Menu
Vinícius Pinheiro
O melhor do Seu Dinheiro
Vinícius Pinheiro
2020-05-07T20:09:28-03:00
Seu Dinheiro na sua noite

Os conselhos da minha avó sobre o dólar

7 de maio de 2020
20:09
O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Andrei Morais/Seu Dinheiro

Quando perguntada para onde vai o dólar, minha avó costumava dizer: pouco importa, desde que ele saia bem agasalhado e com guarda-chuva.

Brincadeira, minha avó nunca falou sobre o dólar (eu acho). Mas o conselho dela é mais do que válido. Ainda mais agora, com a moeda do país de Donald Trump batendo recordes sucessivos.

O dólar é uma espécie de guarda-chuva dos seus investimentos. É fundamental não sair de casa sem ele, faça chuva ou faça sol. Ou seja, tenha sempre uma parcela de dólares na carteira.

Em dias de tempo bom no mercado, a moeda vai cair e você provavelmente vai ter que segurar o guarda-chuva na mão. O que certamente é um problema menor do que ser pego desprevenido em plena tempestade de canivetes como a que enfrentamos atualmente.

A moeda norte-americana alcançou novamente a máxima histórica e fechou o dia cotada na casa de R$ 5,84. Imagino que agora você tenha duas perguntas para me fazer: o dólar pode ainda subir mais? Ainda é hora de comprar dólar?

A resposta para ambas as questões é sim. Eu não vou me arriscar a prever a cotação da moeda, mas a combinação de três crises – de saúde, econômica e política – pode muito bem levar o câmbio a testar novos recordes.

O contrário também pode acontecer e a moeda cair, é claro. Por isso encare o investimento no dólar como proteção, e não como uma forma de multiplicar o seu patrimônio.

Mas, afinal, por que o dólar voltou a disparar hoje? A explicação está na decisão do Banco Central de reduzir os juros para 3% ao ano, mais do que o esperado pelo mercado. O Victor Aguiar conta para você todas os impactos da nova Selic nos mercados.

O alçapão no fundo do poço

No auge do choque do coronavírus, o Ibovespa chegou a cair para a casa dos 63 mil pontos, mas se recuperou nas últimas semanas. Então o pior para a bolsa já passou, certo? Errado, pelo menos para a Persevera. A gestora de fundos está vendida em bolsa e acredita que o principal índice da B3 pode ficar abaixo dos 60 mil pontos. No entanto, ainda vê a renda variável como uma boa opção para o longo prazo. Eu conto em detalhes a visão da gestora.

Boa notícia no posto

O tombo nas cotações internacionais do petróleo chegou às bombas de combustível. Com uma intensidade bem menor, é verdade. O preço da gasolina caiu 8% no mês passado em relação a março. Este foi o “bom efeito” da crise, ao menos na ótica dos consumidores, mas ainda assim poucos puderam se beneficiar diante das restrições impostas pela quarentena. Veja quanto ficou o preço médio do combustível em abril.

Por falar em posto…

...O presidente Jair Bolsonaro voltou a valorizar o seu “Posto Ipiranga”. Ele disse que é Paulo Guedes quem dá as cartas na economia brasileira e afirmou que “segue a cartilha” do ministro. Em manifestação pública após uma “visita surpresa” ao Supremo Tribunal Federal, o chefe do Executivo afirmou que acatará sugestão de vetar o reajuste salarial de trabalhadores do setor público.

A velha política dos novos amigos

A tradicional troca de cargos em troca de apoio no Congresso achou seu lugar no governo Bolsonaro, após alguma resistência. O primeiro contemplado do Centrão com cargos foi Arthur Lira, deputado do PP, que indicou um nome para o Departamento Nacional de Obras Contra as Secas. E a medida já deu frutos: o alinhamento de líderes do grupo político ao governo ontem, em votação na Câmara.

Como obter 4.000% de retorno na crise

Você não leu errado. A rentabilidade é real e foi obtida pelo fundo Universa Tail Hedge, que opera no mercado de opções. Mas como funciona esse mercado? Atendendo a pedidos dos nossos leitores, a Marina Gazzoni comandou hoje uma transmissão ao vivo com o nosso colunista Ruy Hungria, um mestre no assunto. Vale muito a pena você assistir.

Qual a boa do dia?

A boa do dia é que não há boa do dia. Às vezes, bem, às vezes o melhor a fazer no mercado é jogar parado — a menos que você seja um trader e precise se movimentar em um cenário imprevisível. Mas enquanto a hora da lucratividade, da calmaria e da leveza não aparecem, é hora de se proteger. Na coluna de hoje, o Rodolfo Amstalden diz onde colocar e, principalmente, onde não colocar o seu dinheiro.

Uma ótima noite para você.
Aquele abraço!

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Dados atualizados

Mortes por coronavírus no Brasil vão a 34.973; infectados são 643.766

Na quinta-feira, havia 34.021 mortes registradas, segundo o Ministério da Saúde. O balanço diário totalizava 614.941 infectados

Números da pandemia

‘Acabou matéria no Jornal Nacional’, diz Bolsonaro sobre atraso em dados do coronavírus

Questionado sobre o terceiro dia com atraso seguido na divulgação de mortos e infectados pela covid-19 pelo Ministério da Saúde, o presidente Jair Bolsonaro afirmou, nesta sexta-feira, 5, que “acabou matéria no Jornal Nacional”, telejornal da TV Globo

seu dinheiro na sua noite

A crise do coronavírus vai ser uma marolinha?

Em 2008, ao ser questionado sobre a crise financeira, o ex-presidente Lula disse que o tsunami sobre a economia global chegaria ao Brasil como uma “marolinha”. O resultado você e eu conhecemos. Pois bem, com a rápida recuperação dos mercados nas últimas semanas já vejo muita gente resgatar a tese da marolinha. Na nova versão, […]

Marcelo Guaranys

Ninguém voltará para fila do Bolsa Família após fim do auxílio emergencial, diz secretário

Depois de o governo transferir quase R$ 84 milhões do Bolsa Família para publicidade institucional, secretários do Ministério da Economia disseram que o programa está com a fila zerada

Isso é que é alívio

Dólar despenca 6,52% na semana e fica abaixo de R$ 5,00; Ibovespa dispara mais de 8%

O dólar à vista terminou a semana a R$ 4,99, indo ao menor nível desde 26 de março, enquanto o Ibovespa cravou a sexta alta seguida e voltou ao patamar de 94 mil pontos. Entenda o que motivou toda essa onda de otimismo nos mercados

Secretário especial da fazenda

Bolsa Família não foi prejudicado com transferência de recurso à Secom, diz Waldery

Ele lembrou que o governo decidiu prorrogar o auxílio emergencial por duas parcelas “em princípio” e que, depois da medida provisória que previa o pagamento permanente do 13º para o Bolsa Família caducar, o governo analisará o espaço orçamentário para esse medida neste ano

Efeito coronavírus

Varejo de SP tem perdas de R$ 16 bilhões durante quarentena, diz Fecomercio

O cálculo é da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), levando em consideração 72 dias de quarentena até ontem

Menos frequência, mais gasto

Redes de supermercados e atacarejos faturam 12,5% a mais em maio

Os dados são de um levantamento da GS Ciência do Consumo, empresa de inteligência analítica e soluções de tecnologia para indústria e varejo

YDUQ3 salta 10% na bolsa

BTG mantém-se neutro sobre Yduqs, mas vê ‘gatilho valioso’ após aquisição de R$ 120 milhões

Yduqs salta mais de 10% no Ibovespa; para BTG, o fraco ímpeto de lucros da companhia e a falta de catalisadores ainda justificam a cautela na recomendação

Dono da Warner Music

Len Blavatnik: o bilionário que apostou na indústria fonográfica e se tornou um dos homens mais ricos do mundo

Com o bem-sucedido IPO da Warner Music, na Nasdaq, Blavatnik, que apostou na empresa quando a indústria fonográfica desmoronava, saltou quase 20 posições na lista dos mais ricos do mundo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu