Menu
Dara Chapman
Financial Journey
Dara Chapman
2020-06-30T11:35:05-03:00
Financial Journey

Disciplina espartana: menos ansiedade, mais comprometimento

Você já percebeu que a sua ansiedade é tão grande que você quer sair logo da poupança sem fazer o mínimo do planejamento?

30 de junho de 2020
11:35
shutterstock_1305610966 (1)

Quero falar com você hoje sobre dois assuntos muito importantes: a ansiedade e o comprometimento.

O primeiro ponto reside na ansiedade de querer ficar rico de um dia para outro. Querer ganhar dinheiro fácil só vai levar você a tomar decisões não apropriadas: investir é um processo e, de uma forma ou outra, o desempenho envolve gerenciar informações.

Você já percebeu que a sua ansiedade é tão grande que você quer sair logo da poupança sem fazer o mínimo do planejamento?

Assim, seja pelo medo de fazer algo novo, ou seja, pelo medo de perder o dinheiro, você acaba não fazendo nada e até hoje continua na poupança.

Outra possibilidade: você é alguém que fica tão ansioso(a) para começar a investir sem estudar que acaba aplicando em um produto oferecido por alguém (gerente do banco ou assessor de investimentos) sem saber se tal produto é adequado ou indicado para o seu perfil de risco?

Em um cenário de bull market você nem iria questionar se a escolha do produto estava correta ou não. Afinal, os preços de ações estariam subindo e o seu extrato mostraria uma apreciação do valor.

Lembra que, somente neste ano, a bolsa chegou aos 115, 118 mil pontos. Todo mundo tinha a falsa sensação de estar rico só porque o extrato naquele exato momento mostrava um valor que te deixava feliz.

Em contrapartida, aquele valor pode ter descido rio abaixo dependendo do risco implícito de seus investimentos.

Mas em momentos normais, você nem percebeu o risco que tomou, porque o ser humano só entende o tamanho do buraco no momento de uma queda.

Quem já passou por uma crise no mercado financeiro sabe exatamente do que estou falando: já vi esse filme 1000 vezes.

Por exemplo, março deste ano. A bolsa caiu para 65 mil pontos. Quem viu o extrato da conta da corretora levou um baita susto: meu Deus! Aonde foi parar o meu dinheiro?

Se você não se assustou, parabéns! Isso significa que você tinha feito um planejamento. Você já entendeu que o mercado passa por períodos de volatilidade, por altos e baixos.

E, neste contexto, o momento de resgatar não é quando ocorre queda total dos ativos, quando todo mundo está correndo para a saída de emergência.

Se você entrou em pânico quando viu quedas de 20%, 30%, 40% do seu patrimônio e deixou as suas emoções tomarem controle, ou seja, o medo de perder era tão grande que você resgatou, eu tenho uma coisa importante para falar.

E esta coisa é justamente o segundo assunto de hoje: qual é o seu nível de comprometimento?

Vou pegar na sua mão agora.

Neste instante, mais do que nunca, você tem que rever o seu compromisso de querer investir. E para investir, de acordo com o seu perfil de risco, você precisa estudar, você precisa planejar.

Você precisa ter no mínimo alguma noção dos produtos que está aplicando e quais riscos estão implícitos naquele investimento, ou naqueles investimentos.

Sabe que hoje a bolsa caminha rumo aos 100 mil pontos? Já recuperou uma boa parte da perda.

O mercado funciona assim nas crises: cai muito forte de forma repentina e, dependendo das informações subsequentes, se recupera, podendo a retomada ser mais lenta ou mais rápida. Contudo, de uma forma ou outra, a recuperação sempre vem.

Infelizmente, o que eu percebo são pessoas querendo ficar ricas sem fazer o dever de casa, ou seja, sem planejar. Desta maneira, preferem acabar delegando as decisões de onde investir e quanto alocar para um terceiro.

Não seria mil vezes melhor quando o seu gerente do banco, ou seu assessor de investimentos, oferecesse um produto, que você tivesse a capacidade de analisar se aquele investimento faz sentido para você?

Você não gostaria de saber o que deve questionar ou conversar com seu assessor? Ou como você pode analisar se um investimento é bom?

Estudando, você vai adquirir confiança, a sua determinação vai crescer naturalmente. Existe uma abundância de material, livros, podcasts sobre como investir.

Agora, se você prefere, ou precisa alguém mais perto de você quando está começando, pode contar comigo.

Eu vou pegar na sua mão e mostrar passo a passo, sem pular nenhuma etapa. Agora prepara-se porque você não vai ficar no sofá com dedos cruzados, torcendo para que tudo de certo.

Vamos estudar agora?

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

vice da república

Com atual sistema, qualquer governo terá de se aliar ao Centrão, diz Mourão

Em live do Banco Credit Suisse Brasil, Mourão justificou a aproximação do governo com o grupo de cerca de 200 deputados que compõem os partidos do centro.

parada desde maio de 2019

Com dívidas de R$ 2,7 bi, Avianca Brasil entra com pedido de falência

Com dívidas que somam R$ 2,7 bilhões, a companhia aérea estava sem operar desde maio do ano passado

os dados da caderneta

Com pandemia, poupança tem captação líquida de R$ 20,5 bilhões em junho

A poupança captou R$ 84,434 bilhões no acumulado do ano. Foi o 4º mês seguido de depósitos na caderneta

Sem empolgação

Aura Minerals estreia na B3 em queda firme e com baixo volume de negociação

Os Brazilian Depositary Receipts (BDRs) da canadense Aura Minerals começaram a ser negociados hoje na B3 — mas os investidores não se mostram muito entusiasmados com o papel

efeito coronavírus?

China confirma suspensão de exportação de carne suína de unidades da BRF e da JBS

Órgão não especifica o motivo do veto, mas as plantas suspensas têm em comum o fato de já terem registrado casos do novo coronavírus entre seus funcionários

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu