🔴 MELHORES MOMENTOS DO MACRO SUMMIT BRASIL 2024 – ASSISTA AQUI

Julia Wiltgen
Julia Wiltgen
Jornalista formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) com pós-graduação em Finanças Corporativas e Investment Banking pela Fundação Instituto de Administração (FIA). Trabalhou com produção de reportagem na TV Globo e foi editora de finanças pessoais de Exame.com, na Editora Abril.
Menos imposto

IOF sobre compras no exterior com cartão de crédito ou pré-pago foi reduzido no início de 2023 e será zerado; veja como fica

Imposto cairá gradualmente até 2028, quando deixará de ser cobrado; mesmo com a medida, custo dos pagamentos em cartão no exterior ainda é alto

Cartões de crédito
IOF sobre pagamentos com cartão de crédito ou pré-pago no exterior caiu de 6,38% para 5,38%. Imagem: Shutterstock

Uma boa notícia para os viajantes e consumidores que adquirem produtos e serviços no exterior: o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) sobre compras no exterior com cartão de crédito e cartões pré-pagos carregados em moeda estrangeira finalmente começou a ser reduzido neste início de 2023.

A medida atinge ainda as transferências para o exterior e os saques internacionais feitos a partir de contas brasileiras.

No dia 2 de janeiro, o tributo foi reduzido de 6,38% para 5,38%, uma queda ainda tímida, mas que sinaliza o início de um corte gradual no imposto até que ele seja completamente zerado em 2028.

A medida consta no decreto 11.153, publicado em 28 de julho de 2022, que prevê as seguintes alíquotas para o IOF cobrado nos caso citados nos próximos anos:

  • 4,38% a partir de 2 de janeiro de 2024;
  • 3,38% a partir de 2 de janeiro de 2025;
  • 2,38% a partir de 2 de janeiro de 2026;
  • 1,38% a partir de 2 de janeiro de 2027;
  • Zero a partir de 2 de janeiro de 2028.

O decreto prevê ainda que a compra de moeda estrangeira em espécie e as transferências para o exterior que hoje são tributadas em 1,1% também terão a alíquota zerada em 2028. Outras operações de câmbio terão o IOF zerado a partir de 2029.

As medidas fazem parte do processo de adesão do Brasil ao Código de Liberalização de Capitais da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

IOF sobre compras com cartões de crédito e pré-pagos ainda é alto

Mesmo com a redução de 6,38% para 5,38% no IOF sobre os pagamentos internacionais feitos com cartões de crédito e pré-pagos, vale frisar que estes meios de pagamento ainda têm custo bastante elevado quando comparados a alternativas mais baratas, como a compra de moeda estrangeira em espécie e as contas em moeda estrangeira.

Assim, o mais recomendável é utilizar esses meios de pagamento com parcimônia em compras e viagens internacionais, preferindo as modalidades mais baratas.

Nesta matéria, eu falo mais sobre as contas em dólar e outras moedas estrangeiras hoje disponíveis no mercado.

Valor em espécie que pode ser levado em viagem ao exterior já havia sido aumentado

No fim de 2022, outra mudança já havia afetado a vida de quem viaja para o exterior. Desde o dia 30 de dezembro, brasileiros podem levar até US$ 10 mil em espécie ou o equivalente em outra moeda estrangeira sem necessidade de declaração à Receita Federal ao viajarem para fora do Brasil. Antes, o limite máximo era de R$ 10 mil.

A resolução, aprovada em novembro pelo Fisco, prevê também a permissão de compra e venda de moeda entre pessoas físicas, no valor de até US$ 500.

As mudanças fazem parte da nova Lei de Câmbio e Capitais Internacionais, que visa a desburocratizar as transações em moedas estrangeiras, tanto para pessoas físicas quanto jurídicas.

Compartilhe

IR 2024

Como declarar fundos imobiliários (FIIs) e fiagros no imposto de renda

12 de abril de 2024 - 7:10

Fundos imobiliários e fiagros têm cotas negociadas em bolsa, sendo tributados e declarados de formas bem parecidas

IR 2024

Como declarar fundos de investimento no imposto de renda

11 de abril de 2024 - 7:15

O saldo e os rendimentos de fundos devem ser informados na declaração de IR. Saiba como declará-los

IR 2024

Como declarar empréstimos e financiamentos no imposto de renda

10 de abril de 2024 - 7:30

Dívidas de valor superior a R$ 5 mil também devem ser informadas na declaração, mas empréstimos e financiamentos são declarados de formas distintas e que requerem cuidados

IR 2024

Como declarar doações efetuadas e recebidas no imposto de renda

9 de abril de 2024 - 6:50

Embora sejam isentas de IR, doações são acompanhadas pelo Fisco, pois modificam o patrimônio dos contribuintes. Você precisa informar ao Leão sobre a origem e o destino dos seus recursos

Viagens internacionais

Nubank anuncia conta global em dólar e euro com uma das menores taxas de conversão do mercado – e faz frente ao Inter

8 de abril de 2024 - 15:30

Nova conta para viagens internacionais é fruto de parceria com a Wise e voltada para clientes do segmento de alta renda Ultravioleta

IR 2024

Como declarar renda fixa e COE no imposto de renda

8 de abril de 2024 - 7:00

Títulos de renda fixa – mesmo os isentos! – e Certificados de Operações Estruturadas (COE) são declarados de forma semelhante. Veja como informar o saldo e os rendimentos dessas aplicações financeiras na sua declaração

IR 2024

Quais os principais gastos dedutíveis do imposto de renda

5 de abril de 2024 - 7:13

Despesas dedutíveis só podem ser aproveitadas por quem entrega a declaração completa e reduzem o IR devido; mas mesmo quem entrega a declaração simplificada precisa declará-las

A DINHEIRISTA

Ele tem um filho fora do casamento, a esposa não sabe, mas ele paga as contas da criança às escondidas — dá para abater do IR?

4 de abril de 2024 - 17:27

Ele tem um filho fora do casamento, a esposa não faz ideia! E os gastos?

IR 2024

Como declarar previdência privada no imposto de renda

4 de abril de 2024 - 7:55

Aprenda a declarar no imposto de renda as contribuições feitas a PGBL, VGBL e fundos de pensão, bem como os rendimentos recebidos dos planos de previdência privada

Pesquisa do Itaú

Poupança ainda compõe a carteira de 40% dos brasileiros com alta renda e conhecimento financeiro

3 de abril de 2024 - 14:52

Entre aqueles que são investidores de perfil arrojado, caderneta de poupança está presente na carteira de 27% deles

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies