Menu
2019-04-20T15:26:02-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Carteira diversificada

Corretora quer trazer Wall Street para investidor brasileiro com menos burocracia

Corretora fundada nos Estados Unidos por ex-XP Roberto Lee quer facilitar acesso de brasileiros ao mercado de ações americano

3 de dezembro de 2018
10:25 - atualizado às 15:26
Avenue na Nasdaq
Imagem: Nasdaq/Divulgação

Poder investir no mercado de ações dos Estados Unidos é uma curiosidade e um objetivo distante para muitos. Aliás, é lá que estão Apple, Disney, Microsoft e muitas outras gigantes. Mas algumas empresas estão querendo mudar esse cenário, como é o caso da Avenues Securities.

Fundada pelo ex-XP Roberto Lee, a Avenues quer disponibilizar a brasileiros a compra de ações diretamente de Wall Street. E o intuito é conseguir chamar atenção dos investidores que não são milionários, que, nesse caso, já têm diversas opções dentro do próprio mercado norte-americano.

Hoje, como já te contamos nessa matéria, os brasileiros dispõe de diversas opções, como os BDRs, que são mais acessíveis para investir nos EUA. Mas a proposta de Lee é diferente e acaba cortando toda a burocracia que é abrir uma conta em uma corretora por lá.

"O cliente vai fazer um cadastro e transferir os recursos para a Avenue Brasil, que vai operar como um app de meios de pagamentos. Depois que receber o dinheiro, o app transfere os recursos imediatamente par Avenues Securities, a corretora sediada em Miami, e o cliente conseguirá ver qual é o seu saldo em dólar", disse Lee ao portal "Exame".

Mas o empresário aconselha que o passo de diversificar a carteira a nível internacional só deve ser dado com a experiência necessária.

Inicialmente, a empresa planeja disponibilizar ações e ETFs, que têm maior liquidez. Aliás, enquanto no Brasil a B3 dispõe de 15 ETFs, os EUA são mais de 2 mil.

Ainda segundo a "Exame", a Avenue deve cobrar cerca de US$ 5 por ordem feita, valor um pouco abaixo da média do mercado americano, que gira em torno de U$ 6.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

objetivo mais ambicioso

CMN fixa meta de inflação em 3,00% para 2024, com margem de 1,5 pp

Objetivo fixado pelo governo é mais ambicioso do que nos anos anteriores e dá sequência ao processo de redução gradual da meta de inflação, iniciado em 2017

inovação

Duratex cria fundo de R$ 100 milhões para investir em startups

Fabricante de madeira, deca e revestimentos cerâmicos planeja realizar aportes em iniciativas em diferentes estágios de evolução, sendo a única cotista do fundo

FECHAMENTO

BC mais brando e novo ‘pacote Biden’ deram o que falar — com inflação em foco, dólar se firma em R$ 4,90 e Ibovespa volta aos 129 mil pontos

A moeda americana registrou o quarto dia consecutivo de queda, com a pressão do pacote de infraestrutura dos EUA e a melhora do cenário local. No mercado de juros, os investidores reduziram as apostas em uma alta agressiva da Selic na próxima reunião

Fome de propostas

Presidente da Câmara quer acelerar reformas e pautas econômicas no Congresso

Lira espera receber ainda hoje o projeto do governo para mudanças no Imposto de Renda e comprometeu-se a votar a privatização dos Correios no mês que vem

Meta ambiental

Vale triplica para até US$ 6 bi previsão de investimentos para reduzir emissões de carbono

O objetivo da empresa é reduzir 33% das emissões diretas e indiretas de carbono até 2030

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies