Menu
Vinícius Pinheiro
O melhor do Seu Dinheiro
Vinícius Pinheiro
2020-11-06T19:35:58-03:00
seu dinheiro na sua noite

Dólar em queda: Vai ter Disney ou só Disney Plus?

6 de novembro de 2020
19:35
O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Andrei Morais/Seu Dinheiro

Com a queda do dólar nos últimos dias, já tem gente sonhando de novo com a Disney. Mas será que a classe média brasileira vai voltar a ver o Mickey de perto ou terá de se contentar em assistir ao Disney Plus, o concorrente da Netflix que chega ao Brasil neste mês?

No mercado financeiro, a pergunta de 1 milhão de dólares (ou mais, dependendo da cotação) é outra: a vitória cada vez mais próxima de Joe Biden nas eleições para a presidência dos Estados Unidos vai representar o fim da era do dólar forte?

Não é só na comparação com o debilitado real que a moeda norte-americana ganhou terreno. Praticamente todas as divisas de países emergentes e desenvolvidos se curvaram perante o dólar, num ciclo que já dura quase uma década.

Os que apostam contra o dólar acreditam que a política de mais estímulos fiscais (ou seja, impressão de dinheiro) e maior abertura comercial em um eventual governo Biden tende a enfraquecer a moeda.

É claro que ainda é cedo para cravar qualquer tendência. Mas no curtíssimo prazo essa visão vem predominando no mercado, tanto que o dólar se desvalorizou contra praticamente todas as moedas.

Aqui no Brasil, o dólar caiu 37 centavos em relação ao real em apenas três dias e fechou a sexta-feira cotado a R$ 5,39. A bolsa até ameaçou uma realização de lucros depois da forte alta dos últimos dias. Mas o “efeito Biden” falou mais alto e o Ibovespa voltou a subir.

Na edição desta semana do podcast do Seu Dinheiro, a Julia Wiltgen e eu também discutimos todas as implicações das eleições nos EUA para o seu bolso. Se você perdeu a transmissão ao vivo, ainda pode conferir no nosso canal no YouTube ou ouvir no Spotify.

EMPRESAS

 Na acirrada disputa pela Linx, a Totvs conseguiu voltar para o jogo depois da disparada de suas ações nesta semana. Mas a briga com a Stone para ver quem vai levar a empresa não passa só por quem paga mais. Saiba os últimos desdobramentos da novela

 Pela primeira vez em 15 anos a Lojas Renner fechou um balanço com prejuízo, e as ações reagiram mal na B3. Seria um sinal de crise ou uma oportunidade de comprar os papéis? Veja o que dizem os analistas.

 Enquanto a Renner vive uma maré ruim, o Magazine Luiza surfa uma longa onda de crescimento que colocou a varejista como a sexta ação mais valiosa da B3. Entenda como a empresa se firmou entre as blue chips do Ibovespa.  

 E no clima de sextou, que tal comprar uma tequila de US$ 250 feita por Elon Musk? Bom, mesmo que você quisesse gastar essa fortuna, não seria possível por conta das vendas já terem se esgotado. Confira tudo sobre a nova criação do bilionário da Tesla

ECONOMIA

 A inflação medida pelo IPCA avançou 0,86% em outubro, segundo o IBGE. O resultado, puxado por alimentação e passagens aéreas, marca a maior alta para o mês desde 2002. Veja o que mais pesou no índice.

 A produção das montadoras subiu 7,4% na passagem de setembro para outubro, marcando o maior volume em 12 meses. É mais um sinal de retomada econômica. Mas o país ainda está longe dos patamares do ano passado

 O que mais influencia os movimentos do dólar? Para Fabio Kanczuk, diretor do Banco Central, a trajetória fiscal do país tem pesado mais contra a nossa moeda do que a queda dos juros. Ele também falou sobre o que esperar para a Selic.

COLUNISTAS

 A iminente eleição de Joe Biden injetou otimismo na veia dos investidores globais. Nessas horas, nunca é legal querer estragar a festa, mas é um papel necessário. O Bruno Merola traz na coluna de hoje os riscos de cabeceira dos maiores gestores de fundos do país.

Este artigo foi publicado primeiramente no "Seu Dinheiro na sua noite", a newsletter diária do Seu Dinheiro. Para receber esse conteúdo no seu e-mail, cadastre-se gratuitamente neste link.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Entrevista

‘Desemprego alto e déficit público nos deixam cautelosos’, diz presidente da Whirlpool

CEO da fabricante das marcas Consul e Brastemp diz estar cauteloso para investir em produção e em relação à sustentabilidade da demanda, por conta de desemprego e da situação fiscal

Mercadores da noite

Bolsa, dólar e juros subindo: qual dos três está mentindo?

Quando a Bolsa, o dólar e as taxas de juros estão subindo ao mesmo tempo, um dos três está mentindo – qual deles será e o que fazer?

Infraestrutura

Novo marco legal para ferrovias vai a votação no Senado na próxima semana

Legislação promete organizar regras do setor e permitir novos formatos para a atração de investimentos privados

Telecomunicações

Operadoras cobram transparência do governo na definição da tecnologia 5G

Teles se dizem preocupadas com as “incertezas” relativas ao processo, depois de governo sinalizar banimento da chinesa Huawei

Recorde

Estrangeiros põem R$ 30 bilhões na bolsa brasileira em novembro

Trata-se de recorde de entrada de recursos estrangeiros em um mês, impulsionado pela migração de recursos para bolsas emergentes; movimento por aqui, porém, pode ser passageiro

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies