Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-09-30T09:06:33-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
privatização na berlinda

Justiça de Alagoas reverte suspensão de leilão serviços de saneamento na B3

Presidente do TJ-AL argumenta que cancelamento do certame provocaria grave lesão à saúde pública e à economia pública

29 de setembro de 2020
20:35 - atualizado às 9:06
Saneamento
Imagem: Shutterstock

O presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Alagoas, Tutmés Albuquerque Melo, reverteu na manhã desta quarta-feira (30) a decisão que suspendia o leilão para a concessão dos serviços de água e esgoto na região metropolitana de Maceió, segundo informações da Estadão Conteúdo.

Com isto, o certame volta a acontecer hoje, às 10h, na B3. Na decisão, o presidente do TJ-AL argumenta que a suspensão provocaria grave lesão à saúde pública e à economia pública.

O leilão tinha sido suspenso na terça-feira (29) por decisão da desembargadora Elisabeth Carvalho Nascimento, do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJAL).

No último dia 24, a 1ª Vara da Comarca de Marechal Deodoro negou liminar ao Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Marechal Deodoro (SAAE), que pedia a suspensão do processo licitatório.

O SAAE interpôs então agravo de instrumento no TJAL, afiançando que a concorrência pública estava "eivada de nulidades", porque não teriam sido realizadas audiências públicas em todos os municípios da região metropolitana de Maceió.

O SAAE alegou também haver ilegalidade na cisão do serviço público de saneamento, uma vez que existiriam localidades que não seriam abrangidas pela concessão.

Segundo a desembargadora Elisabeth Carvalho, o processo de privatização objeto da licitação mostra indícios de irregularidades. "Diante do cenário, entendo por cautela deferir a suspensão da licitação até que haja o julgamento do mérito da demanda, conforme requerido pelo agravante, em sede de liminar, no presente recurso".

Na avaliação da desembargadora, a não suspensão imediata do certame "permitirá a conclusão de processo licitatório em que se discute judicialmente a referida legalidade, ocasionando a conclusão da privatização do serviço público de fornecimento de água e tratamento de esgoto da região metropolitana de Maceió, fato que já é suficiente para caracterizar o referido requisito autorizador do efeito requestado".

* Com informações da Agência Brasil

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

ENRIQUEÇA ATÉ 2024

Não espere o Bitcoin encostar na ‘Cruz da Morte’ de novo: estes 14 investimentos já dispararam até 1300% e têm potencial para te deixar rico daqui em diante

Enquanto muitos investidores olham para as criptos como única fonte de lucros exponenciais, certas ‘pechinchas exponenciais’ seguem fora do radar de muita gente, de dólar a urânio, de urânio a carbono; indicações são de analistas que entregaram até 500% nos últimos 7 anos

Um brinde

A Ambev (ABEV3) nunca vendeu tanta cerveja como no 3º trimestre. E as ações disparam na bolsa

A gigante de bebidas registrou lucro líquido de R$ 3,6 bilhões no terceiro trimestre, alta de 50% e acima do esperado pelo mercado. Hora de comprar a ação?

MERCADOS HOJE

Entre balanços positivos e nova elevação da Selic, Ibovespa opera em queda; dólar avança

Após a decisão do Copom de elevar em 1,5 ponto percentual a Selic, o mercado já espera mais para a próxima reunião. O impasse em Brasília pressiona ainda mais a curva de juros e já precifica uma alta de 1,75 p.p no próximo encontro.

Tendências da bolsa

AGORA: Ibovespa futuro abre em queda após aumento de juros e IGP-M acima do esperado e dólar avança hoje

A agenda de balanços conta com Petrobras e Vale, enquanto o exterior deve sentir cautela antes da inflação nos EUA amanhã

O melhor do Seu Dinheiro

Nem tudo é terra arrasada pela alta dos juros, o mercado pós-Copom e outros destaques do dia

O aperto monetário ressuscitou a renda fixa, com alguns CDBs voltando a pagar taxas de 1% ao mês ou mais.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies