Menu
Marina Gazzoni
O melhor do Seu Dinheiro
Marina Gazzoni
É CEO do Seu Dinheiro
2020-12-01T10:05:51-03:00
Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

10 notícias para começar o dia bem informado

1 de dezembro de 2020
9:49 - atualizado às 10:05
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock
Enquanto aguardava sentada na recepção do Smiles para fazer minha primeira entrevista com o então presidente da empresa, Leonel Andrade, ouvia uma pessoa gargalhar no escritório. Não lembro se foi em 2013 ou 2014, mas lembro que pensei: “quem será que está tão animado?”. Quando entrei na sala para a entrevista, me deparei com uma figura enérgica e bem humorada: era o Leonel.

Em (quase) todo período que esteve à frente do Smiles, Leonel teve motivos de sobra para sorrir. A empresa virou um case de geração de caixa e fez a alegria dos acionistas e do próprio controlador.



O Smiles foi uma peça-chave no processo da Gol de busca por passageiros de alta renda e pelo público corporativo iniciado em 2012. Ele também teve papel central na crise de 2016, com a compra antecipada de passagens da Gol, uma das medidas para evitar a quebra da empresa aérea na época.

O “quase” do parágrafo acima se refere ao triste episódio em que a Gol tentou impor uma incorporação aos acionistas minoritários do Smiles. Não deu certo - e esse incidente culminou com a saída do Leonel da empresa.

Leonel foi anunciado em março deste ano como presidente da CVC, mas assumiu a função em 1º de abril, no meio da quarentena.

Como sabemos, o setor de viagens foi um dos mais afetados pela pandemia. A primeira tarefa do Leonel foi garantir a sobrevivência da empresa.

Em entrevista exclusiva ao repórter Ivan Ryngelblum, Leonel conta como foram os primeiros nove meses à frente da CVC e afirma que ela está “vivíssima”. Na bolsa, isso é bem verdade: sua ação subiu 48,4% em novembro.

Agora a CVC tirou da gaveta novos projetos e busca, justamente, o cliente de alta renda. Os detalhes sobre os planos da empresa o Seu Dinheiro conta com exclusividade nesta reportagem. Recomendo fortemente a leitura!
O que você precisa saber hoje

MERCADOS

O Ibovespa fechou ontem com queda de 1,5%, aos 108.930 pontos, em meio à aversão ao risco no exterior, com a retomada da tensão entre Estados Unidos e China. Apesar disso, o índice registrou em novembro o melhor resultado para o mês em 21 anos. O dólar encerrou em alta de 0,4%, aos R$ 5,34.

O que mexe com os mercados hoje? Os investidores começam dezembro com bom humor. A previsão de que uma vacina contra a covid-19 comece a circular nos países desenvolvidos nos próximos dias e dados animadores da economia chinesa sustentam o otimismo. Durante a madrugada, as bolsas asiáticas fecharam em alta. Os índices futuros em Wall Street e as principais praças europeias avançam nesta manhã.

 O bitcoin foi o melhor investimento de novembro, seguido pelo Ibovespa. As boas notícias a respeito das vacinas contra a covid-19 e a eleição de Joe Biden para a presidência dos Estados Unidos abriram espaço para a tomada de risco pelos investidores. Confira o ranking mensal dos melhores e piores investimentos elaborado pela Julia Wiltgen.

•Live - 15h: A Julia Wiltgen e o Vinícius Pinheiro estarão ao vivo hoje para comentar os melhores e os piores investimentos de novembro. Anote na agenda e acompanhe ao vivo no YouTube do Seu Dinheiro.

EMPRESAS

 O presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, afirmou ontem que mesmo com os atrasos causados pela pandemia de covid-19, a empresa vai cumprir a meta de fechar 2021 com oito das suas 13 refinarias vendidas.

 A Embraer informou ontem que sofreu um ataque cibernético aos seus sistemas de tecnologia da informação, que resultou na divulgação de dados supostamente atribuídos à empresa.

A Boa Vista anunciou na madrugada de hoje que fechou a aquisição da Acordo Certo, plataforma digital de renegociação de dívidas e recuperação de crédito.

ECONOMIA

 A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou ontem a retomada do sistema de bandeiras tarifárias na conta de luz a partir de hoje.

O Brasil registrou 287 mortes e 21.138 novos casos de contaminação por covid-19 nas últimas 24 horas, segundo dados divulgados ontem pelo Ministério da Saúde.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Contas brasileiras em jogo

STF retoma julgamento sobre ICMS e PIS/Cofins; decisão pode ter impacto de R$ 258,3 bilhões para União

Os ministros já haviam declarado inconstitucional a cobrança de ICMS na base de cálculo do PIS/Cofins, mas o governo pede que a decisão não tenha efeito retroativo

São Jorge e o dragão inflacionário

A grande e ameaçadora besta da inflação começa a sair do seu sono profundo. Aos poucos, movimenta as asas e mexe sua cauda incendiária. Um vagaroso e temerário despertar. Nem de longe está cuspindo fogo — e quem viveu no Brasil nos anos 80 e 90 lembra bem do seu poder destrutivo. Mas mesmo o […]

FECHAMENTO

Dragão americano da inflação assombra ativos globais e resultado é bolsa, dólar e juros sob pressão; Ibovespa recua 2% e volta aos 119 mil pontos

A pressão inflacionária superou até mesmo o cenário político interno caótico nos holofotes do mercado e levou o principal índice brasileiro a amargar uma queda brusca

Primeiro encontro

Presidentes de Petrobras e BR se reúnem para tratar da saída da estatal da distribuidora

Os executivos, que assumiram os cargos há cerca de uma vez, discutirão a venda da participação de 37,5% que a Petrobras ainda detém na empresa

Trabalho em equipe?

Biden e oposição tentam acordo para aprovar pacote de infraestrutura

Um dos maiores pontos de divergência entre o presidente e líderes republicanos é o aumento de impostos para financiar a proposta

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies