O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-04-04T15:24:29-03:00
Camille Lima
NAÇÃO CRIPTOAMIGA

Plano de criptomoeda ficou pra trás? Reino Unido quer lançar o próprio NFT; saiba mais sobre o projeto

Reino Unido quer se tornar um centro de referência no setor de criptomoedas e planeja um pacote de medidas para atingir essa posição; entre os projetos, está a regulamentação das stablecoins e revisão do sistema tributário

4 de abril de 2022
15:24
Reino Unido criptomoedas
Imagem: Pixabay

Não é de hoje que o Reino Unido está de olho no mercado de criptomoedas. Um ano depois de anunciar planos para lançar sua própria moeda digital, agora os holofotes da nação recaem sobre o universo de NFT.

Os tokens não fungíveis estão cada vez mais populares, especialmente com a expansão do metaverso, e o Reino Unido não quer ficar de fora da onda da vez — e já está planejando criar seu próprio NFT.

NFT do Reino Unido

A decisão de criar um token não fungível faz parte da abrangente iniciativa do governo para se tornar líder no mercado cripto, de acordo com John Glen, secretário econômico do Tesouro. 

O ministro de Finanças do Reino Unido, Rishi Sunak, já fez o pedido de criação do NFT da nação e, inclusive, deu um prazo de entrega: “até o verão” nos Estados Unidos (quando for inverno aqui), segundo Glen.

“É minha ambição tornar o Reino Unido um centro global para a tecnologia de criptoativos, e as medidas que descrevemos hoje ajudarão a garantir que as empresas possam investir, inovar e expandir neste país”, disse Sunak.

A empresa responsável pela criação será a Royal Mint, a estatal que hoje é responsável também pela produção de cédulas e moedas para o Reino Unido.

“Esta decisão mostra a abordagem voltada para o futuro que estamos determinados a adotar em relação a criptomoedas no Reino Unido", disse o Tesouro do Reino Unido em um tweet

Reino Unido e as criptomoedas

A criação do NFT é só uma das medidas que o Reino Unido quer adotar para se tornar uma “nação amigável” para as criptomoedas. 

O governo do Reino Unido ainda anunciou um projeto relacionado a stablecoins, aquelas criptomoedas consideradas estáveis e atreladas a uma moeda fiduciária.

De acordo com o ministro Rishi Sunak, a intenção é regulamentar esses ativos digitais quando eles forem usados como forma de pagamento.

“Não devemos pensar na regulamentação como uma coisa estática e rígida. Em vez disso, devemos pensar em termos de ‘código’ regulatório [como os de computadores] que podemos refinar e reescrever quando precisamos”, disse o secretário econômico do Tesouro.

Isso porque, segundo o Tesouro, se o governo reconhecer o potencial das stablecoins e passar a regulá-las agora, será possível garantir uma estabilidade financeira, além de dar mais segurança para o uso desse tipo de tecnologia.

“Com uma regulamentação adequada, elas [as stablecoins] poderiam proporcionar um meio de pagamento mais eficiente e ampliar a escolha do consumidor”, afirmou.

Outras medidas para se tornar um “criptoamigo”

O governo do Reino Unido ainda pretende consultar uma regulamentação mais ampla do mercado de criptomoedas em 2022, de acordo com o secretário John Glen.

Glen ainda deve fazer reuniões com importantes membros das autoridades reguladoras e da indústria para discutir sobre as questões enfrentadas pelo setor de criptoativos e aconselhar o governo.

Entre o pacote de medidas determinadas pela nação para entrar ainda mais no universo de ativos digitais, está o aumento da competitividade do sistema tributário no Reino Unido.

O governo quer explorar novas maneiras para incentivar o desenvolvimento do mercado de criptoativos no Reino Unido através dos impostos.

A ideia inicial do governo é revisar como os empréstimos DeFi (empréstimo de finanças descentralizadas) são tratados hoje para fins fiscais e verificar até onde vai a “Isenção do Gestor de Investimentos” para incluir também as criptomoedas.

*Com informações de The Block Crypto

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

CVM recua e libera distribuição de dividendos do fundo imobiliário Maxi Renda FII (MXRF11) com base no ‘lucro caixa’ — relembre o caso

A xerife do mercado de capitais reconheceu “a existência de obscuridade e contradição” na decisão original

Superou o trauma? Bitcoin (BTC) segue no patamar de US$ 30 mil; saiba se a maior criptomoeda do mundo sustentará esse nível

BTC terá também que superar os críticos às moedas digitais, que não pouparam esforços para injetar ainda mais medo nesse mercado já extremamente desorientado

CEO do JP Morgan leva cartão vermelho de acionistas e pode ficar sem bônus milionário, entenda a decisão rara

A desaprovação foi a primeira desde que o conselho do banco norte-americano enfrentou um voto negativo sobre compensações desde que as regras foram introduzidas, há mais de uma década

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Hapvida, Magazine Luiza e Nubank tombam, mas Ibovespa fecha o dia no azul; confira os destaques desta terça-feira

O maior apetite ao risco e a expectativa de manutenção no ritmo de alta no juro nos Estados Unidos ajudou o Ibovespa, que teve um dia de ganho

FECHAMENTO DO DIA

Ibovespa sustenta alta após susto inicial com Powell; dólar cai abaixo dos R$ 5

O Ibovespa fechou o dia longe das mínimas, mas o dólar caiu 2% com o apetite por risco no exterior

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies