Menu
2018-10-03T14:57:47-03:00
Luis Ottoni
Luis Ottoni
Jornalista formado pela Universidade Mackenzie e pós-graduando em negócios pela Fundação Getúlio Vargas. Atuou nas editorias de economia nos portais G1, da Rede Globo, e iG.
Cenário favorável

Resultados Datafolha e Ibope refletem em ETFs e ADRs brasileiras no exterior

Com fortalecimento de Bolsonaro nas pesquisas eleitorais, principal ETF no exterior avançou 5,64% ontem

3 de outubro de 2018
14:50 - atualizado às 14:57

Os resultados da pesquisa Datafolha ontem à noite, que reforçou a tendência Ibope com Jair Bolsonaro (PSL) à frente na corrida eleitoral e a estagnação de Fernando Haddad (PT), já teve impactos em investimentos do Brasil no exterior.

O principal fundo de índice referenciados em papéis brasileiros no exterior (ETF em inglês), o EWZ (iShares MSCI Brazil ETF) avançou 5,64%, para US$ 35,61, no fechamento do mercado ontem.

Já entre os American Depositary Receipts (ADRs) das empresas brasileiras negociadas na bolsa de Nova York, o holofote da vez foi para a Petrobras, que subiu 6%. A Vale avançou 2,62%. Entre os bancos, o Itaú subiu 2% e o Bradesco, 2%.

Na Europa

Os ETFs brasileiros também apresentaram altas significativas na Bolsa de Londres hoje, com altas próximas a 5%.

O CSBR iShares MSCI Brazil Ucits (ACC) avançou4,89%, a US$ 70,38. Já o IDBZ (Dist) fechou o dia com ganho de 4,88%, cotado a US$ 29,91, e o IBZL (Dist) teve alta de 3,88%, a 2.304,50 libras esterlinas. Em Frankfurt, onde há também negociações desses ativos na Europa, no entanto, não houve transações hoje por causa de um feriado alemão.

Resultado nas pesquisas

O Datafolha ontem à noite confirmou o fortalecimento de Bolsonaro à frente da corrida eleitoral, com 32% das intenções ante os 28% da pesquisa anterior. Haddad (PT), por sua vez, foi de 22% para 21%.

A pesquisa também mostra que o capitão reformado ainda tem o maior índice de rejeição, com 45%, enquanto a do petista saltou de 32% para 41%. Hoje à noite, tem mais um Ibope que deve confirmar de vez (ou não) a tendência das últimas pesquisas.

Na segunda-feira, o Ibope já havia adiantado fortalecimento de Bolsonaro, que foi de 27% a 31%, ante Haddad, que estagnou nos 21%.

*Com Estadão conteúdo

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

RADIO CASH

‘O Banco Central não parece estar comprometido em atingir a meta de inflação’, diz Rogério Xavier, fundador da SPX Capital

Em entrevista ao podcast RadioCash, Rogério Xavier critica o ajuste parcial da Selic e comenta a estratégia por trás dos resultados expressivos que fundos da SPX obtiveram no primeiro trimestre do ano, confira:

destravando valor

Pão de Açúcar lidera altas do Ibovespa com mercado vendo ganhos em venda de participação em e-commerce

Casino, controlador da empresa, estuda fazer oferta de ações de unidade de e-commerce, em que Pão de Açúcar detém participação de 34,17%

Mercados hoje

Ibovespa é pressionado pelo cenário político-fiscal e opera em queda; dólar sobe

Com o cenário político-fiscal pesado, o mercado brasileiro acaba sucumbindo às pressões. No exterior, inflação dos Estados Unidos é destaque

Exile on Wall Street

Meu professor polvo

Desenvolvi um hábito peculiar. Quando preciso ter algum papo difícil com alguém ou há entre mim e alguma pessoa querida algum entrevero, mínima rusga que seja, envio um vinho português chamado “Conversa” e convido para o diálogo. É um gesto carinhoso, de afeto. Mas — confesso — é também um pouco egoísta e parte de […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies