Menu
Vinícius Pinheiro
O melhor do Seu Dinheiro
Vinícius Pinheiro
2020-11-04T19:44:21-03:00
seu dinheiro na sua noite

Itaú e XP: História de um casamento

4 de novembro de 2020
19:44
O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Andrei Morais/Seu Dinheiro

De um casamento que parecia perfeito, a união entre uma estrela em ascensão e uma figura consagrada no mercado acaba naufragando em meio a uma rotina de desentendimentos e planos incompatíveis para o futuro.

Quem assistiu ao filme História de um Casamento (disponível na Netflix) deve ter reconhecido o roteiro que eu descrevi logo acima. Mas na verdade estou me referindo a outra relação que está perto do fim: a do Itaú Unibanco com a XP Investimentos.

Foi um romance que começou em 2017, quando o maior banco privado brasileiro anunciou a compra de uma participação no capital da XP por pouco mais de R$ 6 bilhões.

O casamento trouxe frutos para ambos os lados, mas também enfrentou resistências. A maior delas foi o veto do Banco Central à opção de o Itaú assumir o controle da XP.

Essa espécie de matrimônio com os noivos vivendo em casas separadas provocou inevitáveis brigas. Algo já parecia estar fora do lugar quando o Itaú lançou em junho deste ano uma campanha publicitária com críticas ao modelo de agentes autônomos que consagrou a XP.

Pois agora o casamento parece ter chegado ao fim com o plano do banco de segregar a participação que detém na XP em uma nova empresa.

Para o Itaú, a união também sofreu com a falta de reconhecimento. Isso porque o valor atribuído à participação na XP dentro do banco é menor que o da corretora no mercado.

Essa foi uma das justificativas para o fim da relação dadas por Candido Bracher, presidente do Itaú. Eu acompanhei a entrevista e conto para você os detalhes sobre a separação e também a reação das ações.

MERCADOS

 Com a eleição nos Estados Unidos quase definida a favor de Joe Biden, o mercado financeiro teve um dia bastante positivo, com alta de quase 2% da bolsa e queda expressiva do dólar. Saiba tudo sobre o pregão

ECONOMIA

 Mais um dado reforça a visão de rápida recuperação da economia brasileira da crise do coronavírus. A produção industrial registrou avanço de 2,6% em setembro ante agosto. Foi a quinta alta mensal seguida, de acordo com o IBGE.

 Ainda não está convencido? Pois então aí vai mais um indicador que sinaliza a retomada econômica. As vendas de veículos subiram 3,54% em outubro e apresentaram o melhor mês do ano.

 A relação do governo com o Congresso ainda está longe do ideal. Os deputados federais derrubaram o veto presidencial à prorrogação da desoneração da folha de pagamentos. Confira o placar da votação

EMPRESAS

 A compra da Nike do Brasil pelo Grupo SBF, controlador da Centauro, foi aprovada pelo Cade, mas com restrições. A rede de varejo esportivo pagou R$ 900 milhões para assumir a operação da marca no país. Veja as condições do acordo

 A Even vai vender imóveis do Hotel Fasano Itaim para um fundo imobiliário, por R$ 280 milhões. Uma subsidiária da incorporadora assinou promessa de compra e venda de ativos para FII que está sendo estruturado e irá realizar oferta pública de cotas. 

 A Ser Educacional exerceu o direito de receber da Ânima uma multa no valor de R$ 180 milhões em dinheiro com o fim do acordo com a Laureate para adquirir os ativos do grupo no Brasil. Saiba mais sobre o desfecho da transação.

 A fabricante de carros elétricos Tesla já teve em vários momentos a situação financeira questionada. Mas agora o próprio Elon Musk resolveu admitir que sua companhia esteve à beira da falência. Conheça a história.

COLUNISTAS 

 Você já parou para pensar nas “narrativas” que dominam sua vida? Nosso colunista André Franco comenta a respeito de conjunto de crenças que rodeiam nossa vida e fala sobre a dele. Spoiler: tem a ver com bitcoin e inflação.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

esquenta dos mercados

Impasse em torno do Brexit volta a limitar o apetite por risco dos investidores

Na véspera do feriado do dia de Ação de Graças nos Estados Unids, a euforia fica delado e dá lugar para a realização dos lucros recentes

ALTA VELOCIDADE

Anatel prevê leilão do 5G no final do primeiro semestre de 2021

Presidente da autarquia diz que certame não terá objetivo arrecadatório, mas exigirá das empresas maiores compromissos de investimento

NÚMEROS DA PANDEMIA

Brasil passa de 170 mil mortes por covid-19 desde o início da pandemia

Nas últimas 24 horas foram registrados 630 óbitos e 31.100 novos diagnósticos positivos, segundo Ministério da Saúde

Ano morno

Black Friday das corretoras e bancos: as ofertas que valem a pena em 2020

Black Friday nas corretoras e bancos está desanimada neste ano. Selecionei as ofertas mais interessantes relacionadas a investimentos, como já virou tradição

relações com os eua

Não acho que sucessão nos EUA mude disputa com China por 5G, diz Mourão

Mais uma vez questionado sobre a possibilidade de o governo brasileiro reconhecer a vitória do democrata Joe Biden na eleição americana, Mourão repetiu o discurso de que, “no momento certo, será feito o que tiver de ser feito”

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies