Menu
Marina Gazzoni
O melhor do Seu Dinheiro
Marina Gazzoni
É CEO do Seu Dinheiro
2020-10-31T12:17:17-03:00
BOMBOU NO SEU DINHEIRO

Melhores da Semana: O Halloween dos mercados

A segunda onda de coronavírus é um ‘fantasma’ que ronda os mercados desde o início do ano. Muita gente não acreditou. Nesta semana, ele mostrou as caras.

31 de outubro de 2020
12:15 - atualizado às 12:17
Halloween
Halloween dos mercados: bolsas tiveram fortes perdas na última semana de outubro - Imagem: Shutterstock

Os riscos dos mercados são fantasmas dentro do armário. Você pode não vê-los, nem acreditar neles. Mesmo assim você sente medo.

É possível que eles sejam apenas uma história de terror. Mas talvez você esbarre em um deles de madrugada... 

A segunda onda de coronavírus é um ‘fantasma’ que ronda os mercados desde o início do ano. Muita gente não acreditou. Nesta semana, ele mostrou as caras.

Com novo lockdown na França e na Alemanha, a velocidade de recuperação da economia global tende a ser menor. Esse é um enredo de filme de terror para os investidores.

O susto provocou uma semana sangrenta nos mercados. O Ibovespa recuou 7,2%, para 93.952 pontos. Aqui você encontra mais detalhes sobre a semana nas bolsas.

Neste sábado, entrei no clima de Halloween para fazer a lista de melhores reportagens da semana. Confira abaixo!

As melhores do Seu Dinheiro na semana:

1 - Contos macabros

Se você quer entender melhor o que está pegando nos mercados, sugiro que veja a última edição da live Touros e Ursos. A Julia Wiltgen, o Vinícius Pinheiro e o Felipe Saturnino comentam o que rolou na semana e as perspectiva para o futuro.

Mas se quiser ir direto para o fim da história, minha sugestão é que você leia a reportagem da Julia Wiltgen sobre os melhores e os piores investimentos do mês de outubro.

2 - O sadismo bilionário

O “filme de terror” dos mercados tem seus fãs. O colunista Ruy Hungria lembrou que o bilionário Warren Buffett já confessou que gosta quando a bolsa cai. Para ele, é uma oportunidade de aumentar sua posição em ações de boas empresas. 

3 - Jogos mortais

A reunião do Copom desta semana foi uma espécie de partida de truco macabra. Os mercados fizeram suas apostas em um juro maior nos próximos meses, mas o Banco Central reafirmou sua intenção de preservar o juro baixo por um bom tempo.

Neste link, você pode relembrar a decisão da semana e aqui está uma análise do Vinícius Pinheiro sobre a partida entre o BC e os mercados.

4 - Casamento sangrento

Em tese, um pedido de casamento deveria ser motivo para alegrias. Mas às vezes o romance vira thriller. Recentemente, foi o que aconteceu com duas propostas de aquisições de grandes empresas no Brasil.

A Ser Educacional tentou comprar a Laureate, mas a  Ânima entrou na briga e ficou com a noiva (veja os detalhes nesta reportagem). Já o triângulo não tão amoroso assim entre Stone, Linx e Totvs segue sem desfecho (veja aqui as últimas informações sobre o caso). 

5 - O pesadelo acabou? 

Apesar do banho de sangue, a semana trouxe, sim, notícias positivas. Diversas empresas divulgaram seus balanços e mostraram números melhores que o esperado pelos mercados. 

Quem foi bem? Vale, BradescoSantanderPetrobras e GPA, só para citar algumas.

Para encerrar, deixo aqui uma reflexão: quando os fantasmas do mercado saírem de cena e o medo ceder lugar à racionalidade, será que o preço das ações refletirá seus bons resultados? 

Um grande abraço e ótimo fim de semana!

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Após vacinação e apoio fiscal

Economia dos EUA está “em ponto de inflexão” positivo, diz Powell, do Fed

Economia norte-americana está prestes a começar a crescer muito mais rapidamente, afirmou presidente do banco central norte-americano em entrevista

nos estados unidos

Remuneração de CEOs cresceu em meio à pandemia

Recuperação do mercado de ações impulsionou ganhos de executivos em 2020, que tiveram remuneração média de US$ 13,7 mi no período

Após estremecimentos

China quer parceria estratégia com Brasil, diz chanceler asiático

Chanceler chinês, Wang Yi, falou com o novo ministro das Relações Exteriores do Brasil, Carlos Alberto Franco França.

entrevista

Bittar reafirma que Guedes sabia de acordo para destinar verba a emendas

Apontado como um dos artífices da “maquiagem” no Orçamento, o senador Marcio Bittar diz que não chegou sozinho ao valor de R$ 29 bilhões em emendas

Apesar da pandemia

Saúde perde espaço em emendas parlamentares

Números mostram estratégia dos parlamentares para destinar recursos para obras e projetos de interesse eleitoral em seus redutos

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies