de ativos

Em evento do BofA

Presidente do BC revela preocupação com análise de autonomia no STF e planos para PIX internacional

Campos Neto e o ministro da Economia, Paulo Guedes, têm conversado com ministros da Corte sobre os questionamento acerca do tema

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies