O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-04-26T17:16:40-03:00
Isabelle Santos
Disputa acirrada

Bolsonaro tem boas chances de vencer no primeiro turno com lentidão da terceira via

Com a saída de Sérgio Mouro da disputa presidencial, Bolsonaro ganha pontos nas intenções de votos

26 de abril de 2022
17:16
Bolsonaro
Bolsonaro sobe nas pesquisas -

A corrida presidencial já está a todo vapor e a disputa entre Bolsonaro e Lula está cada vez mais acirrada. Pesquisas de intenção de voto dos últimos meses mostram que a diferença entre os dois candidatos vem caindo. O petista está perdendo o favoritismo absoluto de até poucos meses atrás enquanto o atual presidente segue subindo. 

Será que existe a chance de vermos Bolsonaro reeleito? No papo do podcast “Touros e Ursos”, no canal do Seu Dinheiro, no YouTube, os repórteres Julia Wiltgen e Victor Aguiar fazem uma análise do atual cenário político do Brasil. Eles avaliam como a lentidão da terceira via em escolher um candidato para bater de frente com Lula e Bolsonaro pode favorecer o capitão do Exército.  

Confira no vídeo abaixo uma análise do clima de pré-eleições presidenciais e como o mercado pode reagir. 

Crescimento de Bolsonaro nas pesquisas 

A intenção de votos em Bolsonaro cresceu nos últimos três meses. De acordo com levantamentos da XP/Ipespe, na pesquisa de abril o presidente teve um crescimento de 6 pontos percentuais em comparação ao mês de março, passando de 26% para 30%. Enquanto isso, Lula se manteve com 44% das intenções. 

Um dos motivos que explicam o crescimento de Bolsonaro nas pesquisas é a desistência do ex Ministro da Justiça, Sérgio Mouro de concorrer a presidência. Assim, segundo aliados do atual presidente, sem um candidato da chamada “terceira via”, os votos migrariam para Bolsonaro, dando a este a possibilidade de vencer ainda no primeiro turno. 

Percepções do mercado sobre reeleição 

Embora as pesquisas apontem um crescimento das intenções de voto em Jair Bolsonaro, o mercado não expressou nenhuma reação. Isso pode ser um sinal de que, para o setor financeiro do país, um nome da “terceira via” seja mais interessante do que as opções atuais. Na análise dos repórteres do podcast “Touros e Ursos” o mercado pode ficar mais sensível a essas mudanças no segundo semestre. Confira o vídeo na íntegra e entenda por quê. 

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

CVM recua e libera distribuição de dividendos do fundo imobiliário Maxi Renda FII (MXRF11) com base no ‘lucro caixa’ — relembre o caso

A xerife do mercado de capitais reconheceu “a existência de obscuridade e contradição” na decisão original

Superou o trauma? Bitcoin (BTC) segue no patamar de US$ 30 mil; saiba se a maior criptomoeda do mundo sustentará esse nível

BTC terá também que superar os críticos às moedas digitais, que não pouparam esforços para injetar ainda mais medo nesse mercado já extremamente desorientado

CEO do JP Morgan leva cartão vermelho de acionistas e pode ficar sem bônus milionário, entenda a decisão rara

A desaprovação foi a primeira desde que o conselho do banco norte-americano enfrentou um voto negativo sobre compensações desde que as regras foram introduzidas, há mais de uma década

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Hapvida, Magazine Luiza e Nubank tombam, mas Ibovespa fecha o dia no azul; confira os destaques desta terça-feira

O maior apetite ao risco e a expectativa de manutenção no ritmo de alta no juro nos Estados Unidos ajudou o Ibovespa, que teve um dia de ganho

FECHAMENTO DO DIA

Ibovespa sustenta alta após susto inicial com Powell; dólar cai abaixo dos R$ 5

O Ibovespa fechou o dia longe das mínimas, mas o dólar caiu 2% com o apetite por risco no exterior

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies