Menu
Marina Gazzoni
O melhor do Seu Dinheiro
Marina Gazzoni
É CEO do Seu Dinheiro
Dados da Bolsa por TradingView
2020-12-23T09:37:29-03:00
tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

Eu já ‘fiz’ meu IR de 2021 (e vou pagar menos imposto)

23 de dezembro de 2020
9:37
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

A reta final do ano costuma ser uma correria. É hora de comprar presente de Natal para a família, champagne para as festas de fim de ano, organizar o esquema de plantão da redação do Seu Dinheiro, arrumar a mala de viagem e revisar as comidas na geladeira para não deixar nada perecível para trás. 

A lista de tarefas inclui também uma que vale dinheiro: entrar no programa da Receita Federal e simular a minha declaração de Imposto de Renda em 2021.

Ué, mas o IR não é só em março/abril?

Sim, a declaração começa sempre em março. Mas se você deixar para pensar nela só no ano que vem, pode se arrepender amargamente.

Eu mesma já passei por isso. “Descobri” tarde demais que ganharia uma restituição maior se tivesse aproveitado os benefícios da previdência privada. Perdi a chance de engordar a minha aposentadoria e pagar menos imposto.

É que os planos PGBL têm um benefício tributário bem atrativo para quem faz a declaração no modelo completo. Mas você precisa fazer o aporte antes de fechar o ano fiscal. Ou seja, tem que ser agora.

Respondendo sem rodeios à pergunta que recebo de muitos leitores e amigos: vale a pena aportar na previdência? Sim, vale, mas preste atenção nas regras.

O repórter Rafael Lara traz nesta reportagem os detalhes de como funciona o benefício tributário da previdência privada e como calcular o seu aporte ideal. Recomendo fortemente a leitura!

MERCADOS

O Ibovespa subiu 0,70% ontem, aos 116.636,18 pontos, com a aprovação no Congresso americano de um pacote fiscal de US$ 900 bilhões. O dólar avançou 0,76%, a R$ 5,1619, ecoando o aumento da percepção de risco fiscal com a iminência da votação na Câmara da PEC dos municípios.

 No fim da noite de ontem, a PEC não foi votada e isso deve trazer alívio ao mercado local. Hoje a bolsa também tem a influência positiva do exterior, que tem os principais pregões no campo positivo. A agenda do dia tem a divulgação de dados importantes, como o Caged e a dívida pública. Veja o que deve mexer com os mercados hoje.

EMPRESAS

O Grupo Boticário captou R$ 1 bilhão em títulos de cinco anos vinculados a metas sustentáveis, em uma emissão coordenada pelo Itaú BBA. É a primeira operação do tipo no setor de beleza na América Latina e no mercado local de dívida.

A Petrobras fechou um novo contrato de cinco anos de fornecimento de matéria-prima para a Braskem. Ele prevê a entrega de nafta petroquímica para a unidade de São Paulo e de etano e propano para a planta do Rio de Janeiro. Esse contrato sempre foi considerado um ponto sensível na relação das duas empresas.

O Magazine Luiza anunciou o pagamento de R$ 170 milhões em juros sobre capital próprio aos acionistas. O mesmo tipo de provento foi informado também pela Unidas, que paga R$ 150,2 milhões.

ECONOMIA

 A Câmara dos Deputados aprovou o texto-base do projeto de lei que institui novas regras para o mercado de câmbio. A iniciativa abre caminho para pessoas físicas terem contas em moeda estrangeira no Brasil.

 O Brasil tem 7,3 milhões de casos registrados de covid-19, segundo o Ministério da Saúde. O total de mortes chega a 188,2 mil. ​​​​​​

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

ATENÇÃO, ACIONISTA

Hapvida (HAPV3) vai recomprar até 100 milhões de ações; papéis acumulam queda de 17% no ano

A operadora de saúde anunciou hoje que dará início a um programa de recompra de papéis com duração de até 18 meses

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ibovespa fecha semana no azul, Nubank valendo bilhões a menos e primeiro ETF cripto dos EUA: veja as principais notícias desta sexta

Em uma limousine brilhante, o Ibovespa chegou atrasado para a festa das bolsas globais — mas chegou.  Os balanços das empresas europeias e americanas abriram as portas do salão de baile: com o bom resultado das companhias, dados mistos da economia e um desenho mais nítido da retirada de estímulos monetários, Wall Street brilhou.  O […]

CRIPTOMOEDAS

Quais as dificuldades na regulamentação do Bitcoin e demais criptomoedas?

Analista de criptomoedas, Valter Rebêlo, comenta sobre o processo de regulamentação das criptomoedas ao redor do mundo

FECHAMENTO DO DIA

Ibovespa tira uma lasquinha da festa das bolsas globais e sobe mais de 1% na semana; dólar recua após atuações do BC

Com uma bolsa descontada após as turbulências recentes, o Ibovespa tinha tudo para chegar cedo nessa festa, mas foi preciso que o Banco Central assumisse a condução para que a B3 tivesse uma chance.

ALGUNS BILHÕES A MENOS

Nubank prepara IPO com listagem na Nasdaq e na B3 até o fim deste ano, mas deve baixar a pedida no valuation

Meses atrás, a startup buscava ir a mercado avaliada em cerca de US$ 100 bilhões; veja o novo valor de mercado segundo o Broadcast

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies